Conquista

UOL
  

Samba crioula, que veio da Bahia, pega na criança e joga na bacia...
Estava no trabalho e me peguei cantarolando baixinho este pedaço da cantiga de roda dos meus tempos de criança, ah nem faz tanto tempo assim, foi “ontem” rs  Adorava brincar de roda mas qdo a música era esta eu tentava uma desculpa p/ sair da roda. Tinha PAVOR.  
Criança entende as coisas no sentido literal, eu achava uma violência a tal mulher pegar uma criança e JOGAR na bacia, não importava se era de prata, areada etc., a criança havia sido ‘tacada’ lá, me passava uma sensação ruim...Rs
Aí comecei a lembrar de outras sensações esquisitas daquela época, alguns medinhos de expressões que eu não entendia, como por exemplo "de cara amarrada"...rs .
Uma vez, estava na janela e vi um senhor dizer à moça c/ quem conversava: “aí vc será despejada”. Ela respondeu: “Mas eu não quero ser despejada!” Foi o suficiente p/ eu descer e sentar no banquinho no qual subia p/ alcançar a janela, apavorada, c/ pena tremenda daquela moça. É que minha avó usava o termo "despejar o lixo" referindo-se a jogar lixeira abaixo o lixo e achei que algo assim aconteceria c/ a pobre da moça, imaginem só!  
Foi um alívio p/ mim, enqto crescia, descobrir que existe o sentido figurado dos termos, ufa!

De repente me senti aquela menininha. Lembrei da minha expressão, do meu rostinho, das minhas 2 longas tranças que mamãe apertava tanto, mas tanto que eu parecia uma japonesinha, às vezes...rs  (p/ não desmancharem logo)


capa do livro Medo à Coragem - Nunia Roca
(peguei na Internet)

Tantos medos vieram e se foram, graças a Deus, me tornei uma garota valente, depois uma adolescente muito corajosa e uma mulher adulta guerreira, metida a besta e “marrenta” como meu filho diz sempre, divertidamente.

Hoje eu sou a rainha do sentido figurado, tb uso e abuso de simbolismos p/ expressar e interpretar fatos, idéias, sensações e sentimentos. Me ajudam muito a me fazer compreender e uso tb p/ me ajudar a entender algo.

Há medos e medos. Fundados e infundados.  Mas alguns realmente não tem nada a ver. Estes, no meu caso, qdo existem, procuro transformar em oportunidades de superação e fortalecimento da positividade.
Li uma vez e jamais esqueci, que ‘ter medo é energizar justamente aquilo que não queremos que aconteça’.
Então, procuro não ter medo. No máximo, receio. É a mesma coisa? Pois eu, particularmente, faço uma diferenciação. Receio, p/ mim, está mais ligado a precaução, pro-atividade. Medo não. Se medo é um jeito de trazer o que não gosto e não quero, não serve p/ mim.

Bom, enqto vou viajando aqui na maionese, ‘rabiscando’ isto que já está virando um post, lembro que em diversas casinhas amigas (e no convívio pessoal) me deparo muito c/ a palavra MEDO, geralmente empregada c/ veemência, associada ao sucesso ou fracasso do processo de emagrecimento.

É um tal de “estou fazendo tudo certo MAS TENHO MEDO de não adiantar nada”.  
Ou “não fiz nada direito, estou c/ medo de me pesar”.
Ou ainda “estou indo muito bem, estou chegando no meu objetivo, mas TENHO MEDO de chegar lá e depois botar tudo de novo a perder".
E esta: “Sei que vou chegar lá, é tudo que eu quero, mas TENHO MEDO do que isto vai mudar em minha vida”.

Bom, quem está fazendo tudo certo não pode ter medo de dar tudo errado. É uma incoerência. Só algo excepcional – vinculado à saúde (física/emocional) e ao próprio comportamento do corpo em alguns momentos pode fazer  2 + 2 difer. de 4, nesta história.

Quem está fazendo tudo errado, o que, obviamente, tende a dar resultado desfavorável, em vez de gastar energia sentindo medo, deve usar a energia p/ avaliar o pq de estar fazendo tudo errado e passar a fazer o certo, o melhor possível.  Ficar esmurrando a faca, c/ medo de se cortar e continuar dando socos nela é sinal de que está mesmo querendo viver no risco e sentir dor.

Quem está indo bem e tem medo de depois por tudo a perder, está simplesmente se programando p/ jogar mesmo tudo ralo abaixo. Está queimando cartucho, enraizando em seu inconsciente uma crença de que não será capaz de garantir aquilo que conseguiu e perdendo uma chance bonita de aprender muito, absorver coisas positivas que irão lhe capacaitar a manter-se bem, qdo já estiver no peso/corpo desejado/necessário.

E quem sabe que vai chegar lá mas tem medo de tudo de bom que esta conquista lhe trará, pode começar desde já a tirar esta besteira da cabeça! O novo assusta sim, o novo é desconhecido e o ser humano, naturalmente, teme aquilo que não conhece. Muita gente não conhece ou não lembra a sensação de se sentir mais bonita, mais leve, mais satisfeita consigo mesma, ter mais facilidades na vida prática, ser mais olhada, mais paquerada, enfim tanta coisa...E por causa deste medo, eu já vi muito processo naufragar na beira da praia.

Gente amiga, o recado é: Sem medo de ser feliz.
Sejamos felizes hoje, seja c/ que peso/corpo estivermos. Felizes por estarmos na luta, na estrada, nos cuidando, evoluindo muito, nos
conhecendo melhor, nos aprimorando por dentro e por fora. Não percamos tempo sentindo medo.
Ao invés disso, façamos o melhor que pudermos, todos os dias, p/ alcançarmos o que desejamos. Sabendo que estamos nos dedicando, nos comprometendo e realmente fazendo o máximo que podemos, de um jeito responsável e sereno, o  medo dará lugar à auto-confiança, à tranquilidade, à certeza de que em breve ou mesmo daqui a mais tempo, chegaremos onde queremos.
De passo em passo, a gente vai completar a caminhada!

Eu estou nessa. Não sou melhor nem mais forte que ninguém. Erro, acerto, erro de novo e sigo.

Lembrei de outra, vamos lá:
”...Tira, tira o seu pezinho, bota aqui detras do meu e depois não vai dizer que você se arrependeu... tra la la”



 Escrito por Beth ?s 08h35
[] [envie esta mensagem]


 
   DEPENDE DE NÓS!

Pegue um cofrinho, pode ser um porquinho ou qquer outro de louça, cerâmica,plástico, lata...não importa. Comece a juntar dinheiro, botar moedinha lá dentro. Haverá dia em que vc colocará várias moedas. Haverá dia em que colocará só uma. Algumas vezes, irá depositar moedas de $1,00 e pode ser que em outras só possa colocar de $0,10. E haverá dia (ou dias) em que não colocará moeda alguma. Ou pq não lembrou, ou pq não sobrou uma moedinha, não importa.  Um dia o porquinho estará cheio de moedas e vc poderá abri-lo e usar as economias do jeito que bem entender, p/ algo que planejou, por exemplo.
Só há uma chance dele não encher: VOCÊ NÃO MAIS COLOCAR MOEDINHA LÁ DENTRO - a estagnação. Ou esvaziá-lo antes dele encher, ou mesmo ir tirando, pouco a pouco, moedinha, num tira e põe que faz com que nunca o cofrinho encha. Mas se vc persistir, mesmo que demore, um dia ele encherá. Seja de que tamanho ele for.

Pegue um garrafão de água, onde haja uma torneira. Deixe a torneirinha mal fechada, de forma que a água vá pingando.  Gota a gota, aos poucos o recipiente irá se esvaziar. O tempo que vai levar, dependerá do tamanho do recipiente e da velocidade do pinga-pinga. Se a torneira ficar um pouco mais aberta, escorrerá mais água, se ficar quase fechada, sairão pingos... 
Só há uma chance do recipiente não esvaziar. VOCÊ FECHAR A TORNEIRA ANTES. Ou ficar abrindo e fechando a torneira.
Agora, vamos falar de um corpo onde há excesso de peso, gordura.  O dono do corpo identifica e avalia sua necessidade, estabelece sua meta (alcançável e apropriada), traça seu plano, enche-se de garra e bota o pé na estrada. Começa seu processo de emagrecimento, com base no seu plano e usa todos os recursos motivacionais que conhece e até inusitados, que vai criando, aprendendo etc. p/ manter o ânimo, a determinação. Apropria-se de uma paciência que primeiro parece pequena mas que, a gente aprende, se for alimentada, cresce...cresce...cresce e fica imensa, quase infinita e continua na estrada... Obtém seus primeiros resultados, que podem ser > ótimos, bons, regulares e até ruins... Pq eles são relativos ao QUE se faz, ao COMO se faz, ao QUANDO se faz e a uma série de fatores que podem ou não estar no nosso controle.
Em situações normais, o que pode impedir o dono desse corpo de chegar ao peso desejado? 
Respostas:
1) PARAR ANTES - por impaciência, por desânimo, por falta de determinação, por falta de um bom plano em que confie e sinta-se confortável seguindo, por falta de entusiasmo, por falta de foco, por ficar mudando o método - deixando de seguir o plano, por ex. Ah! Por falta de auto-estima. E tantas outras coisas... o fato é que se parar antes, não chega onde quer. Como quem fecha a torneira antes do recipiente encher, no exemplo que dei.

2) NÃO PERCORRER O CAMINHO DIREITO - como quem bota e tira  moedinha no cofre, conforme mencionei acima. Hoje cumpre o programa, amanhã não cumpre. Faz direito de 2a a 6a e no fim de semana bota sistematicamente o pé na jaca. Cumpre de manhã mas a noite mela tudo. Programa fazer de um jeito e na hora H faz de outra. Permite-se todos os deslizes do mundo, afinal derrapar é normal - mas peraí, não é derrapar o tempo todo, né? 
Aí, não adianta chororôs e blablablas, não tem cofrinho que encha, não há recipiente que esvazie e não há corpo que emagreça direito.
Claro que deslizes são permitidos, digo sempre, somos humanos, aprendizes, não estamos cumprindo penitência e sim nos reeducando. E reeducação é isso mesmo. Mas é diferente de não termos atenção, cuidado, força de vontade, disciplina mínima.
Mas se nos permitirmos o tempo todo todos os deslizes que as circunstâncias nos oferecerem, vamos realmente ficar num vai-e-vem que acabará nos desanimando mesmo,  e ainda por cima ficaremos com aquela sensação amarga do "eu sou incompetente, falhei de novo".
Nós não merecemos isto, em definitivo, não merecemos provocar nossa própria derrocada, né? 

Por isso é tão importante  avaliarmos constantemente nossa evolução comparando c/ nossas atitudes (tb analisadas c/ muita honestidade), nosso estado emocional, hormonal, circunstâncias diversas já que tudo nos influencia e é preciso sabermos como respondemos a estas situações, p/ aprendermos a lidar melhor c/ isto tudo e minimizar os impactos daquilo que pode nos atrapalhar a caminhada.  

Quem toda hora pega uma moedinha no cofrinho e reclama que ele não enche, está de brincadeira né?
E nós, estamos aqui pra valer não é?

Vamos que vamos! Beijão!



 Escrito por Beth ?s 12h37
[] [envie esta mensagem]


 
   Tente Outra Vez! (Composição: Raul Seixas,/Paulo Coelho/Marcelo Motta


imagem: www.mellody2000.com.br/ tenteoutravez.htm

Veja
Não diga que a canção está perdida
Tenha em fé em Deus, tenha fé na vida
Tente outra vez
Beba
Pois a água viva ainda está na fonte
Você tem dois pés para cruzar a ponte
Nada acabou, não não não não
Tente
Levante sua mão sedenta e recomece a andar
Não pense que a cabeça agüenta se você parar,
Há uma voz que canta, uma voz que dança, uma voz que gira
Bailando no ar
Queira
Basta ser sincero e desejar profundo
Você será capaz de sacudir o mundo, vai
Tente outra vez
Tente
E não diga que a vitória está perdida
Se é de batalhas que se vive a vida
Tente outra vez

Eu adoro esta música, aprecio demais esta letra e aqui, no nosso contexto, ela cabe tão direitinho, como um corpo que se encaixa perfeitamente numa roupa no manequim certo, cai como uma luva...Vamos refletir?

Desde que nascemos, temos nossos sonhos, desejos. Qdo pequenos, simplesmente desejamos e esperamos que alguém os satisfaça. Sentimos fome, pedimos comida através do choro, gestos, fala e alguém nos supre. O mesmo c/ atenção e carinho, depois brinquedos, as necessidades em geral vão sendo resolvidas e nós temos só que expressar a vontade. Mas crescemos e começamos a aprender que, de determinada etapa em diante, nós temos que contribuir mais. Na verdade, antes nós já contribuíamos, sem saber. Sinalizar nossas necessidades/vontades, ainda bebês, já era uma responsabilidade nossa. Mas depois, evoluímos e evoluir implica em ter, cada vez mais, que fazer acontecer. 
Um dia começamos a nos arrastar, descobrimos que pondo o joelho no chão podíamos engatinhar, passamos a andar e ver o mundo sob outro ângulo. Evoluímos andando, mas perdemos um pouco de colo. Tudo é assim. Crescer envolve ganhos e perdas. Mas a gente constata que vale muito mais a pena crescer, sempre há mais ganhos.
 
Se a gente desistisse de andar no 1º tombo, estava de quatro até hoje. Não desistimos, embora tenhamos caído, pq não sabíamos, não tínhamos ainda aprendido a desanimar, a nos sentirmos o cocô do cavalo do bandido do filme que ninguém viu. Esta bobagem a gente aprende tb qdo cresce e, infelizmente, muitas vezes passa a pensar mais no que os outros vão achar de nós no que realmente nós pensamos,queremos. Qdo valorizamos mais os tombos e tropeços que as passadas à frente que damos
.
As crianças têm tanto a nos ensinar! Como são tão mais aguerridas, muitas vezes, do que tanta gente já adulta que se escora numa crença negativa de impossibilidade, de fraqueza que não corresponde ao que realmente cada um é e pode construir.

Por isso eu não gosto qdo leio nos blogs amigos ou ouço, no convívio pessoal, alguém se lamuriando além da conta, rastejando numa lama que muitas vezes não existe, ou seja, só está existindo por permissão da própria pessoa. Que pode se levantar, lavar-se da lama e prosseguir, reescrever o capítulo, afinal a vida é sua, a decisão é sua, de mudar, de fazer diferente, de fazer melhor naquilo que tem controle e, naquilo que não tem o controle, ao menos de segurar a onda de um jeito menos negativo é ou não é?

Qdo se contabiliza as alegrias e tristezas, os sucessos e fracassos, os ganhos e as perdas etc.,  conforme o resultado há quem sinta-se satisfeito e há quem realmente fique mal.
Concordo que nem sempre a conta dá resultado positivo. Mas desanimar não muda o resultado. É preciso fazer algo positivo c/ relação às parcelas envolvidas na conta, p/ que o resultado altere. Pelo menos, naquilo que podemos interferir e, a vida vem me ensinando sempre, muitas vezes podemos influenciar sim e muito!
E no que não podemos interferir, então realmente é preciso uma maneira mais leve (dentro do possível, claro) de encarar o resultado, aprender com ele, preparar-se para novas etapas de forma que a próxima conta traga um total mais bacaninha.
Algo não dá certo e, às vezes, mais de uma coisa não dá certo ao mesmo tempo e já vem aquela crença de que há um complô do mundo contra nós. Qual é? Isto resolve?

No nosso processo de emagrecimento, é comum o povo se queixar dos resultados e não avaliar o porque dos mesmos. Geralmente, eles são apenas fiéis ao que fizemos de certo/errado, de bom/ruim, de mais ou de menos, para constituir cada parcela envolvida na conta. Há situações especiais em que eles não revelam tão exatamente a realidade. Geralmente, são aquelas que estão fora do nosso controle (hormônios, situações atípicas do organismo etc.). Mas até isso é contornável e dá p/ reverter, se continuarmos e se aprendermos c/ a avaliação do resultado.

Em tudo na vida e no nosso emagrecimento também, é preciso muitas vezes TENTAR OUTRA VEZ.
Acreditar sempre na possibilidade de fazer de novo, fazendo melhor. Como nas vezes em que vc apagou uma resposta errada no seu caderno de escola e, naquele mesmo lugar, copiou a certa e aprendeu mais uma coisa. Teve vez que eu apaguei tanto, pq errei mais de uma vez, que a folha rasgou. O caderno ficou feio, a professora brigou, a mãe reclamou...mas eu aprendi. Aprendi a resposta certa, aprendi que é preciso pensar antes de responder, aprendi que errei pq estava tentando acertar (ou pq respondi sem compromisso, errando em dobro), aprendi que até p/ passar a borracha há que se ter calma, atenção.

 Se ontem não foi como vc queria, seja qual for o motivo (avalie-o, sempre), faça um HOJE melhor. HOJE é sempre o melhor dia p/ fazer melhor, p/ fazer o certo, o mais certo possível. Mas fique firme... deixe o desânimo... sai da lama jacaré!  TENTE OUTRA VEZ! Mas com o compromisso de realmente agir do melhor jeito possível, confiando no seu taco, acreditando no que faz!

Se o resultado não foi o que vc esperava, analise, entenda o que houve, não se culpe nem se desculpe, apenas faça de novo e faça melhor! Olhe para trás e veja quanta coisa você já venceu! Teria conseguido tudo isto, ao longo da sua vida, se tivesse desistido?

Olha lá, o que o Raulzito disse: TENTE, VEJA, TENHA FÉ, QUEIRA...TENTE OUTRA VEZ! 

Eu estou começando a semana com toda a força. Cometi erros terríveis no sábado, principalmente. Me abater? Que nada! Não me ajudaria, eu hem! Eu já estou é batalhando, TENTANDO OUTRA VEZ! Beijos!



 Escrito por Beth ?s 21h54
[] [envie esta mensagem]


 
   Meu caminho

Final de semana é muito bom não acham? Ainda mais quando a gente acorda, olha para fora e vê um dia lindo, ensolarado, céu azul...que delícia!

O Victor comentou no meu post de ontem, sobre o meu jeito bem-humorado de relatar uma semana complicada, perguntando tb sobre minha paciência que ele qualificou 'incomensurável'. Adorei a deixa que ele me deu, claro que respondi num comentário imenso que deixei lá no blog dele...rs Foi mais uma chance que meu amiguinho Eremitus gente boa me proporcionou de eu mesma reavaliar o que sinto e penso c/ relação ao meu processo e confirmar, mais uma vez, o qto estou confortável dentro dele, o qto confio e desejo prosseguir e isto tem a ver com o fortalecimento contínuo da minha vontade - o meu QUERER e da minha convicção de que chegarei onde quero.

Sobre o jeito leve como resumi a semana, qdo muitos (inclusive o Victor, segundo ele comentou), supervalorizariam todo o desgaste, todas as chateações, correrias e complicações inerentes, sou mesmo uma pessoa que, de maneira geral, vê as coisas pelo lado positivo.
O que não me impede de esbravejar, xingar muito (sim, eu xingo e muito...rs) e dar meus ataques e piripaques. Mas eles passam e eu sigo. E, sinceramente, se formos avaliar c/ muita honestidade, o saldo da semana é positivíssimo.

Meus sobrinhos estão vivos, recuperando-se já em casa, fora de perigo e isto é um milagre, bênção de Deus, as fotos do que 'sobrou' do carro e do muro semi-destruído confirmam. Então, temos que agradecer e ficar muito felizes.

Se trabalhei em triplo, tb tive oportunidade de me aprimorar ainda mais, eu que trabalho há 30 anos (mais que a idade de muitos de vcs...rs), gosto de seguir, de desafios, sempre aprender mais, sempre saber mais, portanto o ganho que tive foi proporcional às preocupações e correrias, valeu a pena sim!

Se não comi do jeito certo e não me exercitei e não aumentei o peso do jeito que imaginava/temia e até eliminei 300g, então é p/ pular, dar soco no ar como Pelé fazia e voltar pro jogo, pois ele não terminou e ainda há muito o que fazer.

É a transformação que podemos fazer em tantas coisas...

Minha paciência? Aqui repito tb o que comentei no blog do meu amigo: Nem sempre ela foi tão resistente, mas felizmente os anos e as porradinhas da vida (as que dei e as que levei) me deram mais que os cabelos acobreados (graças à Wella, Loreal e Garnier...rs) e eu vou, dia a dia, aprendendo um pouco mais e entendendo que é uma virtude que na prática traz um benefício imenso, maior ainda que apregoado na teoria. Mais que uma virtude, é uma técnica, uma ferramenta que, uma vez adotada vai se impregnando e garanto, como é bom estar com ela!

Com relação ao meu emagrecimento, minha paciência incomensurável é tão somente diretamente proporcional à minha vontade de chegar onde preciso,aliás, DESEJO chegar. E saber que consegui tanto até aqui, graças justamente à persistência e à paciência que tanto apregôo aqui, nos blogs amigos e nos contatos pessoais, é a chave para que ela seja fortalecida e eu continue.

Sim, este platô é uma m.... não vou negar que ele me tira do sério muitas vezes, porém o conceito de "tirar do sério" no meu caso, não tem nada a ver c/ desanimar, mudar de método etc. E sim, c/ "dar um xilique" mas aproveitar p/ mais uma vez (nem que sejam mil vezes) reavaliar conduta, pensamento, alimentação em geral e sempre, sempre, sempre, detectar que algo pode ser feito um pouquinho melhor. Nem que este melhor seja apenas ter um pouco mais (ainda mais) de paciência.

Não é à toa que eu digo e repito mil vezes aqui e em todo canto que ao iniciar o VP, o foco unicamente era emagrecer e, aos poucos, percebi que a reboque, vinham outras conquistas bacanas, o auto-conhecimento cada vez maior, uma maneira mais acentuada de observar, o desenvolvimento da acuidade sensorial, um bando de coisas. Hoje, no entanto, a coisa mudou. Hoje tudo isto é "a conquista" e o emagrecimento, muito importante, vem a reboque de tudo que estou ganhando com este processo.

 E é isto que eu sempre procuro injetar em cada um de vcs, amigos queridos: ânimo, força, crença positiva, entusiasmo, auto-confiança, nada disso é privilégio de A ou B, todos nós, sem exceção, temos isto, só que às vezes deixamos estas características adormecidas, elas nos fazem muita falta, elas nos impulsionam, nos ajudam a caminhar p/ a frente, então gente amiga, vamos lá, todo mundo acordando suas potencialidades, todo mundo acreditando em si mesmo e parando de supervalorizar as porcarias a que todos somos submetidos vez ou outra (e até c/ mais frequência do que gostaríamos) e tratando de ver qta coisa bacana temos à nossa volta, na nossa vida, em nós mesmos. E usar isto a nosso favor!

Uma nova semana está prestes a começar. Que tal todo mundo se COMPROMETER (que é bem diferente de 'prometer') a iniciá-la assim, trabalhando no "chacoalhamento" das coisas, da vida, botando tudo de bom que está aí paradinho pra funcionar hem?

Seu castelo está na sua mão, sonhar com ele é fundamental mas construí-lo depende de você! Se permitir que todo vento o derrube, não ficará pronto nunca!

Combinado então? Então tá!

Beijocas!

 Recados: 1)Karina, infelizmente não consigo mais visitá-la, aparece msg dizendo que não estou autorizada a entrar na página. Que pena!   2)Tive que apagar alguns blogs que estavam desatualizados há tempos ou que o(a) dono(a) me abandonou há muito tempo...quem retornar à blogosfera ou se sentir injustiçado manifeste-se e voltará à lista, terei imensa alegria em incluir de novo tá? 3) Horas e horas visitando a galera, matando saudade dos cantinhos, se ainda não cheguei no seu, aguarde, estou a caminho...rs



 Escrito por Beth ?s 08h51
[] [envie esta mensagem]


 
   BALANÇO DA SEMANA

"Os problemas da vida são como um tarado bem dotado: é melhor enfrentar, porque se vc virar as costas, vai ser bem pior." 

O balanço da semana é até difícil de fazer. Sabem aqueles dias em que a gente fica pedindo a Deus para 1h passar a ter 120´em vez de 60´? Esta semana foi assim!  Muitos altos e baixos, uma correria danada, mas vamos lá:

- Encontro de domingo:maravilhoso rever amigos,conhecer pessoalmente mais algumas pessoas,todo mundo lindo, querido, mas não fiquei....
- Sobrinhos acidentados, susto, agonia, corre-corre, suporte à família, mamãe de novo lá em casa...
- Minha chefinha de férias, eu substituindo-a na ger.geral dos projetos, além das minhas mil ativ. agreguei mais algumas.Mas sou 'macaca velha', dei conta...
-Saí tarde do trabalho 3 dias na semana. Teve dia que não saí p/ almoçar.
-Escrevi tão bonitinho no blog sobre as escolhas etc do jeito que penso, fiz tudo tão diferentinho e feinho...no mesmo dia tsc tsc tsc
-Apesar de tudo, a calça preta que usei anteontem p/ trabalhar está caindo, ai que delícia...Epa, vou ter que fazer o ‘sacrifício’ de comprar uma nova...? Yeahh  Tá bom, posso mandar apertar, eu sei, rs
-Ativ. física esta semana? Só andar p/ lá e p/cá no trabalho, falando c/ mil pessoas, resolvendo mil pepinos, saindo tarde da empresa etc. Caminhada na praia? Ó saudade, nem um diazinho sequer. Hidro? Tb não, acordei sempre muito cedo mas foi p/ ralar mesmo!
-Vixe! Fiquei menstruada ontem (5a feira) e me dei conta de que não vi D.TPM. Ou ela faltou ao serviço (eba) ou os dias foram tão corridos que eu nem a notei (eba eba) rs Bom, vai ver ela estava aqui e eu não percebi, ontem me olhei no espelho e me achei mais gorda. Tirei foto 3x4 e me achei velha. É a tal ‘lente de aumento’ só p/ ver defeitos, que a gente usa qdo está neste período hormonal,né Valzinha?
-Hoje já me olhei de novo e me achei bonita, mais magra e jovem. À medida que a M avança, a TPM, mesmo discreta, já me permite olhar sem a tal lente de aumento...eba!
-Marido pegou uma gripe daquelas, o pobrezinho está um caquinho e eu nem consegui cuidar dele direito, nossa...
- Mão direita: 1 unha roída, 2 quebradas, 2 inteiras mas tortas. Mão esquerda: Tudo torto. Não deu p/ ir na manicure. Estão um lixo...rs
 - O frango ensopado que fiz correndo ficou sem graça e a carne assada que temperei quase meia-noite de um dia e assei quase meia-noite do dia seguinte, ficou salgada demais, Ave Maria! Cozinhar eu sei, mas fiz tudo "daquele jeito" Hehe
- Sobrinhos tiveram alta, estão em casa, sob os cuidados e paparicos familiares e de amigos, obrigada meu Deus!
- Saldo de 2 semanas e meia sem empregada: 1 sofá de 2 lugares lotado até o alto de roupa p/ passar. Lavar, a máquina lava e o meu amorzão tb lava legal o que tem que ser na mão.
Mas e passar? Não tem máquina de passar. Não passo. Até pensei, mas não passei. É mais forte que eu. Encaro processo de emagrecimento, encaro muito trabalho e muita hora extra, encaro problemas, encaro um monte de coisas. Não encaro serviço doméstico principalmente ferro de passar...rs

- Mas algumas almas agradecidas saíram do umbral e sobem felizes ao céu, eu passei uma camisa social esta semana, tá? Por isso choveu tanto no Rio, será?
-Consegui fechar negócio c/ uma ex-ex-ex-empregada que nós adoramos (e felizmente nos adora tb), começa 2a feira eba eba eba!
-Comi susto, preocupação, stress, pressa e cansaço. Tudo que digo que não podemos fazer, né? Não ultrapassei faixa de pts mas tb não fiz boas escolhas. Comi pouco legume e até pouca fruta, embora eu adore. Esta semana fui boa na teoria e péssima na prática.
- Fui ao VP por fidelidade (a mim mesma, ao meu processo), mas sem qquer expectativa nesta semana maluquinha, porém fez-se o milagre, apesar de tanta confusão eu eliminei 300g, O que é um fenômeno a ser devidamente comemorado e agradecido a cada segundo. E como agradecer por tanta benevolência? Fazendo uma nova semana bem bacana, bem segura, controlada!
- Já estou pensando no próximo encontro, sabiam?
Vamos começar a combinar c/ antecedência o encontro de julho? É que eu estou que nem criancinha que tiraram o pirulito já na boca...rs...Das sugestões já catalogadas, temos: Quinta da Boa Vista, Passeio na Orla (aí eu sugiro Ipanema, com direito às pedras do Arpoador, eita que as fotos vão ficar lindas), Praia Vermelha (c/ caminhada na maravilhosa pista Claudio Coutinho), Jardim Botânico (divino, dispensa comentários)... Mas certamente vcs têm mais lugares bacanas p/ sugerir, vamos lá, comecem!
- Liguei p/ a casa da Lu Coelho ontem, sua mãe disse que ela passa bem (não nos falamos, ela estava dormindo). Graças a Deus!

Fiquem com Deus, tenham um final de semana maravilhoso, cuidem-se com amor e façam o melhor por si mesmos, combinado?

A melhor maneira de servir a Deus é indo ao encontro de seus próprios sonhos.Só é feliz quem pode espalhar felicidade! (Paulo Coelho)



 Escrito por Beth ?s 15h38
[] [envie esta mensagem]


 
   Auto-Ajuda? Eu gosto!

UpDate
Hoje no shopping esperava meu prato ficar pronto (Bon Grille) qdo uma mocinha muito lindinha se aproximou, meio sem graça e perguntou: “Desculpe, mas seu nome é Beth?”. Respondi: Sim! E ela: Eu sou a Lika! Foi uma alegre surpresa! Minha colega de trab., que não sabia da existência do blog, não entendeu nada, depois expliquei direitinho a ela. Lika, vc é muito bonita e simpática, tb adorei conhecer sua mãe que é linda e super pra cima! Espero vê-la mais vezes e no próximo encontro, vc não pode faltar!

Lendo o encarte de uma livraria, c/  livros em promoção e me chamaram a atenção os comentários sobre cada  um, vejam só:... “ A vida é feita de 1% de inspiração, 99% de transpiração e 100% de ATITUDE.
..."Tudo começa c/ um sincero desejo de mudança; depois vem a organização dos objetos pessoais, do dinheiro, da saúde, do tempo, das amizades e até da vida afetiva. Simplesmente simplifique e seja mais feliz!" 
...
“ Este livro ensina a modificar o estadoa de espírito através da mudança de seu estilo de pensamento”.
...“A vida é como um rio, dividido em trechos: alguns calmos, tranquilos, constantes, outros acidentados e turbulentos. No entanto, em vez de aceitar os trechos difíceis como parte do caminho, ficamos tristes e deprimidos...”. 
... “Aprendizado a partir das insatisfaçãoes do dia-a-dia que permitirá a você assumir o comando de sua própria vida...”

Em apenas 5 minutos me deparei c/ comentários sobre livros que devem ser interessantes, há quem deteste literatura de auto-ajuda, há uma infinidade de guias de “como ser feliz” etc. mas sabem, eu acho que qualquer coisa – c/ fins comerciais ou não, que de alguma maneira instigue alguém a pensar positivamente, a iniciar dentro de si um processo de aprimoramento através de coisas que até podem ser óbvias – mas quem disse que todos vemos o tempo todo o óbvio que está aí, na cara da gente?
Além do mais, se há tanta gente escrevendo livro de auto-ajuda, é pq o que não falta é quem precise deles e eu, confesso c/ tranquilidade, gosto sim. Claro que tem os melhores e os piores, mas aí a gente filtra. 

Costumo dizer que de repente, algo que já foi dito mil vezes e está em um destes livros pode vir a dar a sacodida, a cutucada amiga que alguém está precisando mesmo que seja algo simples, que a pessoa esteja careca de saber mas não se toca, envolvida nos problemas, nas insatisfações e em tantas coisas que o dia-a-dia nos faz esquecer de pensar e praticar, não é?
Sinceramente, me deu vontade de comprar todos os livros. Um colega um dia falou ‘estes caras estão é enchendo a burra de dinheiro’ e eu respondi: “Aah deixa o carinha que escreveu ficar rico ué, tomara que ele seja alguém que aplica o que ensina no livro, se de alguma maneira ele está ajudando alguém, que seja abençoado então!”

E quem achar que pode se beneficiar c/ a leitura dessas dicas e opiniões, que as use sim!
Tanta coisa recebemos via e-mail, os Spams da vida enchem o saco mas tb nos trazem muitas vezes mensagens bonitas, sempre se aproveita alguma coisa e, não raro, é destas coisas que eu faço um post, associando o tema ao nosso processo, às coisas corriqueiras e dando minha interpretação.
Sabem o que acho? Qdo a gente olha c/ olhos de ver, até “tico-tico quer pousar no meu fubá” é uma frase que tem significado profundo hehe
Talvez por isso muitas vezes a vida das pessoas pareça complicada, pela falta de um olhar mais simples, que não busque nada mais do que a mensagem  que praticamente tudo traz, explícita ou implicitamente.
Às vezes acho que complico algo muito simples. E muitas vezes simplifico algo muito complexo. É o jeito como escolho (mesmo sem perceber) encarar as coisas.

Ah,  mas isto é bom, instigante, ihhh...acho que viajei aqui na maionese - light, claro! haha
E só p/ finalizar o papo, mais um comentário que li: “Confiar em si mesmo é capaz de levar a surpreendentes vitórias, diante de situações de grandes desafios. Aprenda a valorizar-se, lançando mão do imenso poder de sua intuição”.
Gostei de novo!
O fato é que eu acredito sim que tudo começa dentro da nossa cabeça, que nossas conquistas têm início no momento em que sonhamos c/ elas e começamos a desenhar na nossa mente o “COMO” fazer, e obviamente, qdo partirmos p/ a ação, pois só sonhar não resolve a situação e a gente não quer ter o prazer da vitória só na imaginação, quer sentir de verdade, não é?
Quem quer emagrecer, antes de começar a fazer algo, precisa do que? Ter aquele “click” lá dentro de si (motivado ou não por algo de fora), p/ sentir a vontade. E aí, é preciso de um modelo p/ sonhar. É qdo a gente fecha o olho e se imagina mais magro, vestindo uma roupinha bacana (ou até se vê sem roupa alguma), começa a projetar o que quer alcançar. Aí, já passa a procurar o caminho p/ chegar lá – é o planejamento de como, quando... e tudo que envolve a preparação da conquista (mas ela já está começando a acontecer, dentro da sua cabeça. Mas se a pessoa, no momento em que está ainda sonhando, começa a deixar que pensamentos e idéias derrotistas invadam o sonho – transformando-o em pesadelo, aí ela começa a trabalhar no seu fracasso. Ainda não fez nada nem p/ vencer, nem p/ perder, mas já começou a fracassar.

Por isso é tão importante manter acesa dentro da gente a chama do otimismo, da crença positiva de que somos capazes de alcançar o que estamos projetando. Desde que nosso projeto seja viável, que o caminho escolhido seja bacana e que estejamos dispostos a enfrentar a estrada, gerenciando a caminhada corretamente, conseguimos sim, eu creio nisto de verdade.
Não dá é p/ projetar algo inatingível ou escolher um caminho maluco ou não se determinar de verdade e, pior ainda, fazer tudo certo mas não fortalecer em si mesmo a certeza de que pode chegar lá. Ou tudo junto. Aí, não tem força do pensamento que funcione, pois até o pensamento já está desvirtuado não é?

Na minha cabeça, eu sou capaz de chegar na minha meta, enfrentar as tempestades, percorrer todo o caminho mesmo que às vezes seja aos trancos e barrancos, como tem sido esta semana. E sigo. E vocês? Beijo!



 Escrito por Beth ?s 10h28
[] [envie esta mensagem]


 
   Gente querida, desculpem o sumiço, mas tem sido dias de muita correria em casa, no trabalho, no geral. Agradeço a solidariedade e as orações por meus sobrinhos, que estão fora de perigo. Valeu mesmo. Vocês são maravilhosos.

A gente planeja uma coisa e acaba fazendo outra. Aí se sente mal, reclama abessa, até parece que alguém enfiou comida na nossa boca e que não podemos dizer SIM/NÃO, declinar do que não é ideal, fazer opções. Sempre há forma de evitar sair da linha. No dia a dia não faltam ocasiões p/ fazermos tudo errado mas sempre podemos transformá-las em oportunidades p/ fazermos o certo, ou pelo menos, o mais certo possível.  Podemos fazer melhor?

1) Numa lanchonete onde os salgados são ótimos, planejei comer um, está no meu programa, cabe na faixa do dia, tudo ok. Lá tanto posso pagar antes ou depois de comer.  Resolvo pagar depois. Peço meu salgado e meu refri light e enqto como vou olhando a vitrine, repleta de coisas cheirosas, bonitas, gostosas e calóricas, claro! Sem concentração no que como eu mastigo e engulo quase automaticamente enqto minha atenção já está no outro ali, tão grande, humm aquele ali então...Resultado: Não curto meu salgado, meu corpo nem se toca que está sendo nutrido, a sensação de que não comi prevalece. E a mente, totalmente voltada p/ outro salgado que não estava nos planos, que já não cabe naquela refeição. E aí, tb entra a facilidade de não ter pago ainda, nem vou ter que encarar outra fila. Como não "dançar"?
TRUQUE: Pagar sempre antes o que está planejado, pois entrar 2 vezes na fila só mesmo c/ muita vontade ou falta de força de vontade né? Comer devagar, c/ atenção, curtindo cada mordidinha do salgado (ou doce, o que for), dando tempo de cérebro e corpo se falarem e o organismo entender que vc já está comendo o que tinha proposto. Não ficar grudada na vitrine, babando os outros itens expostos. Isto evitará a gula e ainda ajudará outros clientes a poderem chegar ali e fazerem suas escolhas, seus pedidos.
2)Num restaurante no estilo Buffet, come-se o qto quiser, pagando a mesma coisa, ô perigo! Aí, vem o pensamento ‘de gordo’: Se estou pagando a mesma coisa, vou comer o máximo que aguentar. A famosa “Lei de Gerson – tem que levar vantagem em tudo”. Aí, entra o conceito de “levar vantagem”. É comer feito doido, botando dentro de vc mais do que deve e até mais do que cabe, só p/ aproveitar cada centavo pago? Ou é comer bem, mas sem exagero, fazer boas escolhas e isto envolve comer coisas gostosas sim, só que c/ controle, ficar satisfeito e ainda por cima saber que não abusou e que esta refeição não lhe atrapalhará? Mas nem sempre é assim. Neste buffet vc gosta de quase tudo e tudo está tão bonito, tão tentador...Difícil mesmo. E a mesa de sobremesas? Vixe! 
TRUQUE: Se não se sentir ainda no controle da situação p/ ir num lugar assim, evite-o.  Há diversas opções de restaurantes, tanto a kg como a La Carte, escolha locais onde vc coma bem mas que seja mais fácil manter o controle. Lugares em que o próprio tipo de serviço já restringe um pouco. Mas se não for possível, então antes de tudo encha seu prato de salada, muita folha, muito tomate, palmito, alguns legumes, faça um prato daqueles que a gente “pasta”, em vez de comer...rs Coma-o devagar. Depois, sirva-se de outro prato, c/ alguns itens diferentes, verá que já está meio satisfeito e que não conseguirá comer metade do que havia se proposto qdo chegou ali. Então faça escolhas. Um tipo de carne. Um tipo de massa. Uma outra coisa até mais calórica, que vc está c/ vontade. E não tudo que está ali, disponível. Estes lugares existem p/ que vc tenha variedade, mais alternativas e não p/ vc morrer de comer, sabia? E mais: vc tem compromisso consigo mesmo, c/a balança, c/ seus sonhos. Lembre-se disto enqto se serve
.

3)Vc não tomou café da manhã pq saiu de casa c/ pressa. Não lanchou pq o tempo voou e vc quase não viu a hora do almoço chegar. Desesperado de fome e sentindo-se um pobre coitado, sai desatinado buscando comida. E, na ânsia de resolver rapidamente a questão, entra no 1º lugar que vê. É engraçado, mas dificilmente nesta hora o primeiro lugar é de saladas e grelhados, SEMPRE é um McDonalds, um Bobs, uma pizzaria. INCRÍVEL! Deve ser complô do destino...rs
E se está em casa, pior ainda. Abre a geladeira e, impressionantemente, não consegue enxergar nenhuma opção leve, só vê coisas pesadas, calóricas...aquilo que chamamos de “qualquer coisa” (está sempre nas frases: comi qualquer coisa que vi pela frente). Qquer coisa SEMPRE é muito calórica. A pressa é o argumento e junto da fome, ficam imbatíveis.
TRUQUE: Primeiro, vc não tem que ficar sem café da manhã. Mesmo c/ pressa, pegue 1 iogurte, cream cracker, 1 fruta. Se não puder sentar p/ comer (eventualmente), carregue consigo. Mas coma. Segundo, tem sim alguma opção light perto de vc, olhe c/ olhos de ver, não finja que não sabe disso. Na geladeira, se vc está mesmo atenta ao seu processo, deve sempre haver alguma coisa leve. Verdura, legume já cortado e cozido, frutas. O tempo que vc leva p/ esquentar no forno uma lasanha de microondas é igual ou maior que o tempo que vc faz, se já não tiver pronta, uma salada bacana, c/ um grelhado ou outro acomp. como kani, atum light em lata etc.
Uma xicara de macarrão cozido, misturada na panela c/ molho de tomate, legumes, ovo cozido picadinho, queijinho ralado – não prejudica, fica pronto num min e se transforma num pratão depois de pronto.
Até um sand. natural bem caprichado, daqueles que a gente abre o bocão p/ morder e esparrama tudo, é nutritivo, é uma refeição (conforme o que vc colocar dentro), é rápido de fazer e não atrasa seu processo.
E na rua, se em último caso não houver nada diferente do McDonalds, então faça uma escolha melhor. Coma a salada, algo assim.
Não é proibido lanchar eventualmente no Mc, mas deixe isto p/ aquele dia em que vc planejou isto, vai ser muito  mais gostoso, não acarretará culpa, nem kg a mais.

3) E as promoções? Tipo: 2 fatias de pizza + 1 refri pelo mesmo preço de 1 fatia. O olho grande manda ver né? Baratinho né? Vai nessa! Que nada, sai dessa! Se é p/ economizar, economize aborrecimento, chateação, insatisfação por ter abusado.
Tudo é jeito de encarar e de fazer as coisas.
Tenho certeza de que cada um, neste momento, poderá pensar em mais algumas situações assim, corriqueiras, em que se pode usar algum truque, estratégia etc. p/ realmente se dar bem, no melhor sentido do termo né?

Beijão !



 Escrito por Beth ?s 08h37
[] [envie esta mensagem]


 
  

O domingo começou c/ a ansiedade e alegria pelo encontro no Parque Lage, principalmente ao ver que o tempo estava bom e, um telefonema qdo eu já estava quase saindo de casa, mudou os planos. Meus sobrinhos André e Danielle sofreram um acidente de carro no fim da madrugada e estão hospitalizados. Graças a Deus, apesar de ter sido um acidente muito feio - não sobrou NADA do carro, eles não correm risco, o Senhor os preservou, mas precisam de cuidados especiais e de observação por mais um tempinho, ambos estão em CTI semi-intensivo.
André e Dani, meus amores, minha gatinha e meu lindo, como os chamo sempre, Deus os proteja e que logo estejam em casa, recuperados, maravilhosos como sempre. Titia ama muito vocês.
Com isto, não pude ficar no encontro, fui só um pouquinho e nem deu p/ curtir direito a companhia querida dos amigos que lá estavam.
Meu marido tb não foi, pois correu p/ um dos hospitais (devido a convênios médicos diferentes, cada um ficou num lugar). Agradeço de coração a todos que compareceram ao encontro pela compreensão da minha necessidade de ir embora. Tenho certeza de que correu tudo muito bem, a Val me deu uma 'palinha' depois, rapidamente, por tel. e não podia ser diferente, afinal só tinha ali gente maravilhosa.

Estou exausta, preocupada, o Vi está c/ aquela bendita enxaqueca - totalmente previsível depois de um dia tão tenso e minha mãe,novamente aqui comigo, precisando de atenção. Por isso, não vou me estender. Epa, já me estendi....rs
Fiquem com este texto que eu não li no jornal mas um amigo me enviou, adorei. Amanhã eu volto c/ calma. Beijos mil a todos e um beijo especial à galera do Rio que foi ao encontro e um beijinho extra para Fernando e Adriana. Espero vê-los sempre hem!


Heloneida Studart

Não me interesso por reis, nem os do baralho. Mas como me interesso pelo amor e, principalmente, por histórias de amor, não pude evitar o envolvimento  quando li que aconteceu o final feliz da saga amorosa do príncipe Charles, herdeiro do trono da Inglaterra e dessa senhora de meia-idade, Camila Parker, sua eterna namorada.
Trinta e quatro anos de amor! Trinta e quatro anos entre dificuldades de toda ordem, imposições da família real,  intrometimentos da Igreja Anglicana, casamentos com pessoas diferentes, cerimônias espetaculares (o casamento dele com Lady Diana foi um dos eventos de maior pompa que o Reino Unido já viu), filhos de outros matrimônios e o amor dos dois lá, brilhando, como uma luz extra-terrena, um sol perpétuo.
E nem se pode dizer que era um desses afetos eternizados pelas afinidades intelectuais e psicológicas como foi, por exemplo, o de Sartre e Simone de Beauvoir. Nada disso.  O romance do feio e desengonçado filho da rainha Elisabeth com a feiosa Camila tinha fortes raízes eróticas, como mostrou o telefonema gravado de um diálogo entre os dois ("Eu queria ser um Tampax" etc.).
Ele a amou toda a vida como Florentino Ariza amou Firmina Daza, em Amor nos Tempos de Cólera, de Gabriel Garcia Marques. Não valeu o tempo, não importaram as rugas, as pelancas. O mundo inteiro, convertido aos mitos da beleza e da juventude, torceu para que ele amasse a formosa Diana. No entanto, o príncipe desengonçado só amou a sua bruxinha, com aquela cara amassada e cheia de marcas, com aquele corpo desgracioso. >
Camila Parker Bowler é uma vitória do amor sobre todos os estereotipos do nosso tempo. Juliana Paes, com seu traseiro formoso, inspiraria amor igual? E Luma de Oliveira, com suas coxas célebres? Seguramente, não.
Essa inglesa feia, de 57 anos (ela é até mais velha do que o príncipe) mostrou a todas as mulheres, as que não são jovens, não são belas, nunca aplicaram silicone ou usaram botox, que uma mulher pode ser amada por ela mesma - e para sempre. A obsessão pelos corpos sarados, pelas formas perfeitas, pelo estilo feminino top-model foi derrotada por esse obstinado romance.
O romantismo ganhou, o sentimento prevaleceu e as mulheres tidas como feias também podem sonhar com seu príncipe. Seja ele príncipe de verdade, ou de fantasia. Pertença à Casa de Windsor ou à casa nenhuma, com sobrenome Pereira ou Silva.
Camila Parker, quando subiu ao altar, em cerimônia discreta, deve ter se sentido a mais linda das noivas. E certamente, à noite, quando mais uma vez se despir diante dele, o príncipe vai enxergar, não o corpo flácido de uma senhora, mas o corpo esbelto, juvenil, perfeito que possuem todas as mulheres, de qualquer idade, quando são amadas.

Tenham uma linda semana. Amanhã eu volto, com calma. Temos tanto que conversar!!! Beijão. Fiquem com Deus!




 Escrito por Beth ?s 20h16
[] [envie esta mensagem]


 
  

UpDate

É Hoje!E o tempo está bom! Então, até daqui a pouco pessoal!!! Yupiiiiiiiiiiii!!!

É AMANHÃ (DOMINGO - 19/06) !!!

ENCONTRO DE BLOGUEIRAS LIGHT RJ

Leia sobre o Parque Lage, AQUI.

Fica na Rua Jardim Botânico, nº 414 - no bairro Jardim Botânico

Vamos nos encontrar DENTRO DO PARQUE, em frente ao casarão! Às 10 horas!!!



Por que será de manhã?
Porque a idéia é um passeio pelo parque, esperamos que faça um dia bonito! Depois, vamos escolher um lugarzinho gostoso e vamos fazer nosso piquenique, vamos bater um gostoso papo, vamos tirar muitas fotos, e uma manhã de domingo tem tudo a ver com uma programação deliciosa destas não acham?
Vale a pena acordar mais cedo, se for o caso, né?

O que cada um vai levar? 
O que quiser! Não tive como organizar muito direitinho tudo, mas nossa marca registrada é a descontração e espontaneidade, então garanto que aquilo que você trouxer será muito bom, será bem recebido e vamos adorar!



O que já disseram que vão levar?
sanduichinhos light de atum, barrinhas de cereal, regriferante light, mini-sanduiches naturais light (ricota c/cenoura e passas etc.), biscoito água e sal c/ geléia light...
Algumas idéias p/ quem está ainda sem saber o que fazer: frutas, água de coco em garrafinha ou caixinha,
Ah, quem lembrar, leve por favor copinho descartável!!!

O que não pode faltar?

VOCÊ!
COM SUA ALEGRIA, SUA ENERGIA POSITIVA, SEU CARINHO!

Mas... e se o tempo mudar? E se chover???

Ihhh...
Neste caso, entrem aqui no blog amanhã, às 8h eu estarei atualizando o blog e confirmando!
Mas há de fazer um tempo bom, vamos torcer!!!
 

Até lá!!!



 Escrito por Beth ?s 13h22
[] [envie esta mensagem]


 
  

ENCONTRO DE BLOGUEIRAS LIGHT RJ - ESTÁ CHEGANDO O DIA! EBA!!!
Leia sobre o Parque Lage, AQUI.

O que levar?
Ah, é um piquenique light, vamos levar coisas simples, leves e saborosas p/ petiscarmos enqto batemos papo, nos conhecemos melhor, rimos muito! Nada que dê muito trabalho, ok?
Amanhã vou colocar a lista do que o pessoal já se prontificou a levar!

Quem confirmou?
Beth (c/ Vicente), Valeria (c/ Felipe) , Déia (c/ Alex e Bruno), Marcia, Marsele, Isabelle, Clarice, Denise, Arlete, Czinha, Fernando e Adriana

Quem não confirmou ainda (mas estamos torcendo muito p/ irem)?
Lika, Liz, Cintia, Claudia, GabyPOA e VOCÊ!


É engraçado. Muitas vezes estou com um post todinho pronto, aí vem uma coisa e me cutuca aqui dentro, dizendo que eu devo pensar/escrever sobre outro tema. Qdo é assim, não sossego enqto não abro um doc e começo a escrever.  E hoje aconteceu isto. Faltava só buscar ilustração p/ o post e pronto, cismei que hoje o papo tinha que ser sobre Escolhas.
Aí encontrei um artigo c/ a seguinte frase
: A vida é a arte das escolhas,dos sonhos, dos desafios e da ação  .
E me inspirei no tal artigo para este post. Fui lendo, refletindo e trazendo p/ cá minhas impressões.
É que eu estava pensando em mim mesma e no meu processo e em como eu resolvi passar uns dias um pouco mais desencanada, como já lhes contei. Não comi desvairadamente, mas tb não me contive tanto, ou melhor eu não fiz sempre as melhores escolhas. E isto, foi uma escolha. Escolhi não escolher tão bem. Ou melhor: escolhi não ficar tão fixada, só por uns dias. Micro férias.
Mas sempre sem perder a atenção totalmente, o foco. O objetivo não era botar a perder o que já foi obtido e sim dar uma respiradinha a mais.
Este processo não envolve sacrifício algum p/ mim, eu tenho imensa alegria e prazer em estar nele, afinal ele foi uma escolha, pq escolhi dizer adeus à obesidade e sim a tudo que poderei escolher voltando a um corpo normal.
Assim, escolhi ter mais saúde, mais satisfação c/ minha imagem, escolhi tudo de bom que vou obtendo, pouco a pouco.
Então, esta respirada não envolve descansar do processo e sim de uma atenção excessiva, já fora do normal, quase obsessiva que eu estava tendo na semana passada, em especial. E tudo que tende ao desequilíbrio faz mal, mesmo que a intenção seja a melhor possível.
Qdo escolhi ficar esperta “mas nem tanto”, a idéia foi tão somente dar um descanso à mente, que manteve-se atenta mas “de leve”.
Li hoje que querendo ou não, conscientemente ou inconscientemente, estamos sempre escolhendo, seja agindo ou até nos omitindo e que até a
não escolha já é uma  escolha.
E que se queremos ser timoneiros da nau da nossa vida, precisamos ser conscientes de tudo que escolhemos fazer, p/ que possamos assumir a responsabilidade pelos nossos atos e, consequentemente, continuar fazendo do mesmo jeito ou então mudar.


Eu escolhi que quero escolher. E que quero saber escolher. E que algumas vezes, quero não escolher.
Hoje, andando no shopping pensando no que iria almoçar, resolvi ir no lugar cujas saladas eu aprecio muito. Ainda na fila, avaliei minha escolha, eu que vinha deixando de lado muito controle, naturalmente fui parar ali, onde a escolha é super acertada. Ai, eu comi aquelas folhas todas c/ tanto prazer, eu vou dizer uma coisa p/ vcs, eu estava c/ uma saudade danada (descobri hoje) de anotar pontinho por pontinho do que comi, eu descobri que estou doida p/ ficar muito atenta, encanadinha novamente, sem desequilíbrio, claro, mas já c/ a mão mais firme nestas rédeas. Nunca as deixei cair, mas afroxei deliberadamente e agora, sem me determinar a isto e sim pq naturalmente é o que eu quero, já estou de novo c/ elas bem seguras e apertadinhas.
É uma escolha relacionada ao significado que este processo tem p/ mim.

No mesmo texto que baseou este post, li o seguinte:
“A riqueza de nossa vida está muito relacionada aos significados que damos ao que fazemos. É a história dos 3 operários que estavam numa mesma obra e foram indagados sobre o que estavam fazendo. Um deles disse que estava assentando pedras. O outro, que estava construindo uma escada. O terceiro, que estava colaborando para a construção de uma catedral. Nós podemos escolher os significados que damos a tudo o que fazemos e isto pode representar uma grande diferença”

Pois é, p/ mim isto é muito maior que emagrecer. É me tornar cada vez mais capaz de me entender, me aceitar, me aprimorar, vencer obstáculos, chegar aos meus objetivos e ser merecedora e apta a garanti-los.

Eu quero ser uma pessoa  que busca resultados, aproveita oportunidades, aprende, cresce. É minha escolha
E vcs, já estão avaliando suas escolhas?

Recomendo a leitura do artigo que mencionei, o autor é J.A. Wanderley è AQUI
Beijão



 Escrito por Beth ?s 14h24
[] [envie esta mensagem]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Mulher, de 46 a 55 anos, Portuguese, English, Arte e cultura, Livros, Praia, Dançar, Curtir a vida
MSN -



EU ERA ASSIM  

ESTOU ASSIM Meu nome ? Elizabeth, sou conhecida como Beth
Analista de Sistemas, especialista em Metodologia, Processos e Qualidade em TI, Ger?ncia de Projetos,An?lise de Neg?cios, Auditora ISO, sou leonina do dia 10/08, carioca da gema, moro na minha na cidade maravilhosa (RJ), adoro fazer amizades, sonhar, ler, escrever, sou casada c/ Vicente - meu grande amor, m?e do Alexandre, um filh?o maravilhoso, que ? universit?rio e "boadastra" da Mimi, minha enteadinha adolescente linda a quem chamo aqui de filhotinha.

Meu e-mail: beth.ebprs@gmail.com
Meu MSN: ebprs@hotmail.com



Objetivo deste Blog: Compartilhar meu processo de reeducação alimentar e mudança de hábitos que resultou no meu emagrecimento, me tirou da obesidade mórbida e me ensinou e ensina tanto!



Meu processo: Fui beb? 'cheinho',crian?a de peso normal, na adolesc?ncia tinha ?timo corpo. No in?cio da fase adulta comecei a engordar c/facilidade em fun??o de uma mudan?a p/ pior dos h?bitos alimentares e tb devido a dificuldade que tive em enfrentar alguns problemas pessoais, decep??es e m?goas que se transformaram em Kg a mais (eu as COMI). Durante anos optei por m?todos indevidos, tomei rem?dios, f?rmulas, inje??es, fiz dietas mirabolantes e isto tudo me ajudou a virar uma sanfona que cada vez abria mais e fechava menos. Cheguei ao auge da obesidade c/ 140 kg e dei o basta. Primeiro, fiz um pequeno controle que me ajudou a emagrecer quase 5 kg. Depois, entrei para o Vigilantes do Peso, onde emagreci 53kg c/equil?brio, seguran?a e muita alegria. Aprendi muito, o caminho foi t?o importante quanto os resultados. Eliminei 53 kg com o método do Vigilantes do Peso e atividade física. Aumentei depois alguns kg e agora prossigo, para reconquistar a minha meta e mantê-la para sempre.

Cr?ditos Imagens: Google
Comunidade no Orkut!


Comunidade Orkut: Eu sou f? da Beth - A Conquista! criado com carinho pela amiga Lili (obrigada, lindinha!)
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=2052374


 
Clique AQUI e veja
o que eu como!




HIST?RICO
 01/01/2011 a 15/01/2011
 16/12/2010 a 31/12/2010
 01/12/2010 a 15/12/2010
 16/11/2010 a 30/11/2010
 01/11/2010 a 15/11/2010
 16/10/2010 a 31/10/2010
 01/10/2010 a 15/10/2010
 16/09/2010 a 30/09/2010
 01/09/2010 a 15/09/2010
 16/08/2010 a 31/08/2010
 01/08/2010 a 15/08/2010
 16/07/2010 a 31/07/2010
 01/07/2010 a 15/07/2010
 16/06/2010 a 30/06/2010
 01/06/2010 a 15/06/2010
 16/05/2010 a 31/05/2010
 01/05/2010 a 15/05/2010
 16/04/2010 a 30/04/2010
 01/04/2010 a 15/04/2010
 16/03/2010 a 31/03/2010
 01/03/2010 a 15/03/2010
 16/02/2010 a 28/02/2010
 01/02/2010 a 15/02/2010
 16/01/2010 a 31/01/2010
 01/01/2010 a 15/01/2010
 16/12/2009 a 31/12/2009
 01/12/2009 a 15/12/2009
 16/11/2009 a 30/11/2009
 01/11/2009 a 15/11/2009
 16/10/2009 a 31/10/2009
 01/10/2009 a 15/10/2009
 16/09/2009 a 30/09/2009
 01/09/2009 a 15/09/2009
 16/08/2009 a 31/08/2009
 01/08/2009 a 15/08/2009
 16/07/2009 a 31/07/2009
 01/07/2009 a 15/07/2009
 16/06/2009 a 30/06/2009
 01/06/2009 a 15/06/2009
 16/05/2009 a 31/05/2009
 01/05/2009 a 15/05/2009
 16/04/2009 a 30/04/2009
 01/04/2009 a 15/04/2009
 16/03/2009 a 31/03/2009
 01/03/2009 a 15/03/2009
 16/02/2009 a 28/02/2009
 01/02/2009 a 15/02/2009
 16/01/2009 a 31/01/2009
 01/01/2009 a 15/01/2009
 16/12/2008 a 31/12/2008
 01/12/2008 a 15/12/2008
 16/11/2008 a 30/11/2008
 01/11/2008 a 15/11/2008
 16/10/2008 a 31/10/2008
 01/10/2008 a 15/10/2008
 16/09/2008 a 30/09/2008
 01/09/2008 a 15/09/2008
 16/08/2008 a 31/08/2008
 01/08/2008 a 15/08/2008
 16/07/2008 a 31/07/2008
 01/07/2008 a 15/07/2008
 16/06/2008 a 30/06/2008
 01/06/2008 a 15/06/2008
 16/05/2008 a 31/05/2008
 01/05/2008 a 15/05/2008
 16/04/2008 a 30/04/2008
 01/04/2008 a 15/04/2008
 16/03/2008 a 31/03/2008
 01/03/2008 a 15/03/2008
 16/02/2008 a 29/02/2008
 01/02/2008 a 15/02/2008
 16/01/2008 a 31/01/2008
 01/01/2008 a 15/01/2008
 16/12/2007 a 31/12/2007
 01/12/2007 a 15/12/2007
 16/11/2007 a 30/11/2007
 01/11/2007 a 15/11/2007
 16/10/2007 a 31/10/2007
 01/10/2007 a 15/10/2007
 16/09/2007 a 30/09/2007
 01/09/2007 a 15/09/2007
 16/08/2007 a 31/08/2007
 01/08/2007 a 15/08/2007
 16/07/2007 a 31/07/2007
 01/07/2007 a 15/07/2007
 16/06/2007 a 30/06/2007
 01/06/2007 a 15/06/2007
 16/05/2007 a 31/05/2007
 01/05/2007 a 15/05/2007
 16/04/2007 a 30/04/2007
 01/04/2007 a 15/04/2007
 16/03/2007 a 31/03/2007
 01/03/2007 a 15/03/2007
 16/02/2007 a 28/02/2007
 01/02/2007 a 15/02/2007
 16/01/2007 a 31/01/2007
 01/01/2007 a 15/01/2007
 16/12/2006 a 31/12/2006
 01/12/2006 a 15/12/2006
 16/11/2006 a 30/11/2006
 01/11/2006 a 15/11/2006
 16/10/2006 a 31/10/2006
 01/10/2006 a 15/10/2006
 16/09/2006 a 30/09/2006
 01/09/2006 a 15/09/2006
 16/08/2006 a 31/08/2006
 01/08/2006 a 15/08/2006
 16/07/2006 a 31/07/2006
 01/07/2006 a 15/07/2006
 16/06/2006 a 30/06/2006
 01/06/2006 a 15/06/2006
 16/05/2006 a 31/05/2006
 01/05/2006 a 15/05/2006
 16/04/2006 a 30/04/2006
 01/04/2006 a 15/04/2006
 16/03/2006 a 31/03/2006
 01/03/2006 a 15/03/2006
 16/02/2006 a 28/02/2006
 01/02/2006 a 15/02/2006
 16/01/2006 a 31/01/2006
 01/01/2006 a 15/01/2006
 16/12/2005 a 31/12/2005
 01/12/2005 a 15/12/2005
 16/11/2005 a 30/11/2005
 01/11/2005 a 15/11/2005
 16/10/2005 a 31/10/2005
 01/10/2005 a 15/10/2005
 16/09/2005 a 30/09/2005
 01/09/2005 a 15/09/2005
 16/08/2005 a 31/08/2005
 01/08/2005 a 15/08/2005
 16/07/2005 a 31/07/2005
 01/07/2005 a 15/07/2005
 16/06/2005 a 30/06/2005
 01/06/2005 a 15/06/2005
 16/05/2005 a 31/05/2005
 01/05/2005 a 15/05/2005
 16/04/2005 a 30/04/2005
 01/04/2005 a 15/04/2005
 16/03/2005 a 31/03/2005
 01/03/2005 a 15/03/2005
 16/02/2005 a 28/02/2005
 01/02/2005 a 15/02/2005
 16/01/2005 a 31/01/2005
 01/01/2005 a 15/01/2005
 16/12/2004 a 31/12/2004
 01/12/2004 a 15/12/2004
 16/11/2004 a 30/11/2004
 01/11/2004 a 15/11/2004
 16/10/2004 a 31/10/2004
 01/10/2004 a 15/10/2004
 16/09/2004 a 30/09/2004
 01/09/2004 a 15/09/2004
 16/08/2004 a 31/08/2004
 01/08/2004 a 15/08/2004
 16/07/2004 a 31/07/2004
 01/07/2004 a 15/07/2004
 16/06/2004 a 30/06/2004
 01/06/2004 a 15/06/2004



OUTROS SITES
 Site do Vigilantes do Peso
 Ação pelo semelhante
 Nutrella
 MC DONALDS - Tabela Nutricional
 Site ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL
 Saudável.Info
 Vegê Gourmê - Blog da Chef Michele Maia
 Lu Francesa
 Selma Guerreira
 Meu Emagrecimento (Sara)
 Serei magra (Andreia)
 Renascer (Thuca)
 Valquíria
 Blog da Magui
 Neblina
 O sabor da vitória (Electra)
 Entretanto, eu (Jana)
 Diva esbelta e feliz (Diva)
 Miss Blueberry
 Vida boa é vida saudável (Cristy Costa)
 Diário light (Sylmara)
 Blog da Eloyza
 Veneno urgente (Flavia Rocha)
 Blog da Fafá
 Espelho light (Elaine)
 Blog da Cynthia (Londres)
 Agora eu emagreço (Aline) Brasília
 Never give up (Renata - Tita)
 Blog da Micha - RJ
 Homem também faz dieta (Carlos) RJ
 Jaqueline
 Mulher de Atitude - Cacau RJ
 Serei sereia (Fabi) RS
 A caminho da vitória (Elaine Regiane) SP
 Blog da Rogeria
 Blog da Georgia
 Escrevendo emagrecendo (Lisa)
 Diet Forever (Zá)
 Garotinha ruiva (o outro blog da Lu Russa)
 Dieta urgente (Luciana Alexandrino)
 Space Cris
 Tetê Sereiah
 Andréa Aoki
 Gordinha da Silva
 O sucesso da Lorena
 Renata sem firulas
 Valérie Roberto
 Arianna
 Clara - RJ
 Andréa Cordoniz
 Ana Carolina grávida
 Ana Carolina
 Miss Slim
 Drica (Paraty-RJ)
 Ada Sheila
 Anselmo
 Sueli
 Sol
 Kelly
 Jessica (Elite)
 Nilce
 Leila (Ninguém merece ser 3G)
 Fanta Diet
 Infobeso
 Cris Lopes
 Aline Tomaz (RJ)
 Roberta Alves
 Sue - gravidinha
 Cris fit
 Annie
 Novidades da Cris
 Leila Batista
 Clarita
 Rebecca sapeca
 Lua emagrecendo
 Brian
 Diario da bonita Andrea
 Marilia
 Marilia Vitória
 Aline Virtus
 Paula pra melhor
 Cristiane
 Teresinha
 Ana Cleide
 
 Marcia (Marquinhas)
 Pri 2
 Ludmila
 Lela
 Jana Carmen
 Pri emagrecendo...
 Luzluzinha
 Barbarella (Andrea Glauce)
 Raiane
 Luciana Kotaka
 Vanessa (Campinas)
 Patty emagrecendo de bem...
 Nanda (Idade da Pedra)
 Carlos Medeiros
 Lara
 Dani - Brasília
 Teresa Cristina
 Sisi
 Miriam - RJ
 Kaká
 Gabi e Ana Luiza
 Diário de Macherrie
 Catia
 Amanda Costa
 Rosimeyre
 Alice
 Walkiria
 Crizinha
 Char
 Lu Pinheiro
 Elisandra
 Lahys
 Cotidiano (Zany)
 Karen
 Kika
 Nicky
 O novo blog da Taty Carioca
 Isabela
 Lisandra
 Ju sem pressa
 VIGILANTES DA AUTO ESTIMA
 JT
 Barbarella
 Angelica Fernandes
 Claudia
 Lagarta de borboleta
 Alisson
 Nova Jacque
 Patty Roberta
 Michelle 2
 Elissandra
 Juliene
 Ana Paula
 Annie emagrecendo
 Lili Bolero
 Fernanda Betini
 Karina Torres
 Valqs
 Ana Telma
 Lilian Raquel (Lee)
 Cáritas
 Baxie
 Cacau II
 Renatita
 Nando Neri
 Isabelle
 Nanda
 Edite
 Way to go (Clara )
 Bartira
 BLOG COMER SEM CULPA
 Andreia Cantelli
 Lu Mme Light
 Magali
 Lu
 Aline RJ


VOTA??O
 D? uma nota para meu blog!