Conquista

UOL
   SALDO DO FERIADÃO...E... UM POUCO MAIS SOBRE AS VERDADES!!!!!

Final de semana e feriado gostoso, emendei tudo, foi ótimo. Descansei bastante, curti muita praia, ganhei presentes do maridão: uma calça comprida preta e 2 biquinis novos (sunkini) e um deles eu já estreei. Foi uma delícia encontrar c/ facilidade em lojas mais que normais, a preços muito baratos e, ao contrário de antes, qdo comprar maiôs era uma via crucis, agora as vendedoras é que insistem que o biquíni está bom, é claro que vai me caber etc...
Domingo o primo do Vi que casou em janeiro passado veio nos visitar c/ a esposa, eles moram em SP e estão no RJ a passeio. Trouxeram álbum e DVD do casamento (fomos padrinhos) e eu pude então, finalmente, ver minha imagem na ocasião, eu estava bem bonitinha (modéstia à parte) mas percebi que já houve uma boa evolução de lá p/ cá mesmo c/ a estagnação que sofri por um bom tempo. Fotos, filmes etc. são realmente ótimas ajudas p/ vermos nosso progresso e curtir esta verdade tão boa, que nem sempre aceitamos.
Sim, vou falar novamente sobre VERDADES. Mas de um outro jeito, diferente daquele da semana passada. Falarei de VERDADES POSITIVAS pois estas, nem sempre as pessoas tb enxergam e aceitam.
  Motivada por algumas verdades que eu encarei nestes dias de puro descanso e lazer, pela surpresa e alegria de não reconhecer minha própria sombra na areia molhada da praia, enqto fazia uma longa e gostosa caminhada. Faltava um bom pedaço de corpo naquela sombra, e eu que sempre observo muito a mim mesma, o meu corpo e que comemoro cada evidência de sucesso mínima que seja, tive um impacto ao me deparar c/ minha própria sombra e ter que me convencer que sim, era eu ali. Foi mágico. Foi bonito.  Motivada tb pela subida leve, ágil, rápida, das pedras do Arpoador onde fui assistir ao por-do-sol mais lindo que há nesta terra. Onde sentei numa pedra e chorei. Chorei de alegria, de emoção, de gratificação e de gratidão a Deus, por tudo que venho conseguindo fazer por mim mesma. Ali, em comunhão c/o sol,o mar, o céu e as pedras, eu chorei lágrimas de veludo que escorriam no meu rosto e me diziam: é menina, é isso aí, vc está aqui em cima sim, chegou pq quis, chega onde quiser.

 

Acontece que do mesmo jeito que as pessoas muitas vezes procuram não ver as verdades "negativas" e a partir daí procurarem revertê-las ou até verem mas não fazerem nada p/ mudar, há tb uma atitude esquisita do ser humano que é a de não aceitar o que chamarei aqui de Verdades Positivas. Ou seja, aceitar que está ACERTANDO, que está evoluindo, que está realmente conseguindo vencer.
Então, falo das pessoas que admitem os tropeços, as derrotas e as supervalorizam, mas qdo se trata de seus ganhos e acertos, não aceitam.  Ouvem críticas e se abatem, encarando aquilo como uma verdade que dói. Mas qdo ouvem elogios, não acreditam muito. Chegam a atenuar seu mérito, dando a entender que não é assim, que nem tanto...etc.  Se alguém lhes aponta algo como "está gordo" não aceitam ou não gostam e aquilo é uma coisa chatíssima. Mas se alguém observa que emagreceram, que estão mais bonitas, aí já não dão tanto valor. Não entendem como verdade algo que lhes enaltece!
Sofrem se alguém lhes mostra o erro. Não comemoram os acertos.
Se emagrecem 100g na semana, acham pouco e ficam chateadíssimos, há quem diga até que vai desistir, que é um absurdo, uma injustiça etc. Mas se aumenta os mesmos 100g na balança, é um Deus nos acuda. Parece que engordou 100 kg. Se alguém lhes diz: Comemore, vc eliminou 100g e não é pouco, ao contrário isto é ótimo, é lucro, é passo à frente, nem sempre consideram isto como verdade, porque é uma verdade positiva, até parece que gostam de se martirizar. Mas se alguém diz: Não fique triste, afinal só aumentou 100g e isto vc reverte facilmente, pode ser retenção de líquidos... aí não acha que é verdade, pq prefere assumir como verdade que engordou, que não adianta fazer nada bla bla bla
Que negócio é esse? Pq só serve p/ alguns a verdade que dói, incomoda, faz sofrer ou mesmo que preferem não enxergar, disfarçar?  Pq a verdade que lhe anima, mostra que estão no caminho certo não serve, não é verdadeira hem?
Se me dizem "Beth, vc está linda!" eu sorrio. Claro que às vezes me encabulo (raramente, não sou de ficar encabulada não) e digo: Ah, nem tanto... (mas no fundo, geralmente, estou achando sim...).
Um dos biquinis que ganhei do meu amor na 2a feira eu não provei na loja. Comparei fora do corpo c/ o outro que já havia sido comprado em outra loja e como achei que era a mesma coisa, levei. Em casa, experimentando-o, vi que é mais justo que o outro e as banhas pulam alegremente, por causa do aperto. Perguntei ao marido: está feio? E ele: Não, não está.  E eu, insistindo: Ah, mas pulou tudo, os outros seguram melhor, este aqui aperta muito e pula demais! E ele: mas não está feio, está mais apertado mas não está feio, pode usar tranquilamente.  Eu olhei desconfiada p/ o espelho. Realmente, pula tudo e não há nem como fingir que não vejo. Mas querem saber? Eu vou usar assim mesmo. Meu marido disse que está bom, eu olhando bem vi que mesmo justo ele não me deixa tão pior do que estou, na praia não tem só gente saradona, é um monte de garotinha nova e bonita cheia de pneuzinho e estrias e eu vou ficar aqui supervalorizando a verdade do biquini justo em vez de valorizar a verdade do "apertado, mas hoje posso usar, pula mas amanhã vai pular menos"? Ah não! A verdade positiva disto tudo é que eu estou progredindo sim.
Então, a gente não tem que encarar as verdades só daquilo que não está bom e precisa ser melhorado! A gente tem que encarar e aceitar como verdadeiras as coisas que nos mostram que estamos vencendo sim. Mesmo que ainda estejamos no comecinho, no meinho... ou que já estejamos no finalzinho da estrada. Faz parte da vitória final a gente chegar lá c/ uma consciência bacana de tudo que somos, que podemos, que sabemos e aprendemos no percurso. E encarar as verdades positivas, que nos fazem bem, que nos gratificam, é um grande ganho.
Desejo que esta 2a parte da semana seja repleta de coisas boas. E que cada um de vcs saiba aproveitar e valorizar todas as verdades que vierem à tona, principalmente as boas, as que lhes deixam felizes, pois vcs merecem. Inté!



 Escrito por Beth ?s 19h48
[] [envie esta mensagem]


 
   BALANÇO DA SEMANA

A semana foi bacana. Iniciei-a c/ o pé direito e termino-a do mesmo jeito, graças a Deus. Sinto-me feliz, em paz comigo mesma, gratificada. Aquilo a que me propus eu cumpri, dentro do meu melhor possível, que não foi 100%, mas foi 90% ,bom demais.

6a feira foi dia de nutricionista, de novo uma ótima consulta. Me pesei e o resultado foi 92,3 kg. Já se foram mais 200g pro espaço. A Dra Renata me elogiou bastante, ficou muito satisfeita c/ meus resultados, não só na eliminação do peso mas na avaliação geral, eu estou novamente serena qto ao processo, aquela ansiedade toda que me cercou na fase do platô já não se faz mais presente, voltei a correr na frente e não mais correr atrás c/ a lingua de fora como estava sendo naquela época. Ou seja, um resgate de mim mesma, em mais um cap. desta história. Percorri mais de 2/3 da estrada c/ relativa calma e de repente estava ofegante, a cabeça dizia que eu ia correr até o final e chegaria, mas hoje vejo que se não tivesse buscado ajuda na hora certa, talvez me faltasse fôlego. Não faltaria vontade, mas talvez condições de satisfazer a vontade. Felizmente busquei auxílio, agora estou novamente nos trinques. Fui tb ao VP, mas desta vez não fiquei p/ a reunião, estava c/ pressa, tinha que fazer a hora do almoço render.

Foi uma semana em que mais uma vez trabalhei muito, contornei c/ habilidade situações esquisitas e chatices do dia-a-dia. Serenidade foi uma constante, até qdo eu estava ‘furibunda’ foi de um jeito mais leve, o que dá uma sensação boa. Consegui rir bastante até de coisas que dão vontade da gente chutar o balde. Até pq chutar o balde, neste caso, seria correr o risco dele ir tão alto e cair na minha cabeça...rs  Em compensação, vou emendar o fim de semana c/ o feriado, alforria temporária, nada mal...eu mereço...

Me senti satisfeita comigo mesma em praticamente tudo que pensei, fiz e falei. Gostei de mim a cada vez que me olhei no espelho, a cada vez que me toquei, que me avaliei. Em todos os dias da semana, me senti bem c/ as roupas que escolhi vestir, a mancada foi só na 6a feira, em que saí pronta p/ um verão escaldante, já que amanheceu c/ um lindo sol e depois o tempo mudou novamente, eu parecia uma louca, de alcinha e óculos de sol na cabeça pelas ruas, e o povo de jaqueta.

Mas eu teimosa, continuei andando pela feirinha de artesanato da praça Saens Pena, embora rapidamente, pois queria comprar algo que tinha visto e gostado na semana anterior e ficou na minha cabeça. E comprei, é uma bolsinha linda, feita de pedaços de couro de várias cores (tipo patchwork), tem gomos nas cores: caramelo, branco, azul, verde, rosa, laranja... não dá p/ ter uma bolsa de cada cor destas e eu adoro coisas coloridas, ainda mais agora, primavera-verão, quero sandalinhas de tudo que é cor, assim posso usá-las c/ a mesma bolsa, é prático e barato...rs
À tarde, minha amiga me emprestou um xale de lãzinha que ela tinha na gaveta do trabalho, enrolei nos ombros e tb cobri o colo, estavam gelados. Mas sou alérgica àquela lã e não me toquei até que cheguei em casa e virei uma monstra, a alergia atacou, coçava olhos e nariz, espirrei até quase 1h da manhã e ainda dormi toda entupida depois.
Acordei muito cedo, fui buscar a sogrinha na rodoviária, ela chegou neste sábado, ficará uma semana conosco. Veio p/ matar a saudade mas principalmente p/ descansar, anda esgotada, essa baixinha dá um duro danado, a vida dela dava um bom livro. É uma guerreira, um dia ainda levo ela num encontro p/ vcs verem que lição de vida ambulante é ela! Muita gente reclama de sogra, eu adoro a minha, nos damos super bem, sou confidente dela. Ela me trouxe de presente um par de brincos super mimoso e um cachecol que ela fez, na verdade trouxe 3 p/ eu escolher e eu fiquei c/ um fashion, pink...c/ detalhes... prata... já imaginaram isso? Mas é bonito, garanto...rs


O chato deste sábado foi o tempo ainda meio estranho, o resto da alergia (mais branda) e o fato de eu ter retrocedido horrivelmente em algo que já considerava vencido: roí as unhas. Que m....  Não fui à manicure esta semana, mais 2 unhas quebraram, já não estavam mais tão compridinhas e aí ficou tudo meio esquisito. comecei a "acertar" c/ o dente e qdo vi, já estava roendo a penúltima. P/ igualar, roí logo a última. Fiquei chateada comigo mesma. Foi uma regressão e eu lá sou caranguejo p/ andar p/ trás? Mas tudo bem, agora é cuidar de novo.
Maridão arrasando na sua reed. alimentar, super animado, saiu dos 3 dígitos e comemorou alegremente na última 4a feira à noite, o danadinho já eliminou mais peso desde a última consulta c/ a nutri, 99 kg é a nova marca, não é oficial pois ele viu na balança de casa – só ele se pesa nela, mas pelas roupas largas, a calça jeans praticamente nova que está franzindo na cintura qdo aperta o cinto e pelo afinamento visível, dá p/ ver que ele está indo super bem!

Fim de semana prolongado, espero que o tempo melhore, mas que porcaria, não sei o que está havendo c/ este clima maluco, é um vira-vira que descaracteriza totalmente minha cidade e faz carioca ficar de cara feia...e se eu pegar sol, a alergia some instantaneamente! Sonhando c/ minha praia, nem precisa fazer um tempo lindíssimo, um mormacinho bacana já serve.
UpDate: Domingo,RJ ensolarado  (sol mixuruca nada, Adry, aqui abriu legal!), do jeito que amo, a praia maravilhosa, acabou meu "bico". EBA!

Para a semana que começa, renovo meu compromisso de fazer o melhor possível, exercitando-me todos os dias, comendo direitinho, mantendo a atenção. Enfiei uma coisa na cabeça, vou me esforçar p/ conseguir, ao menos quero saber que minha parte foi feita. Depois eu conto a vcs.

Estarei por aqui. Tenho escrito muito, as idéias e pensamentos fervilhando e eu aproveitando p/ despejar tudo em doc. Word e depois trazer p/ cá. Fiquem com Deus.
Que a semana seja de luz, paz e muita força! Um beijo carinhoso.



 Escrito por Beth ?s 22h17
[] [envie esta mensagem]


 
   VIVA O BLOG!


Conversando c/ a Cacau esta semana, tirei dela a de dar um tempo no blog e disse a ela algo assim: “o blog é como um espelho, qdo escrevemos aqui estamos de certa forma refletindo como estamos, o que pensamos, sentimos, experimentamos etc. “  Pensei depois um pouco mais sobre isso.  P q será que muitas pessoas, qdo não estão atingindo suas metas ou cumprir aquilo a que se propõem ou não satisfeita c/ seu seu processo abandonam seus blogs? Algumas simplesmente somem, outras  ainda avisam: ‘Só volto qdo tiver algo bom a dizer" ou "volto qdo tiver c/ X kg"...
Claro que todos temos total liberdade p/ decidir continuar postando ou não, é direito de cada um definir seus rumos, sem interferências. Mas me digam, de coração: se eu resolver fechar p/ balanço, resolver  não mais postar, cismar que desanimei etc..vcs iriam achar legal?  Iam simplesmente dizer ‘ah, tá, ela vai largar tudo, então tá..’ Não iam, claro que não! E pq? Pq sabem que o blog é instrumento valioso p/ mim, além de ser uma forma de compartilharmos não é?


Somos elos de uma corrente de amizade, apoio, incentivo, uma corrente bonita e positiva! E se um elo ameaça se romper e se desligar da corrente, nós vamos lá e damos uma apertadinha nele. A corrente sem um dos seus elos continua sendo corrente? Sim, a gente pega e reune os que ficaram. Mas ela não será a mesma, ficará menor, depois voltará a crescer c/ os novos elos que forem se juntando e até os antigos que felizmente voltarem. Mas e o elo que se desegarrou e ficou lá sozinho, na expectativa de se recompor?
Um cordão de metal, qdo perde um elo e a gente deixa p/ lá, geralmente o que acontece com o elo? Geralmente, se perde. Fica na caixinha esperando que um dia alguém o recoloque, muitas vezes fica em cima de um móvel, cai no chão, é varrido sem nem ser visto. Mas a corrente de metal não tem vida, o seu elo desgarrado não sofre, não sente, não se recompõe sozinho, enfim, é algo material que a gente nem lembra mais...
Mas nossa corrente é formada por almas, mentes, corações, corpos, energia. O elo que se desprende faz falta p/ nós sim, é menos uma força ali conosco. E embora seja um elo vivo, que pode se restaurar e deliberadamente retornar à corrente, é certo que se ele se mantiver preso aos demais elos, mais seguro estará, menos chances de se perder, de se esquecer, de ficar desgarrado de vez.

O blog é lugar de reflexão, partilha,  troca de informações e tudo, absolutamente tudo, pode ser aproveitado por quem escreve e quem lê.  P/ começar, é preciso conceituar direito Vitória. O que é vitória?  Vencer é só emagrecer N kg p/ semana ou conseguir vestir o manequim X? Vencer é só ter resultado positivo na balança? Não! Vencer é muito mais que isso.  
Vence quem ao menos já está atento a si mesmo, quem já se olha c/ olhos de ver, quem sabe o que quer, onde quer chegar e saiu da estagnação. Vence quem se propõe a mudar, mesmo que ainda não tenha mudado muito, mas já é um grande passo pensar no assunto e planejar a caminhada rumo ao objetivo. Vence quem sobe na balança e vê que não eliminou os kg que desejava no período e até mesmo que aumentou um pouco, sabem pq? Pq agora, está subindo na balança! Está prestando atenção! Está medindo o resultado do que vem fazendo! E isto não é progresso? Não é vitória? Claro que é! Vence quem experimenta uma roupa e mesmo que ela ainda não caiba, entende que já está superando mais uma barreira, que é o medo de provar algo e não ficar bem. Vence quem para e avalia  seus resultados, constata que podia ter feito melhor e, ao invés de se sentir culpado, entende que pode caprichar mais e se propõe a melhorar. Vence quem tropeça e até cai, pq isto só acontece com quem está caminhando, se estivesse sentado esperando sua meta cair do céu, não ia cair, não ia derrapar não é ?
Assumir que errou não é vergonha. É um meio de refletir e determinar-se a recomeçar/continuar de um jeito mais correto. Isto é bom p/ quem escreve, pois beneficia-se da própria vivência e registro dela. E p/ quem lê, pois constata que mais alguém, além de si mesmo, é de carne e osso e falha sim, mas pode continuar e dar a virada.

Claro que todos adoramos chegar aqui e dizer EBA! Emagreci mais! Eu sou uma que amo contar coisas boas. Mas não fiquei quase 6 meses num nheco-nheco danado, por causa do platô, num grito de goolll entalado na garganta? Será que o registro daquilo tudo que vivenciei de bom e de chato não me ajudou a entender este processo ainda melhor e tb não ajudou vcs que leram?

Eximir-se de utilizar o blog qdo os resultados não são os esperados é, p/ mim, o mesmo que não olhar no espelho, não pesar etc. que falei no post anterior. É um jeito de fugir da verdade. Ou daquilo que se considera verdade.
Sair do blog, neste caso, é somente fingir que não há problema, tipo: não escrevendo se poupa de admitir que algo não vai bem – nem sempre por falha sua, então deixa tb de refletir sobre o assunto e até de melhorar suas ações, se for o caso. Mas é bem mais que isso: é soltar-se das mãos amigas, abstendo-se da realimentação de força, energia positiva, palavras de incentivo, informações que ajudam a saber mais e aprimorar-se, carinho e tanta coisa boa. Mesmo que continue lendo os blogs amigos, sempre estará sentindo-se como ‘fora da corrente’, como quem está na arquibancada vendo o bloco passar, qdo poderia perfeitamente estar ali, sambando junto, não importa se ainda meio fora do ritmo. E é aí que o elo pode perder a força, deixar-se varrer. Isto é virar as costas aos seus sonhos e objetivos, de certa forma.

E é por isso que se tenho a chance de tentar fazer a pessoa mudar de idéia, eu a uso p/ valer. E por isso eu conclamo Emi, Cacau e quem mais se achar indigno de continuar postando só pq não está dizendo aquilo que gostaria de dizer, a repensar e ficar conosco sim. Pq neste contexto, ficar conosco não é simplesmente ficar na blogosfera e com nosso carinho. É ficar acima de tudo consigo mesmo, em contato profundo com o que lhe diz respeitol, com o que lhe ajuda e o que lhe atrapalha, mas sentindo-se amparado, cercado de amor fraterno e, se cambalear, sabe que estamos ali p/ amparar antes que chegue ao chão. E se cair, pode deixar, a gente levanta vc de novo. É isto. Recado dado. Beijos no coraçao



 Escrito por Beth ?s 16h04
[] [envie esta mensagem]


 
   QUEM TEM MEDO DA VERDADE?

Quem está acima do peso, geralmente não gosta que lhe digam isso. Vem um e diz: “tá gordinha hem!” e aquilo irrita. Há quem reaja c/ bom-humor (mesmo que internamente tenha ficado p...), há quem responda de forma malcriada e há quem não diga nem demonstre nada mas por dentro se corroa todo. Realmente, é chato. Até pq há pessoas que falam de um jeito legal, procurando só alertar, incentivar-nos a uma atitude. Há outras que falam de um modo ríspido, quase acusando a gente, há ainda quem só faça pilhéria. O que está por trás de cada ‘aviso’ destes, a gente muitas vezes percebe, isto varia de quem falou, como e onde, enfim...
Lembro que eu odiava qdo certas pessoas mencionavam minha gordura, pq eu não sentia nelas qquer interesse em me ajudar de verdade, em me incentivar e sim de apontar, de cobrar, de tentar derrubar. Felizmente, derrubar não derrubavam. Sou dura na queda e uso, há muito tempo, filtros.
Mas enchiam o saco, sim. Mas qdo o toque vinha de alguém em quem confio, alguém que eu sabia que estava verdadeiramente preocupado em me ajudar a enxergar e a agir, eu até aceitava. Não fazia nada ainda, mas ao menos não me irritava.  Sempre fui assim. P/ mim, sempre foi mais importante avaliar DE ONDE e PORQUE aquilo estava chegando a mim do que exatamente O QUE estava sendo dito e feito.  Porém, uma coisa tive que aprender: independentemente de qquer coisa, é preciso avaliar se o que está sendo dito é verdade.
Pode estar vindo de um jeito inadequado, mas pode ser um sinal. E precisa ser, pelo menos, verificado. Se for falso, a gente joga fora. Mas e se não for hem? E se por trás daquela crítica aparentemente imprópria e feita de um jeito nem sempre legal, existir uma verdade que precisa ser refletida, trabalhada, mudada?
Qdo me diziam que eu estava engordando (há muitos anos atrás) eu não gostava. Alguns diziam carinhosamente, alertando, preocupados. Outros, de um jeito brusco, era praticamente uma acusação. Tinha de tudo. Mas uma coisa não posso negar: eu estava sim gorda e pior, estava engordando cada vez mais, me tornando obesa e precisava parar e olhar p/ mim mesma, entender que devia fazer algo de verdade, POR MIM, PARA MIM.
Mas a gente muitas vezes foge da verdade. E usa como desculpa p/ isto, um monte de ‘porquês’. É pq a fulana falou de um jeito que magoou, é pq o siclano é um babaca e não sabe o que diz, é pq beltrano não compreende isso e aquilo...e aí, a gente fica enaltacendo os motivos p/ desprezar o que ouvimos, ao invés de filtrar mas absorver o que restar de puro, de verdadeiro do que foi sinalizado. E infelizmente, o que fazemos muitas vezes é tapar o ouvido, fechar os olhos, bloquear a mente. Assim, não ouvimos a verdade ou fingimos que ela é uma mentira.


Mas os sinais não vêm só através de olhares, palavras – sejam elas rudes ou carinhosas, de atitudes dos outros p/ conosco. As verdades nos são ditas de outras maneiras. No caso da gordura, então, várias são as formas.
Uma que adora nos dizer a verdade é a balança. Outro que gosta de nos motrar é o espelho.
As roupas nos falam tb. Nosso corpo nos avisa de diversas formas. E a gente começa a ficar c/ raiva deles e evitar tb as pessoas e das coisas que insistem em nos dizer algo que não queremos ouvir.

Então, começamos por fugir da balança, já que ela não diz o que queremos, não serve p/ ser nossa amiga.Depois, começamos a evitar o espelho, só olhamos por determinados ângulos – os melhores, claro e se nada fazemos p/ melhorar, hega uma hora em que nem olhamos mais o espelho. Algumas roupas começam a apertar, ficamos c/ raiva e encostamos elas. Vamos nos livrando deste monte de inconvenientes que ficam insistindo em jogar na nossa cara algo que nós estamos cansados de saber, mas preferimos fingir que não é nada ainda. Em vez de nos livrarmos do que realmente está nos fazendo mal, nós abandonamos os sinalizadores de que algo não vai bem. Algo do tipo “o que os olhos não vêem o coração não sente”. Nada a ver... nada a ver!

Noto que qto mais estamos aborrecidos por não estarmos nos cuidando e deixando a coisa piorar, mais nós nos irritamos c/ as verdades.
Quem já está se cuidando, mesmo que ainda não tenha resultados aparentes, não se incomoda tanto se alguém lhe diz algo sobre seu corpo. Pq saber que já está tratando daquilo lhe dá serenidade, confiança p/ responder ou até ignorar, se for uma “piadinha sem graça”.
A raiva não é da balança, não é do espelho, da roupa e muitas vezes não é da pessoa que nos diz que estamos engordando ou que já engordamos muito. A raiva acaba sendo de nós mesmos. E qdo algo nos sinaliza a respeito, é como o dedo cutucando a ferida.  Mas ferida p/ curar, tem que ser cutucada, mas do jeito certo. Há que limpar muito bem o local, tratar direitinho p/ ficar bom. Fingir que não existe machucado é deixar que ele piore, infeccione, gere dor e até vire algo muito mais sério e difícil de curar.
Quem não se pesa mais, como eu fiz por muitos e muitos anos, p/ fugir da verdade que vai doer, corre o risco de depois levar o susto que levei, achava que estava c/ 112 kg e já eram 140 kg.
  Pq depois que a gente já está muito acima do peso, muitas vezes nem percebe mais o avanço da gordura, se habitua ao novo volume do corpo, às roupas grandes, calças de elástico etc. e coisas de malha que ‘esticam junto da gente’. E tem tb a situação inversa! Não se pesa por medo de estar acima, de repente nem está e aí, deixa de curtir uma alegria!

A sua imagem não muda, se vc não se olhar no espelho. O seu peso não deixa de ser aquele só pq vc não subiu na balança. A sua roupa não fica confortável de novo se vc simplesmente guardá-la e não fizer nada. A verdade não deixa de ser verdade só pq alguém não lhe disse ou vc não ouviu.
O que muda a realidade é a sua reforma interior, é a sua vontade forte e determinação em se aprimorar, auto-conhecer e AGIR verdadeiramente p/ mudar. Isto provocará atitudes positivas, adequadas que promoverão a reforma exterior. E aí, vc vai amar o que a balança lhe disser, o que o espelho lhe mostrar e vai ter um tesão danado em contar pra gente no blog. Pq antes de nos contar, o tesão será em constatar, em sentir aquilo que vai nos contar.

Por isso não fuja, nem de si mesmo, não fuja daquilo que o leva p/ a frente. Mesmo que seja difícil, pq fácil praticamente nada é na vida.
Este recado é p/ mim, p/ todos vocês e hoje, especialmente, p/ uma amiga muito querida, ela sabe que é com ela. Com muito amor e carinho fraterno viu, lindinha? 
Beijos mil



 Escrito por Beth ?s 19h08
[] [envie esta mensagem]


 
   REVITALIZAÇÃO

É a palavra mais adequada, na minha opinião, ao efeito dos encontros no nosso processo. É extremamente benéfica a troca de experiências, a exteriorização através da fala, do olhar, dos gestos e até do silêncio momentâneo, de tantas coisas que compartilhamos através dos blogs, e-mails etc.  Eu repito que esta blogosfera não é tão virtual assim. Por trás de cada caractere digitado há uma mente, um coração, um mundo de emoções. Poder partilhar idéias, crenças positivas, dúvidas e certezas etc é sempre bom, seja qual for o meio de comunicação. Mas transformar este contato em algo pessoal, é maravilhoso.
Abraçar cada uma das amigas é sempre algo que me dá imensa alegria. P/ mim, é um momento mágico. Rever e abraçar as amigas mais antigas é bom demais, é matar a saudade mesmo que de poucos dias, é botar mais lenha na fogueira da consolidação da amizade, da admiração, compreensão, respeito mútuos, carinho que nos une. Abraçar quem vai pela 1a vez é uma alegria ímpar, é a materialização deste abraço que nos damos via internet.



Iniciei a nova semana cheia de gás, determinada em dobro a caprichar muito, ter atenção total, me propondo a “Deslize Zero”. Motivada pelo ótimo resultado da última pesagem, pela vontade de chegar na próxima 6a c/ mais alguma evolução (terei consulta c/ a nutri), reenergizada pela emoção e efetividade do nosso encontro e até por de ter gostado muito da minha imagem nas fotos, que evidencia o qto progredi.

O processo, qdo bem aproveitado, nos ajuda em tudo na vida e eu constatei isto novamente.  À medida em que vou conseguindo encontrar roupa c/ mais facilidade, vou tb querendo comprar tudo que vejo pela frente. É compreensível, pois foi tanto tempo babando coisas nas lojas/vitrines sem que elas coubessem em mim, agora eu quero ir à forra. Mas estava agindo c/ as roupas do mesmo jeito que agia antes c/ relação às besteiras que beliscava pela rua e aos salgadinhos/doces nas festas (aquela coisa de querer pegar tudo que passava, como se fosse o último salgado ou doce do mundo). Então, entrei numa de: Se dá em mim, então tenho que levar.  Meu marido, mais de uma vez, me alertou que eu não precisava mais levar tudo que me coubesse, só p/ aproveitar a oportunidade como se ela fosse única pq agora, cada vez mais, as coisas me caberão, agora posso escolher, c/ calma e outros critérios.

Sábado, após o encontro entramos na Líder, onde meu marido já havia escolhido uma calça comprida que ele gostou e queria me dar de presente. Ele tb me incentivou a olhar as blusinhas, eu gostei de diversas mas tive vontade de experimentar apenas uma (milagre!). Mas nem a calça, nem a blusa ficaram boas em mim. Ele me estimulou a olhar um pouco mais, porém eu já cansada,  o shopping prestes a fechar e meu marido tb muito cansado, não fiquei naquela fissura de “ter que aproveitar e levar alguma coisa”. Serenamente, optei por deixar p/ outro dia.

E ele: Ué, mas aí vc vai sair sem seu presente?
E eu: Eu posso vir aqui ou ir a outro lugar em qquer outro dia, escolher c/ calma, sempre haverá algo que eu vou gostar. Acho que é olho grande comprar algo hoje, só p/ não sair de mãos vazias. Não é a última chance!
Ele concordou e me parabenizou, associando aquela minha reação à nova postura tb diante da comida, mostrando que eu estava estendendo minha reeducação a outro setor da minha vida. Fiquei feliz, ele tb. Claro que gosto e continuarei gostando de comprar, mas foi a 1a vez que me vi, nos últimos tempos, c/ esta maturidade diante da roupa que me cabe. E gostei. E é claro que vou lá outro
dia,  já que meu marido quer dar um presentinho acham que eu vou declinar? Imagina! rs

 
Ai como é bom ver os benefícios da reed. alimentar e de vida pipocando em tudo mais! Esta semana na empresa estão acontecendo diversos eventos relacionados a qualidade de vida, saúde, prevenção de acidentes de trabalho. Fiz algumas avaliações, vejam os resultados:
- Avaliação postural: Excelente, uma coisinha à toa que nem mereceu nenhuma orientação especial (se fosse antes, c/ aquele peso todo...).
- Avaliação vascular: Tirando o registro das varizes e varicozes, resultado excelente: Baixo risco de doença cardiovascular. E a pressão, que na época da obesidade mórbida vivia nas alturas, confirmou-se em 12 x 8. Sem remédio, só c/o emagrecimento e as mudanças que fiz no meu modo de viver/comer.  Mas bom mesmo foi acompanhar a fisioterapeuta que estava preenchendo minha ficha durante esta avaliação. Ela foi fazendo as perguntas sobre família, saúde, hábitos etc. mas qdo chegou no item "Obesa? S/N" ela automaticamente assinalou o Não. UFA...esta foi novidade e eu adorei...

- Avaliação de Stress: Resultado inusitado, deu "sem Stress". Tive que rir. Aí, é falso. Tenho bom-humor, administro relativamente bem a vida, as situações adiversas mas NO STRESS é 'forte' demais. Mas deixa quieto. O marido, qdo soube disso, perguntou: Ai meu Deus, e se fosse estressada então, como ia ser isso hem? Rs

Almocei hoje (3a) c/meu marido, no shopping Tijuca. Depois passeamos, vendo as vitrines e ganhei um conj. super bonitinho p/ fazer bicicleta, caminhada etc, short e top verdinhos, jogando uma camisetinha bem cavada por cima fica 10 p/ a caminhada... e se esquentar muito não quero nem saber, arranco a camiseta, quem não quiser ver meus baconzinhos feche os olhos...(estão bem mais torradinhos agora sim, Milena! ) rs

E vamos em frente, temos uma linha de chegada p/ romper, não importa qto falta p/ chegarmos a ela, é seguir em frente que a gente chega!  
Beijocas... 



 Escrito por Beth ?s 16h16
[] [envie esta mensagem]


 
   E ROLOU MAIS UM DELICIOSO ENCONTRO!!! CARIOCAS EM FESTA E UNIÃO PELA 9a VEZ!!!




Alegria pouca é bobagem!
Afinal, fui ao VP e eliminei 1,8 kg
Meu peso agora é 92,5 kg
O total geral emagrecido agora é 47,5 kg a menos!
(com base no peso máximo que já tive)



O nosso 9º encontro carioca light foi tudo de bom! Ficamos na área externa da pça de alimentação do shopping, curtindo um visual pra lá de especial, espiem só!


Vista da área externa onde ficamos: Pão de Açúcar e Praia de Botafogo


O encontro bombou, foi bastante gente e, num clima de alegria, união, fizemos uma confraternização linda!


Da esquerda p/ direita:
Isabelle, Karyna, Jana Furtado, Janaína, Valeria, Beth, Andressa e Marsele


No “momento light” falamos sobre nossos compromissos assumidos c/ nosso processo no encontro passado e as meninas que foram pela 1ª vez falaram tb sobre seus respectivos processos e expectativas. E todas nós registramos, em papeizinhos particulares que ficaram guardadinhos c/ a Marsele, nosso principal compromisso, algo que queremos vencer, que vamos batalhar p/ alcançar/superar etc. até o próximo encontro, que já está agendado (26/11).
Nós quase “fechamos” o espaço aberto do shopping, fizemos uma grande roda, conversamos, trocamos experiências, apoio e carinho.


Da esq. p/ dir.: Marsele, Cacau, Luciana, Beth e Andressa


Tivemos várias estréias, como foi bom conhecer pessoalmente e abraçar todas elas!  Nini é um ser maravilhoso, já está magra e linda, um exemplo p/ nós! Ela levou os filhotes lindos! 

 
Nilva e família, linda!                        Da esq. p/ dir.: Jana Furtado, Janaína e Karyna c/ seu marido Kildare


Update: Por alguma falha na edição, eu não tinha dito aqui que a Janaína é maravilhosa, todas adoramos muito conhecê-la e eu, que esperava mais de 1 ano por isso, fiquei encantada com ela. Perdão Janaína, estou terrível, um dia "mato" sem querer seu comentário e no outro "mato" sem querer o registro sobre o qto a adorei viu?
A outra Janaína (Jana Furtado), muito lindinha, um sorrisinho lindo! Parabéns a ela, que aniversaria neste domingo, Deus a abençoe! E o marido dela, que foi buscá-la, é muito simpático!
 

Andressa é a meiguice em pessoa, acompanhada do namoradão gente boa Reinaldo, mais um bonito exemplo de companheirismo e parceria, ele que a incentiva, freqüenta as reuniões do VP c/ela e, p/ dar força, começou a se reeducar (mesmo não sendo gordinho) e já emagreceu 8 kg. Bacana demais!

 

Luciana é um doce, vcs não tem noção, que companhia agradável! E a Karina c/ seu marido Kildare, são muitíssimo legais e simpáticos, chegaram e logo estavam enturmados, sorriso franco, uma coisa linda!

 
 Beth, Jana Furtado e Andressa.Em pé: Marsele, Valeria, Karyna e Janaína.
 
Do grupo que já participava, estávamos eu e meu amor, a Valéria (Felipe ficou consertando o micro dela, em casa), Marsele e Vinícius (fofos e lindos como sempre), a Isabelle e o Thiago (casal docinho beijoqueiro), a nossa Cacau querida e a lindaça magrinha Clarice, que chegou na hora do parabéns que cantamos p/ a Jana.

 Clarice (de azul) chegou bem na hora do parabéns p/ vc!

Quem não pôde comparecer, foi uma pena, perdeu um encontro maravilhoso. Mas outros virão!

Tivemos uma surpresa maravilhosa, a amiga Crys, que é Argentina e mora em Buenos Ayres, não tem blog mas nos visita c/ freqüência e nos acompanha carinhosamente, telefonou p/ o meu celular para, mesmo à distância física, participar do encontro. Todas batemos palmas e gritamos p/ ela ouvir, foi o jeito de abraçarmos esta figura especial, p/ quem toda a distância entre Rio de Janeiro e Buenos Aires não existiu qdo se tratou de nos afagar c/ seu gesto tão bonito. Valeu Crys! Tenho certeza de que não tardará a estar aqui, participando de um encontro conosco viu?
No finalzinho, qdo muitas já haviam ido embora, chegou a Mariléia, que eu conheci há 2 anos em uma reunião do VP e que não via há muiiiito tempo, nos reencontramos na 6ª feira à noite no MSN e ela contou que acompanha os blogs e ia ao encontro.
Meu ego ficou hiper massageado qdo duas ex-vizinhas, de um prédio onde morei 8 anos antes de casar c/ o Vi, responderam ao meu cumprimento sem me reconhecer. Só depois uma delas me chamou e disse: Vc é aquela nossa vizinha? Meu Deus, vc emagreceu muito, eu estava reconhecendo e não sabia de onde!!!  Amei né? Amei!!! rs

E assim, mais uma ocasião festiva, agradável, edificante acima de tudo. Saímos mais fortes, mais unidas, mais preparadas p/ ir adiante. Logo teremos o 10º encontro, qdo iremos comemorar o aniversário da Marcinha. Vocês saberão, o selinho vai sair nos próximos dias!
Tenham uma linda semana! Beijos mil!
  TEM MAIS FOTOS AÍ EMBAIXO!!!!!



 Escrito por Beth ?s 01h57
[] [envie esta mensagem]


 
   MAIS FOTOS DO 9º ENCONTRO - 05/11/2005

 
Em cima: Beth e Valeria    //     Beth, Clarice e Luciana

 
Marsele e seu amor Vinícius

 
Bom demais!

 


Viver...e não ter a vergonha de ser feliz...   

Super poderosas!

 

 

  O sorriso bonito da Luciana.

 

 Isabelle e Thiago... é o amorrrrr
  Janaína Furtado e o marido

  Cacau e Luciana.

  Olha a elegância da Clarice, 51 kg a menos!

 

  Meu amor c/ 6 kg a menos (Aêêê^) e Marsele c/ seu amor  Vinícius!


      Beth e Mariléia

  Marsele, Valeria e Karyna e sentadas Beth, Jana e Andressa

 

 Eu e meu amorzão

 

 



 Escrito por Beth ?s 01h43
[] [envie esta mensagem]


 
  

O post desta 6a feira está aqui embaixo... É totalmente dedicado ao nosso encontro de amanhã!  
Obs.: Sem querer apaguei o comentário que Janaína fez no post, ela foi a 1a e eu até respondi! Se voltar aqui hoje, Jana, me desculpe e se puder, comente de novo ok? Beijos 



 Escrito por Beth ?s 08h47
[] [envie esta mensagem]


 
  

Toda vez que temos um encontro eu fico antecipadamente frenética. Eu adoro estas oportunidades de estarmos juntas. É delicioso rever as pessoas que já conheço,  algumas já viraram bem amigas! E é igualmente delicioso conhecer gente nova, que vai pela primeira vez ao encontro.
E pensar que o 1º aconteceu em setembro/2004, fomos só eu e a Valeria, e já foi bom!
No 2º (Shopping Rio Sul) tivemos a participação de: Beth e Vicente, Marcia e Leandro, Gaby, Déia, Denise e Marcelo, Valeria e Felipe. Foi uma delícia!
O 3º  foi na pizzaria Gambino, qdo conhecemos a maravilhosa Lu Coelho, comemoramos o seu nivere ainda a ajudamos a “despedir-se da comilança”, já que pouco depois ela estaria se submetendo à gastroplastia (já ocorrida c/ sucesso, graças a Deus). Foi nele que conhecemos o meu amigo Bruno, filhote lindo da Déia!
O 4º  encontro foi no Botafogo Praia Shopping, qdo tivemos a alegria da estréia da Clarice e da Isabelle! E o Alex, maridão da Déia, desta vez participou!
O 5º  foi um piquenique no Parque Laje, eu só fiquei um pouquinho lá devido a um acidente c/ meus sobrinhos (felizmente, estão bem) e não participei do lanche, mas foi ótimo! Neste, tivemos a presença, pela 1a vez,  da Marsele e seu amor Vinícius, da Czinha querida e tb do Euler, este blogueiro light gente boa, maridão da Clarice! E conhecemos tb a Gloria, sogra tudo de bom da Marcinha, que levou tb sua filhota Isabella. E ainda, aquele simpático casal, Fernando e Adriana (não possuem blog)!
 

O 6º foi no Rio Sul de novo, aí foi a vez da Cacau estrear, iluminar ainda mais o grupo! Neste encontro foi que ocorreu a compra da saia nova da Isa, história boa que rendeu a sensação gostosa batizada de  “efeito Isabelle”, bom demais!
O 7º  foi no Shopping Nova América, comemoramos vários aniversários (o meu, o da Valeria – que aniversaria no mesmo dia que eu, o da Clarice, o do Marcelo (namorado da Denise) e do Vinícius (namorado da Marsele). Ficamos no Petisco da Vila, na Rua do Rio, aconchegante lugar lá do shopping e foi muito gostoso. Neste, nós conhecemos a Lucia, simpática e animadíssima mãe da Déia! E tb tivemos a presença, pela 1a vez,  do Thiago, o doce namorado da Isabelle!
O 8º  foi no Shopping Tijuca c/ a presença, pela 1a vez, da Juliana, uma fofa (no sentido afetivo da palavra). E foi nele que inauguramos o “momento light”, a horinha mágica em que conversamos especificamente sobre nosso processo, é uma ocasião super importante, qdo compartilhamos nossas vivências, aprendizados, alegrias e tropeços, fortalecemos a disposição e nossas crenças positivas p/ seguirmos em frente.
Tivemos um extra sábado passado p/ comemorar o niver da Denise, na pizzaria Gambino!
E agora, os preparativos p/ o próximo sábado. Até agora, confirmaram presença: Marsele e Viinícius, Cacau, Isabelle, eu e meu maridão Vicente, Valéria e Felipe,  será que nossa linda Clarice irá, com seu Euler?  
Teremos pelo menos 3 estréias! As duas Janaínas - Jana Furtado e Janaína, a Andressa (que já confirmou), Barbara e Emi que comentaram sobre a vontade de vir e eu já dei a maior força (estamos torcendo!) e a queridíssima Nilva, que por e-mail enviou a seguinte msg: "Ah, definitivamente amanhã eu vou ao encontro, me aguardem! "  E agora, uma blogueira novíssima na área, a Karina(recém-linkada) , que me enviou um e-mail e tb já nos falamos hoje por telefone, confirmou que estará conosco, vejam que maravilha!   E não é que SP talvez se faça representar desta vez? Tudo indica que Priscila Gemballa, de férias no RJ, nos prestigie c/ sua presença!Já falamos por telefone na 3a feira!
A Marcinha vai passar o findi em Cabo Frio, viagem já estava planejada (conforme ela já havia postado anteriormente), então desta vez não teremos a participação da nossa bonequinha Beijoca, mas na próxima ela estará, até pq vai fazer aniversário e nós vamos comemorar né?
A Déia não está confirmada pq o maridão terminou a pós e haverá uma cerimônia de formatura, claro que ela vai prestigiar o amor dela, não é? A gente aproveita p/ mandar um super abraço p/ o Alex, felicitando por mais uma etapa vencida!
Czinha vai trabalhar...fica para outra vez, né linda?

Então, é isso! Quem mais irá?  Quem puder e desejar ir, será uma alegria! Quem não for, fica para outra vez, afinal teremos muitos!!! Estamos consolidando amizades, que transcendem já o processo de emagrecimento e isto, quando verdadeiro, é abençoado e fica para sempre! Bom demais!

Entenderam agora pq fico nesta euforia toda? É muito bom. Felizes de nós, que aproveitamos estas oportunidades p/ nos abraçarmos, compartilharmos afeto, incentivo, não é? Felizes de nós! Se eu tivesse uma varinha de condão, sacodia-a no ar e fazia com que todos nós, da blogosfera light, do Brasil e do mundo, nos encontrássemos num lindo lugar, seria uma festa e tanto! Mas abraçamos a todos mesmo à distância, a energia positiva se propaga e chega a cada um ok?Olhem o que dizem algumas blogueiras sobre os encontros:  
Marcia: “ Cumplicidade, troca de experiências e força p/ continuar!
Cacau: ”Uma injeção de ânimo, muito legal, oportunidade singular de partilhar experiência... eu saio sempre muito motivada de lá...por isso não perco nenhum”.

Beijos então, até lá galera!



 Escrito por Beth ?s 08h44
[] [envie esta mensagem]


 
   Fazer Acontecer... (do livro Que crise é esta? - Marco Aurélio Ferreira Vianna)

O autor do livro diz que nossa capacidade de “Fazer Acontecer” está calcada em 9 princípios básicos. Achei legal associá-los ao nosso processo de emagrecimento, afinal tb estamos FAZENDO ACONTECER,  não é?

 1) A possibilidade de antever alguns acontecimentos, no setor em que atuamos:  Com base em experiências anteriores (nossas e de outros, já relatadas), lições já aprendidas, informações recebidas/pesquisadas etc., auto-conhecimento e conhecimento do próximo e do que nos cerca e até mesmo intuição, podemos prever algumas coisas e evitar ações indevidas ou, pelo menos, minimizar os impactos destes acontecimentos. É avaliar o risco e se preparar p/ ele. Se, por ex., sou convidada p/ uma super festa onde vai rolar um buffet maravilhoso, que eu já sei que vai me tentar muito, posso me preparar previamente, como contei num post da semana passada não é?
Outro exemplo: Se vou a um lugar onde sei que estará uma pessoa negativa, que costuma dizer/fazer coisas que me irritam e como eu em definitivo não mereço sair do sério por este tipo de coisa, posso perfeitamente me preparar, se não puder evitar ir ao tal lugar, posso ‘ensaiar mentalmente’ um ‘nem te ligo’ p/ a tal pessoa, não me deixar abater por nada que venha dela. E assim, com muitas outras situações.
2) A sede de informações: Sempre é bom buscar cada vez mais o conhecimento sobre coisas que nos beneficiam, nos fazem crescer, aprimoram o pensamento e a atitude e assim nos capacitam p/ a busca do que desejamos. No nosso caso, podemos pesquisar artigos sobre nutrição, alimentação adequada, atividade física, saúde, auto-conhecimento, psicologia e tantas outras que nos ajudam a linkar uma série de coisas que, unidas, nos preparam p/ a vitória.
3) A humildade diante dos fatos e diante do desconhecido:  Difícil, mas necessária, a humildade nos faz refletir, entender nossas fragilidades, ENXERGAR nossos erros e, ao invés de nos deixar abatidos frente a eles, nos faz querer aprender mais, nos faz compreender que podemos tentar de novo, que somos humanos, passíveis de enganos, de tropeços. Quem não se coloca em uma situação de humildade perde a chance de crescer. Escorregou? Caiu? Não teve o resultado esperado? O que houve? Avalie! Pense mais um pouquinho! Admita que pode ter feito algo a mais (ou a menos),  Não sabe tudo? Claro que não, quem é que sabe tudo nesta vida? Ninguém! Então, proponha-se a aprender mais, principalmente a aprender c/ seu próprio erro.
4) A capacidade de absorver derrotas e ultrapassar obstáculos: Dificuldades e problemas não são nada gostosos e ninguém quer passar por eles, eu tb não. Mas a vida é feita de altos e baixos, alguns que podemos evitar, outros não. Aprender c/ cada situação adversa, procurar extrair de tudo uma experiência e uma oportunidade de aprimoramento pessoal é a chave. Transformar perda em ganho. Fácil? Não! Mas possível! Eu acredito nisto e tento praticar.
5) Teimosia, qdo é p/ o bem, vale a pena. Teimar qdo se sabe que está no caminho errado é burrice. Mas qdo há convicção de que o caminho é aquele, tendo a certeza de que a persistência levará ao sucesso, tem mais que teimar sim e muito. Vale a pena. Erra quem teima em fazer dieta de qquer jeito, sem um bom embasamento/orientação, sem um planejamento adequado, sem o interresse em realmente mudar hábitos, se reeducar. É uma teimosia que não leva a nada concreto e duradouro. Acerta quem teima em prosseguir e por um caminho equilibrado, seguro, sabendo exatamente o que quer, pq quer e tendo segurança de que está se apoiando em algo saudável e eficaz.
6) Garra é tudo. É essencial. Sem garra a gente não consegue enfrentar nada. Sem garra a gente esmorece na 1a pedra que encontra, no 1º buraco no qual tropeça. Sem garra a gente dá as costas ao próprio objetivo, depois se frustra.

7) Formação generalista: Não se aplica (eu, pelo menos,não consegui aplicar...rs)
8) Coragem p/ entrar em contato consigo mesmo, descobrir e trabalhar as próprias fragilidades, compreender aquilo que precisa ser mudado. Coragem p/ mudar, p/ superar, p/ seguir apesar das dificuldades que aparecerão no caminho. Coragem p/ sair da estagnação, p/ vencer.
9) Enfrentamento, c/ satisfação, dos desafios. Prazer, alegria, satisfação real em encarar este processo como um desafio que pode ser vencido, entender que não é sacrifício e sim uma gradual mudança que não só emagrece, mas aeperfeiçoa,  habilita não só a se manter no peso desejado! Adquirindo uma consciência nova qto ao seu próprio potencial, capacidade, segurança e determinação, vc se capacita para a vida.

Acho que tem tudo a ver.
Beijos

 



 Escrito por Beth ?s 14h50
[] [envie esta mensagem]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Mulher, de 46 a 55 anos, Portuguese, English, Arte e cultura, Livros, Praia, Dançar, Curtir a vida
MSN -



EU ERA ASSIM  

ESTOU ASSIM Meu nome ? Elizabeth, sou conhecida como Beth
Analista de Sistemas, especialista em Metodologia, Processos e Qualidade em TI, Ger?ncia de Projetos,An?lise de Neg?cios, Auditora ISO, sou leonina do dia 10/08, carioca da gema, moro na minha na cidade maravilhosa (RJ), adoro fazer amizades, sonhar, ler, escrever, sou casada c/ Vicente - meu grande amor, m?e do Alexandre, um filh?o maravilhoso, que ? universit?rio e "boadastra" da Mimi, minha enteadinha adolescente linda a quem chamo aqui de filhotinha.

Meu e-mail: beth.ebprs@gmail.com
Meu MSN: ebprs@hotmail.com



Objetivo deste Blog: Compartilhar meu processo de reeducação alimentar e mudança de hábitos que resultou no meu emagrecimento, me tirou da obesidade mórbida e me ensinou e ensina tanto!



Meu processo: Fui beb? 'cheinho',crian?a de peso normal, na adolesc?ncia tinha ?timo corpo. No in?cio da fase adulta comecei a engordar c/facilidade em fun??o de uma mudan?a p/ pior dos h?bitos alimentares e tb devido a dificuldade que tive em enfrentar alguns problemas pessoais, decep??es e m?goas que se transformaram em Kg a mais (eu as COMI). Durante anos optei por m?todos indevidos, tomei rem?dios, f?rmulas, inje??es, fiz dietas mirabolantes e isto tudo me ajudou a virar uma sanfona que cada vez abria mais e fechava menos. Cheguei ao auge da obesidade c/ 140 kg e dei o basta. Primeiro, fiz um pequeno controle que me ajudou a emagrecer quase 5 kg. Depois, entrei para o Vigilantes do Peso, onde emagreci 53kg c/equil?brio, seguran?a e muita alegria. Aprendi muito, o caminho foi t?o importante quanto os resultados. Eliminei 53 kg com o método do Vigilantes do Peso e atividade física. Aumentei depois alguns kg e agora prossigo, para reconquistar a minha meta e mantê-la para sempre.

Cr?ditos Imagens: Google
Comunidade no Orkut!


Comunidade Orkut: Eu sou f? da Beth - A Conquista! criado com carinho pela amiga Lili (obrigada, lindinha!)
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=2052374


 
Clique AQUI e veja
o que eu como!




HIST?RICO
 01/01/2011 a 15/01/2011
 16/12/2010 a 31/12/2010
 01/12/2010 a 15/12/2010
 16/11/2010 a 30/11/2010
 01/11/2010 a 15/11/2010
 16/10/2010 a 31/10/2010
 01/10/2010 a 15/10/2010
 16/09/2010 a 30/09/2010
 01/09/2010 a 15/09/2010
 16/08/2010 a 31/08/2010
 01/08/2010 a 15/08/2010
 16/07/2010 a 31/07/2010
 01/07/2010 a 15/07/2010
 16/06/2010 a 30/06/2010
 01/06/2010 a 15/06/2010
 16/05/2010 a 31/05/2010
 01/05/2010 a 15/05/2010
 16/04/2010 a 30/04/2010
 01/04/2010 a 15/04/2010
 16/03/2010 a 31/03/2010
 01/03/2010 a 15/03/2010
 16/02/2010 a 28/02/2010
 01/02/2010 a 15/02/2010
 16/01/2010 a 31/01/2010
 01/01/2010 a 15/01/2010
 16/12/2009 a 31/12/2009
 01/12/2009 a 15/12/2009
 16/11/2009 a 30/11/2009
 01/11/2009 a 15/11/2009
 16/10/2009 a 31/10/2009
 01/10/2009 a 15/10/2009
 16/09/2009 a 30/09/2009
 01/09/2009 a 15/09/2009
 16/08/2009 a 31/08/2009
 01/08/2009 a 15/08/2009
 16/07/2009 a 31/07/2009
 01/07/2009 a 15/07/2009
 16/06/2009 a 30/06/2009
 01/06/2009 a 15/06/2009
 16/05/2009 a 31/05/2009
 01/05/2009 a 15/05/2009
 16/04/2009 a 30/04/2009
 01/04/2009 a 15/04/2009
 16/03/2009 a 31/03/2009
 01/03/2009 a 15/03/2009
 16/02/2009 a 28/02/2009
 01/02/2009 a 15/02/2009
 16/01/2009 a 31/01/2009
 01/01/2009 a 15/01/2009
 16/12/2008 a 31/12/2008
 01/12/2008 a 15/12/2008
 16/11/2008 a 30/11/2008
 01/11/2008 a 15/11/2008
 16/10/2008 a 31/10/2008
 01/10/2008 a 15/10/2008
 16/09/2008 a 30/09/2008
 01/09/2008 a 15/09/2008
 16/08/2008 a 31/08/2008
 01/08/2008 a 15/08/2008
 16/07/2008 a 31/07/2008
 01/07/2008 a 15/07/2008
 16/06/2008 a 30/06/2008
 01/06/2008 a 15/06/2008
 16/05/2008 a 31/05/2008
 01/05/2008 a 15/05/2008
 16/04/2008 a 30/04/2008
 01/04/2008 a 15/04/2008
 16/03/2008 a 31/03/2008
 01/03/2008 a 15/03/2008
 16/02/2008 a 29/02/2008
 01/02/2008 a 15/02/2008
 16/01/2008 a 31/01/2008
 01/01/2008 a 15/01/2008
 16/12/2007 a 31/12/2007
 01/12/2007 a 15/12/2007
 16/11/2007 a 30/11/2007
 01/11/2007 a 15/11/2007
 16/10/2007 a 31/10/2007
 01/10/2007 a 15/10/2007
 16/09/2007 a 30/09/2007
 01/09/2007 a 15/09/2007
 16/08/2007 a 31/08/2007
 01/08/2007 a 15/08/2007
 16/07/2007 a 31/07/2007
 01/07/2007 a 15/07/2007
 16/06/2007 a 30/06/2007
 01/06/2007 a 15/06/2007
 16/05/2007 a 31/05/2007
 01/05/2007 a 15/05/2007
 16/04/2007 a 30/04/2007
 01/04/2007 a 15/04/2007
 16/03/2007 a 31/03/2007
 01/03/2007 a 15/03/2007
 16/02/2007 a 28/02/2007
 01/02/2007 a 15/02/2007
 16/01/2007 a 31/01/2007
 01/01/2007 a 15/01/2007
 16/12/2006 a 31/12/2006
 01/12/2006 a 15/12/2006
 16/11/2006 a 30/11/2006
 01/11/2006 a 15/11/2006
 16/10/2006 a 31/10/2006
 01/10/2006 a 15/10/2006
 16/09/2006 a 30/09/2006
 01/09/2006 a 15/09/2006
 16/08/2006 a 31/08/2006
 01/08/2006 a 15/08/2006
 16/07/2006 a 31/07/2006
 01/07/2006 a 15/07/2006
 16/06/2006 a 30/06/2006
 01/06/2006 a 15/06/2006
 16/05/2006 a 31/05/2006
 01/05/2006 a 15/05/2006
 16/04/2006 a 30/04/2006
 01/04/2006 a 15/04/2006
 16/03/2006 a 31/03/2006
 01/03/2006 a 15/03/2006
 16/02/2006 a 28/02/2006
 01/02/2006 a 15/02/2006
 16/01/2006 a 31/01/2006
 01/01/2006 a 15/01/2006
 16/12/2005 a 31/12/2005
 01/12/2005 a 15/12/2005
 16/11/2005 a 30/11/2005
 01/11/2005 a 15/11/2005
 16/10/2005 a 31/10/2005
 01/10/2005 a 15/10/2005
 16/09/2005 a 30/09/2005
 01/09/2005 a 15/09/2005
 16/08/2005 a 31/08/2005
 01/08/2005 a 15/08/2005
 16/07/2005 a 31/07/2005
 01/07/2005 a 15/07/2005
 16/06/2005 a 30/06/2005
 01/06/2005 a 15/06/2005
 16/05/2005 a 31/05/2005
 01/05/2005 a 15/05/2005
 16/04/2005 a 30/04/2005
 01/04/2005 a 15/04/2005
 16/03/2005 a 31/03/2005
 01/03/2005 a 15/03/2005
 16/02/2005 a 28/02/2005
 01/02/2005 a 15/02/2005
 16/01/2005 a 31/01/2005
 01/01/2005 a 15/01/2005
 16/12/2004 a 31/12/2004
 01/12/2004 a 15/12/2004
 16/11/2004 a 30/11/2004
 01/11/2004 a 15/11/2004
 16/10/2004 a 31/10/2004
 01/10/2004 a 15/10/2004
 16/09/2004 a 30/09/2004
 01/09/2004 a 15/09/2004
 16/08/2004 a 31/08/2004
 01/08/2004 a 15/08/2004
 16/07/2004 a 31/07/2004
 01/07/2004 a 15/07/2004
 16/06/2004 a 30/06/2004
 01/06/2004 a 15/06/2004



OUTROS SITES
 Site do Vigilantes do Peso
 Ação pelo semelhante
 Nutrella
 MC DONALDS - Tabela Nutricional
 Site ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL
 Saudável.Info
 Vegê Gourmê - Blog da Chef Michele Maia
 Lu Francesa
 Selma Guerreira
 Meu Emagrecimento (Sara)
 Serei magra (Andreia)
 Renascer (Thuca)
 Valquíria
 Blog da Magui
 Neblina
 O sabor da vitória (Electra)
 Entretanto, eu (Jana)
 Diva esbelta e feliz (Diva)
 Miss Blueberry
 Vida boa é vida saudável (Cristy Costa)
 Diário light (Sylmara)
 Blog da Eloyza
 Veneno urgente (Flavia Rocha)
 Blog da Fafá
 Espelho light (Elaine)
 Blog da Cynthia (Londres)
 Agora eu emagreço (Aline) Brasília
 Never give up (Renata - Tita)
 Blog da Micha - RJ
 Homem também faz dieta (Carlos) RJ
 Jaqueline
 Mulher de Atitude - Cacau RJ
 Serei sereia (Fabi) RS
 A caminho da vitória (Elaine Regiane) SP
 Blog da Rogeria
 Blog da Georgia
 Escrevendo emagrecendo (Lisa)
 Diet Forever (Zá)
 Garotinha ruiva (o outro blog da Lu Russa)
 Dieta urgente (Luciana Alexandrino)
 Space Cris
 Tetê Sereiah
 Andréa Aoki
 Gordinha da Silva
 O sucesso da Lorena
 Renata sem firulas
 Valérie Roberto
 Arianna
 Clara - RJ
 Andréa Cordoniz
 Ana Carolina grávida
 Ana Carolina
 Miss Slim
 Drica (Paraty-RJ)
 Ada Sheila
 Anselmo
 Sueli
 Sol
 Kelly
 Jessica (Elite)
 Nilce
 Leila (Ninguém merece ser 3G)
 Fanta Diet
 Infobeso
 Cris Lopes
 Aline Tomaz (RJ)
 Roberta Alves
 Sue - gravidinha
 Cris fit
 Annie
 Novidades da Cris
 Leila Batista
 Clarita
 Rebecca sapeca
 Lua emagrecendo
 Brian
 Diario da bonita Andrea
 Marilia
 Marilia Vitória
 Aline Virtus
 Paula pra melhor
 Cristiane
 Teresinha
 Ana Cleide
 
 Marcia (Marquinhas)
 Pri 2
 Ludmila
 Lela
 Jana Carmen
 Pri emagrecendo...
 Luzluzinha
 Barbarella (Andrea Glauce)
 Raiane
 Luciana Kotaka
 Vanessa (Campinas)
 Patty emagrecendo de bem...
 Nanda (Idade da Pedra)
 Carlos Medeiros
 Lara
 Dani - Brasília
 Teresa Cristina
 Sisi
 Miriam - RJ
 Kaká
 Gabi e Ana Luiza
 Diário de Macherrie
 Catia
 Amanda Costa
 Rosimeyre
 Alice
 Walkiria
 Crizinha
 Char
 Lu Pinheiro
 Elisandra
 Lahys
 Cotidiano (Zany)
 Karen
 Kika
 Nicky
 O novo blog da Taty Carioca
 Isabela
 Lisandra
 Ju sem pressa
 VIGILANTES DA AUTO ESTIMA
 JT
 Barbarella
 Angelica Fernandes
 Claudia
 Lagarta de borboleta
 Alisson
 Nova Jacque
 Patty Roberta
 Michelle 2
 Elissandra
 Juliene
 Ana Paula
 Annie emagrecendo
 Lili Bolero
 Fernanda Betini
 Karina Torres
 Valqs
 Ana Telma
 Lilian Raquel (Lee)
 Cáritas
 Baxie
 Cacau II
 Renatita
 Nando Neri
 Isabelle
 Nanda
 Edite
 Way to go (Clara )
 Bartira
 BLOG COMER SEM CULPA
 Andreia Cantelli
 Lu Mme Light
 Magali
 Lu
 Aline RJ


VOTA??O
 D? uma nota para meu blog!