Conquista

UOL
   BALANÇO DO CARNAVAL!

SAUDADE DAQUI!!!

Sábado: Noite mal dormida por um mal-estar MERECIDO, pois comi uvas muito tarde e deitei, houve uma fermentação horrível dentro de mim e acordei c/  uma 'bola de ar' subindo e descendo, argh! Bem-feito, há qtos anos eu não fazia esta 'gracinha', então já não me conheço?  Bobeei, dancei. Mas aprendi (de novo)...rs  Voltei a dormir após 
5h da manhã.

Ainda assim, acordei cedo, pois era dia do Cordão do Bola Preta, uma paixão.  Tenho profundo carinho pelo bloco, qdo pequena meu pai me levava ao Centro p/ vê-lo e aos outros blocos, é uma lembrança boa. O Bola é até hoje a verdadeira expressão do carnaval de rua carioca, existe há mais de 90 anos! Adoro diversos outros blocos/bandas mas o Bola é especial. Arrastou pelo centro do Rio neste sábado 200.000 pessoas, entre elas, eu e meu amor. 

À tarde, infelizmente não pude participar do desfile do bloco 'Dois pra lá, dois pra cá' do Carlinhos de Jesus. A escola de dança dele é grudada no meu condomínio, inclusive já fizemos aulas lá e o som entrava pela minha janela durante toda a concentração e preparação p/ saída do bloco, eu fiquei doidinha, mas mamãe, que é idosa e tem probl. saúde,  ficou aqui no carnaval, p/ meu irmão, que cuida dela, dar uma descansada merecida (é um SANTO que cuida dela c/ espero e até a estraga, pois mima mais do que devia e ela já tenta manipulá-lo c/ chantagens emocionais, está sendo mais um problema). 
Imagem do "Dois pra lá, dois pra cá"
Ver o Carlinhos de Jesus pela minha janela sacodindo o povo, comandando o bloco, ouvir o puxador cantando e a bateria arrepiando e não ir junto foi uma tortura, vcs não têm idéia! Lembrei muito da mana loira, a querida Thuca, que adora o Carlinhos e pensei em como ela adoraria estar ali, sob o comando dele, se esbaldando!
Mas o carnaval não passou em brancas nuvens! Contratei uma boa e confiável acompanhante p/ minha mãe no domingo e 2a feira, assim pude tb sair, curtir minha praia e um pouco do carnaval, sabendo que a nossa véinha estava super bem cuidada e feliz, pois ela adorou a idéia (e gosta muito da moça!).
 Domingo fomos à praia c/ a querida 
Cacau (nós na foto) e sua prima. Muito papo, muito sol e depois, acompanhamos o bloco Simpatia é Quase Amor, tradicional de Ipanema, que eu adoro. Chegamos em casa já tarde, suadíssimos e felizes! Pulamos muito, ativ. física especial!

Na 2a feira novamente uma boa praia, desta vez c/ a companhia da querida Marcinha c/ o maridão e a filhota linda. E na 3a, já sem a acompanhante da mamãe, nos dividmos bem, meu filho ajudou bastante olhando-a p/ nós durante a tarde, assim novamente pegamos praia c/ a Cacau e tentamos soltar a franga na Banda de Ipanema (já não conseguimos, estava impraticável).
Nesta 4a de cinzas eu tenho que trabalhar, nem sempre eu vou neste dia mas me comprometi, será necessário. O dia está bonito, faz sol, eu programei uma caminhada cedinho emendando c/ praia pelo menos por umas poucas horas na manhã, mas resolvemos ficar em casa, dando atenção à mamãe que hoje voltará p/ casa c/ meu irmão. Uma pena não estar em casa à
tarde  p/ acompanhar a apuração do desfile das Escolas de Samba pela TV, mas vou tentar ver via internet enqto ralo...rs Torcendo muiiiito pela minha linda Mangueira, que arrasou!!!


A alimentação no carnaval foi razoável, mas podia ter sido melhor. Não cometi excessos significativos, procurei seguir um cardápio normal dos dias comuns, não fiz nada muito perfeitinho, mas tb não houve nada absurdo. Mas não fiquei sempre nos pts, fiz uso dos pontos flex (o que é raro) e faltou equilíbrio/variedade no cardápio. Não fiquei preocupada em consumir qtde ideal disto e daquilo, pois procurei a maior praticidade possível.

Honestamente, a preguiça tb falou bem alto na hora de montar o prato, embora houvesse na geladeira vários itens já prontinhos, lavadinhos, separadinhos (legumes/verduras). E, com total consciência (tranquila), não acredito que esta semana vá eliminar alguma coisa, mesmo c/ todas as kcal queimadas nos blocos. Aquele 1 kg a mais da semana passada vai esperar mais uns diazinhos p/ ir embora, só que vai de vez!

Meu  metabolismo, depois destes kg todos eliminados, é cheio de malandragem, então ele fica me espreitando. Qquer coisinha ele aproveita p/ "sentar". No meu caso, o equilíbrio é fundamental. E eu não preciso cometer grandes jacas - até pq não sei mais fazer isso, felizmente.
 Porém, como sempre digo, cada um é um e o que não é excesso p/ a maioria, no meu processo acaba sendo pois, mesmo que não me exceda muito, só de não consumir qtdes certas de legumes/verduras/frutas na média semanal, já dá diferença. Sei disso, aprendi a me observar e a entender meu próprio funcionamento, então não tenho tanta surpresa assim. O negócio é ajustar direitinho tudo que precisa e seguir. Isto eu sei fazer, né? 

Nestes dias eu pensei muito, refleti demais, observei tanta coisa e isto gerou muito assunto p/ conversarmos. Já tenho alguns rascunhados, acho que vai ser legal p/ todos nós. É muito bacana ver como a gente descobre/redescobre coisas o tempo inteiro, qdo olha/sente/pensa c/ interesse tudo à volta (e a nós próprios).

Desejo a vcs uma excelente semana pós-folia ou descanso. E o mais importante: Quem se manteve super na linha estes dias, parabéns! Vá em frente! E quem não se manteve tão firme, jacou muito ou pouco, seja como for, parabéns! Se está aqui na blogosfera hoje, se está novamente em contato c/ este ambiente que é tão motivador, é pq continua na estrada. Então, mãos à obra. Independentemente da obra ter sido tocada durante o carnaval ou mesmo interrompida, mesmo que haja algo a consertar, ela tem que continuar. Vale a pena. A gente não é como estes políticos que prometem mas não se comprometem, qdo começam as coisas não levam até o fim. Temos sonhos, desejos e temos COMPROMISSO com alguém que merece MUITO nosso respeito, cainho, consideração e dedicação: NÓS MESMOS.
Em frente, galera!
Obrigada Anita da Espanha, nova amiga, pelo carinho! Isto aqui está ficando muiiiito internacional, que chique hem?  : )
Beijos!



 Escrito por Beth ?s 17h46
[] [envie esta mensagem]


 
   ESQUENTANDO OS TAMBORINS!

Sexta-feira pré-carnavalesca, dia de VP depois de 1 semana que não foi redondinha como planejei. Besteira negar que as preocupações não influenciaram, eu realmente não as comi mas tb não fui muito disciplinada, faltou equilíbrio nos cardápios, fraco consumo de vegetais e tb não me exercitei 'formalmente', embora no dia-a-dia eu cada vez me movimente mais, aproveitando todas as oportunidades p/me mexer, é uma escada aqui, uma caminhada a pé ali... Tb entrei no meu pior período do mês, a ovulação. Agora é bola p/frente, amanhã tem o Bola Preta, o Dois pra Lá, Dois pra Cá, Banda de Ipanema, já ajudarão a queimar kg. E boquinha fechada claro...rs
 Preparados p/ o carnaval?  Quem é da folia aproveite, sue bastante ao som da batucada que isto queima kcal àbessa, divirta-se c/ responsabilidade pois juízo e canja de galinha nunca fizeram mal a ninguém! Quem não gosta ou prefere um sossego básico, que aproveite tb e tenha dias de muita paz e relaxamento. E atenção, p/ não se enquadrarem em situações como estas abaixo:

1)conta ao amigo como foi a noitada, fala da galera toda que estava lá na boate, diz que bebeu todas, misturou isso c/ aquilo, estava zoadão, que ficou doidão, um monte de mulheres 'dando mole', ficou a fim de uma gata maravilhosa, e bebeu ainda mais, fulano trouxe mais um ‘sei-lá-o-que’ que ele tomou junto da bebida X e ficou ainda mais maluco, nossa, que noite incrível etc. e tal... No final o amigo vai e pergunta: Ok, mas e aí? O que rolou? E ele: Como assim, cara, pô tava demais, bebi todas etc...  E o amigo: Tá, mas e aí, e a mulherada? E a tal gata, vc pegou ela? E ele? Ih cara, nem sei, fiquei doidão, nem lembro de nada, tava chapadão, não sei nem como foi que cheguei em casa, acordei no outro dia já eram 3 da tarde, malzão, vomitei até a alma, tive que tomar um XYZ p/ melhorar... pô que noite, cara! E eu,  uma ouvinte casual, pensei: “Mas que noite de merda hem..o cara não curtiu nada, não sabe nada, ficou doidaço, tinha mulher dando mole e ele não pegou nenhuma, se bobear ele que foi pego...rs (lembram do ditado né,  __ de bêbado não tem dono...)

2) P conta à amiga sobre a tal festa, diz que estava linda e maravihosa, arrumou o cabelo, fez as unhas, se maquiou, chegou lá já estava todo mundo, nossa, qta comida, tinha de tudo, passava garçon o tempo todo só c/ aqueles canapés divinos, cada salgadinho mais cheiroso que outro, bebida tb rolando à vontade, ela comeu e bebeu tudo que tinha direito, ficou até posicionada perto da cozinha, assim não corria risco do garçon passar c/ algo sem que ela visse... Na hora do bolo tb comeu sei lá qtas fatias, se entupiu de doces, o pessoal ficou lá dançando e tal mas ela curtiu mesmo foi a comida e a bebida... Chegou em casa enjoada, no dia seguinte deu mal estar, acha que o fígado está com problema, vai ver foi aquele patezinho do canapé X.... Mas estava p da vida, 2 dias depois foi vestir a roupinha Y e ficou justa...ela agora sente-se culpada, morre de ódio de si mesma!
Isso
não é novidade, muitos de nós poderíamos contar historinhas parecidas de festas, shows, casamentos, carnaval...que nós mesmos já vivemos. O que mais se destaca nestas cenas é que curtir mesmo a festa do jeito que ela pede, nem sempre acontece. A fissura por ficar doidão, por encher o pote de bebida e/ou a pança de comida é tanta que às vezes é só o que se vê e faz. Ok que comer é bom, beber tb mas daí a exagerar a ponto de ficar mal, não viver o melhor da festa, não saber nem depois contar direito o que fez e não fez,  passar mal do estômago, fígado e sei lá o que, vomitar, ficar c/ gosto de cabo de guarda-chuva na boca e a consciência pesada, fala sério que isto é bom de verdade? 

Seja qual for a preferência de cada um nos dias de Momo não há problema em comer e beber, em dar até uma leve abusadinha, mas sem perder a noção. Será que beber só é legal se for p/ ficar totalmente fora do ar? Comer só vale a pena se for p/ se empanturrar, sentir o estômago estufado, aquela sensação de “sou uma besta” que vem depois?
E fala sério de novo, por conta de 4 dias será que vale a pena, além de todo desconforto físico e até emocional, ver a roupa apertada, a barriga maior, a balança acusando sem dó nem piedade, ahh ninguém merece?

Se eu não jaquei esta semana mas só de não ter sido um pouco mais disciplinada em alguns itens já levei uma rasteira da balança, imaginem se deixar meu processo ir-se embora no 1º bloco que passar? Que nada, quem vai no bloco sou eu!

Se pensarmos um pouquinho só, mesmo sem muita rigidez nestes dias, vamos conseguir curtir  muito, seja na praia, no campo, na gandaia, sem atrapalhar demais nosso processo, sem nos sentirmos uns pobres-coitados (pq não somos!) e depois, mesmo cometendo alguns excessos, saberemos contornar, administrar de um jeito melhor, sabendo o que foi feito / não feito e pronto, é correr p/ ajustar tudo. E veremos que até a jaca, se tiver sido atacada, terá sido de um jeito bem melhor que antes.  Não proponho que virarmos santinhos! Apenas sugiro que não nos larguemos só pq é carnaval. Sambar, no contexto correto, é dizer no pé e não na boca. Não deixemos que “sambe”, no pior sentido da palavra, algo que temos conseguido c/ esforço, alegria, c/  tanta vontade.  O carnaval acaba em poucos dias. O resto fica né? Beijos cheios de carinho e paticumbum p/ todos!

Até que eu ia ficar bonitinha né? rsss



 Escrito por Beth ?s 14h43
[] [envie esta mensagem]


 
   BATENDO UM PAPINHO


Imagem cuja autoria desconheço. Quem souber me avise,
por favor, p/ que eu possa registrar o crédito.

Nesta 3a feira o calor era tanto, fui trabalhar c/ o cabelo preso - coisa rara. Uma colega de outro andar se disse impressionada c/ meu emagrecimento, principalmente meu rosto, pescoço e ombros que agora estão bem mais finos. Também o Leozinho, qdo veio na minha mesa tomar um chazinho e trocar uns dedinhos de prosa encheu minha bola! Eu mesma, ao me olhar no espelho do banheiro reparei na fisionomia, o cabelo preso mostrou mais meu rosto afinado, cada vez mais próximo do que já foi um dia, exceto pela diferença da idade, afinal o peso reduziu mas o tempo não voltou atrás...rs

Chegando do trabalho, encontrei uma vizinha no condomínio, de quem gosto muito. Ela costuma se queixar do peso a mais, embora não seja obesa e é fato, se ela bobeia, engorda sim. É muito bonita e ainda é jovem, falta-lhe apenas paciência e determinação p/ eliminar os kg a mais de vez, do jeitinho certo. Ela se acha impotente, acaba apelando p/ dietas drásticas, resultados rápidos, remédios aqui e ali, depois ela mesma admite que isto não está com nada. 
Ela mais uma vez me elogiou muito, inclusive dizendo que agora meu emagrecimento está muito mais visível e é engraçado, eu tenho notado que muita gente tem se tocado que emagreci bastante agora, depois de mais de 50kg eliminados, parece que os ultimos 12kg que joguei fora fizeram uma diferença maior e eu já acho que fizeram mesmo. Há quem me veja sempre e ainda me pergunte como consegui “tão rápido” e eu morro de rir, pois são mais de 2 anos e meio de processo!
O papo c/ a vizinha rolava, qdo eu comentei que ela havia emagrecido um pouco, ela confirmou ter perdido 5 kg. Mas o olhar dela era nublado, havia um ar de descrença e insatisfação, no fundo ela sabe que logo os tais kg estarão de volta, já que não promoveu mudanças efetivas que garantam manter aquele peso e eliminar mais. Ela suspirou, um supiro desconsolado que eu conheço de outros carnavais (já dei estes suspiros, no passado) e disse: “Mas é tão difíiiiiicllllll”. Eu sorri eu procurei mostrar algumas coisas a ela, que vou passar resumidamente para cá, agora e não é a 1a vez, ok?

Disse a ela que não é tão difícil assim. Não é fácil, mas difícil a este ponto, não é. Enqto vc encarar esta mudança como algo tão complicado, realmente não irá em frente. Mude o jeito de ver a coisa, mude a forma de pensar e logo verá que é possível e que dá resultado sim! 
Qdo vc quer muito uma coisa, mas quer tanto, tanto, tanto, pq acha que aquilo vale a pena, vai lhe dar muita alegria etc., vc não se empenha p/ conseguir? 
Qdo vc quer, por ex., um sapato p/ usar c/ determinada roupa, numa ocasião X, vc sabe que é aquele que vai combinar totalmente, que vai compor do jeito que vc sonhou, então vc não quer nem saber, não vê dificuldade em ir a tudo que é shopping, tudo que é loja em qquer bairro e se souber que lá na puta que pariu tem o bendito, vc vai estar tão motivada que vai lá buscar não é? 

E não vai achar tãoooo difícil que prefere então deixar de lado e usar outro sapatinho náo é?  Pq vc valorizou muito mais o prazer de conseguir, de usar aquilo que quer do que a dificuldade em encontrar e obter. Não mediu esforços, pois achou que ele valia a pena, aliás, que vc valia a pena... afinal o sapato vai ficar no seu pé... E cá entre nós, não é tão fácil assim a gente ficar catando tanto tempo e indo tão longe, um calçado assim!  

No dia que vc assimilar que seu processo de emagrecimento baseado em reeducação, mudança de hábitos, paciência, compreensão de tanta coisa, aprendizado, erros e acertos etc. é algo que vale muito a pena e lhe traz muita sastisfação, prazer, alegria, bem-estar, saúde etc. como vc encara o sapatinho bonito, vc vai deixar de achar tão difícil e vai se empenhar muito mais. E a cada passo, vc verá que se andou até ali, pode continuar até conseguir chegar onde quer. Igual ao sapatinho.

Ela ia concordando e no final, disse: É! Vendo desta forma, não é mesmo tão difícil. Não tinha pensado deste jeito.
Vcs acham que eu não me digo isto sempre, que não pensei nisto desde o começo, que não fortaleço isto em mim, justamente para poder continuar seguindo, chegar onde cheguei e ir em frente p/ chegar onde quero? Vc acha  que eu não preciso me renovar sempre, fazer estas comparações, traçar estes paralelos p/ compreender cada vez melhor a coisa toda e então me garantir nesta história?
Pois é! Não sou diferente de ninguém, eu tenho sim que me concentrar, preciso usar tudo como recurso motivacional, como exemplo de conduta positiva e negativa, gosto de comparar situações, brincar c/ fatos, hipóteses etc. e é assim que eu vou aprendendo aqui e ali, criando cada vez mais força p/ continuar e cheguei num ponto em que não há volta mesmo, é daqui sempre p/ frente. Mesmo que derrape e caia, pois não virei a Mulher Maravilha, eu já sei que sempre irei adiante.
O que digo à vizinha, aos amigos, aos parentes, aos que me perguntam e a cada um de vcs no blog ou nos comentários, eu digo primeiro a mim mesma. Mas digo c/ honestidade e acredito. Acreditando, ajo coerentemente. Agindo coerentemente, muitas vezes acerto. Acertando, lucro e quero mais. E se erro, aprendo c/ erro e sigo.

E neste mesmo dia, qdo cheguei em casa, em vez da janta já pronta e previamente planejada eu resolvi comer biscoito polvilho c/ coca light, mais tarde senti fome (claro) e fiz um sandubinha, não encerrei o dia tão bonitinha como até ali vinha fazendo.
  Por que? Pq estava calor, pq estava enjoada de comida, pq estava p da vida pq tem um  problema me enchendo a cabeça, não o 'comi' mas ele acabou participando da indisciplina, ou seja, pq não sou perfeita, pq sou normalzinha da silva, pq tem dia que a gente escorrega na casca de banana por não tê-la visto mas em outros a gente é que joga a casca ali, diante dos pés, de bobeira né?
Mas fiquei dentro dos meus pontos, não do jeito certinho mas deixa pra lá, está feito. E vamos que vamos, como diz a querida e magra Nini! Difícil? Difícil é ficar parado qdo a gente pode evoluir, conquistar o que quer! Beijos!



 Escrito por Beth ?s 15h12
[] [envie esta mensagem]


 
   VAMOS COMBINAR: CONTINUANDO A SEMANA C/ TODA A FORÇA! (NADA ESCRITO AÍ EMBAIXO É NOVIDADE, MAS NÃO CUSTA RELEMBRAR NÉ?)

 1) Comer não resolve problemas, exceto fome de comida (estômago vazio). Qquer outra sensação/sentimento não passa c/ comida, requer ações específicas! Comer emoções engorda p/ caramba!

2) Ame-se e aceite-se do jeito que é/está. Assim vc se cuida melhor, capricha mais, persiste apesar das marés contrárias, tem mais paciência e vai vencendo. E aí, se ama ainda mais. É um círculo vicioso "do bem".
3) Vc não é lixeira! Não tem que comer algo só pq vai sobrar, por pena de jogar no lixo! P/ não sobrar, ponha menos no prato! Engordar comendo restinho é de uma pobreza...
4) Não se esconda! Vc não é a única pessoa no mundo acima do peso, c/celulite, flacidez etc. E garanto: nas praias, piscina etc. não há só gente saradona, muito pelo contrário!
5) Leite derramado não se chora. Se bobear ele seca e depois é pior de limpar. Jacou? Ajuste o passo e siga. Não fique vacilando, justificando c/ esta falha outras tantas, isto só atrasa a vida. Quem já derramou leite aprendeu que é preciso ficar atento. Virou a cabeça, o danado ferve e derrama. Nosso processo é assim. Fique de olho!
6) Não é preciso ter grana p/ emagrecer, pq comida light/diet é muito mais cara etc.  Não é preciso comer só coisas diet/light. Se é reed. alimentar, aprenda a comer de tudo em porções adequadas, sem excesso, é vida normal. Mas o NORMAL é comer regradamente e não o oba-oba que antes a gente fazia, ok?
7) Tb não precisa ter grana sobrando p/se exercitar. Não é lei entrar p/ Academia! Se não pode ou não quer ir a uma, mexa-se de outras formas. Há muita coisa que vc pode fazer no seu cotidiano, de graça!
8) 'O ótimo é inimigo do bom'. Adiando sempre o começo pq só serve se for assim e assado, qdo ver o caminho está mais longo. Faça o possível, o que está ao seu alcance e aos poucos vá expandindo conforme sua possibilidade.  10% já é melhor que nada.
9) Emagreça por si mesmo. Pela sua saúde, beleza, bem-estar, p/se olhar no espelho e ficar satisfeito, c
omprar roupas mais bonitas e baratas e um monte de coisas que vc lá no fundo sabe direitinho quais são. Marido, filho, pais, amigos etc. são beneficiados indiretamente, mas o benefício de verdade é seu. E vc merece isso!
10) Não importa o tamanho da estrada. Sejam 2, 20,50...N kg a eliminar, só irão embora se vc COMEÇAR o processo e LEVÁ-LO até o fim. Então, comece e se já está nele, persista.
11) Fulano emagreceu 10 kg em 2 semanas c/dieta da moda e um remedinho fabuloso? Não o inveje nem copie.  Isto não ensina nada e bota a saúde em risco. Sabe qtas vezes eu fiz dieta da moda e tomei remedinhos fabulosos? Nem eu sei mais, foram dezenas!Onde cheguei? Na obesidade mórbida, c/ 140 kg! Vai tentar?
12) Ficar c/ vergonha e abandonar seu blog pq não se comportou muito bem, aumentou o peso, vem fazendo bobagens etc. é pior do que as jacas que vc pisou. É abrir mão de um instrumento precioso de ajuda, incentivo e carinho, de troca c/ pessoas que sabem o que vc passa, sentem o que vc sente, não estão aqui p/ julgar e sim p/ segurar sua mão, ajudando a se reerguer e prosseguir.
16) A balança é terrível? Uma tremenda X9? Mas é uma parceira necessária! Fugindo dela, foge tb da chance de ajustar alguma coisa, prestar mais atenção e tb da oportunidade de confirmar seus progressos e ficar mais feliz!
17) Não tenha medo de vencer e do que a vitória poderá lhe trazer. Ela só trará coisas boas. Por mais que esteja acostumado a falhar, a não levar adiante seus projetos, agora vc está superando isso e desta vez vai até o final. Comece a se habituar a ser vencedor!
18) Não se constranja por passar a ser olhado, paquerado, elogiado por causa da sua imagem renovada, mais fininha e elegante. Isto é normal, vc só não estava mais acostumado. Não é crime nem pecado atrair admiração. O que vc fará c/ esta nova situação sim, é determinante. Eu amo meu marido, sou muitíssimo bem casada, feliz da vida. E adoro perceber que fui olhada, sim! Me sinto a tal. Mas não dou bola ué! Não farei nada c/ isso, não trairei meu amor, simplesmente meu ego fica massageado e ponto final.
19)) Não coma sem fome/vontade só pq alguém está comendo ou insistindo. Use sempre seu poder de decisão, decline educadamente sempre que achar que não vale a pena ceder.
20) Se ninguém ainda notou seu emagrecimento, não se abale. Pouco a pouco os kg vão embora, a silhueta vai afinar e aí, só cego ou espírito de porco não vai ver.

21) Seja seu primeiro torcedor, seu aliado incondicional. Seu melhor amigo. Aquele que melhor lhe conhece/compreende.
22) Lembre-se sempre de que só há GANHOS neste processo.  Não está perdendo nada qdo deixa de comer / beber em excesso, qdo para e pensa antes de fazer algo que depois lhe traz insatisfação e kg a mais.
22) Se falhar, não se culpe. Culpa pesa mais que a comida, lembra castigo e gordinho adora se castigar comendo mais. Mas que mania!...rs

Pense nisso, haja c/ sabedoria, tenha serenidade e capriche. Que esta semana seja nota 10 p/ todos nós! Beijos



 Escrito por Beth ?s 20h54
[] [envie esta mensagem]


 
   FAZENDO NOSSO PRÓPRIO SHOW!

 

EU FUI!!!!!

Valeu a pena. Teria me arrependido amargamente se não tivesse ido. Eu estava quase decidida a ficar em casa, deixar rolar as pedras em Copacabana sem minha presença, um pouco receosa por conta de possíveis tumultos etc. Passo o reveillon sempre na praia sem problemas mas este show concentraria em um trecho bem menor da praia todo o público que geralmente lota a praia inteira. Eu quase amarelei, até que pensei:  'Qdo terei outra chance de ver os Rolling Stones assim, ao vivo e a cores, de graça, no "meu quintal"?' E surpreendi o marido, na noite de 5a feira ao declarar: 'Quero ir!' 
Valeu a pena. Paz total,  policiamento ostensivo e o público, entre chapadões e caretaços, queria mais é cantar e dançar. Agradeço a mim mesma por ter mudado de idéia e resolvido ir, ao maridão que tanto acatou antes minha decisão de não ir como depois a mudança de plano, a Deus por tudo ter sido tão calmo e, claro, agradeço muito, muito mesmo a Mick Jagger pelas incontáveis kcal que eliminei c/ ele, eu pulei tanto, mas tanto, ô coisa boa! Encantada c/ a vitalidade do Mick, gosto de gente assim, que não se rende à idade, ele é um garotão, elétrico e eletrizante, 62 anos de energia pura. Eu disse ao meu filho, que estava conosco: Estou fascinada c/ a vitalidade do Mick Jagger. Ao que meu herdeiro amado respondeu: É, a Luciana Gimenez parece que tb ficou hahaaha

Depois, fomos c/ alguns amigos que estavam conosco p/ o Sindicato do Chopp, que ninguém é de ferro. Sem abusos, 1 porção de fritas p/ mim, meu marido e filho e refri light. Antes de comer, entrei na fila do banheiro de lá, estava apertadíssima. A fila era em pé, claro, mas perto da porta do banheiro, haviam 2 cadeiras p/ criança, aquelas menores c/ braço e mais altinhas, então quem chegava àquela posição da fila sentava-se p/ aguardar a vez. Cheguei ali e, c/ muita naturalidade, fiz o mesmo que a moça da minha frente, sentei na tal cadeira. Uma vez sentada, caiu minha ficha e pensei: 'Meu bumbum está cabendo aqui? Geeeente! Estou sentada nesta cadeirinha? ' Que coisa boa hem...balancei até as perninhas de tão feliz. Que bobeira né? Não é não. É gostoso p/ chuchu...rs

Chegamos em casa, resolvemos dar um passeio na madrugada c/ nosso cachorrinho, aqui mesmo no condomínio. Arzinho fresco, eu comendo biscoito polvilho (claro, né... eu não comi na praia mas depois...rs) e passeando, que delícia.
Um bom banho, pois suei até por onde eu não sabia que se podia suar....rs A roupa, suja e suadíssima, dava vontade até de jogar na lixeira...rs

Domingão de preguiça, dormi tudo que tinha direito e aí, uma prainha merecida. Quem deixa de ir à praia achando que só mormaço não é legal, não sabe o que perde. Uma delícia e o sol, já no meio da tarde, veio com tudo.  Mar tranquilíssimo, sem ondas, temperatura deliciosa. Eu e meu amor ali, do jeito que a gente gosta.
 
Direto da praia um sorrisinho gostosinho p/ vcs!
(e apresento aquelebiquini que comprei baratinho outro dia...rs
mas só o sutiã entra, a calcinha aperta que só ela, está guardada...rs)


E o povo c/ aquela cara gostosa de ressaca de alegria, de música, de vida. Do jeito que eu sou, do jeito que eu gosto. E ainda tinha o bloco Suvaco do Cristo, mas eu não participei. Confesso que de repente, já no fim da tarde, a barriga roncou alto, a lombeira da farra de ontem me cutucou. Vim p/ casa, dar uma descansada, a semana será de muito trabalho e expectativa.

Durante todo o dia, comentários aqui e ali, reportagens sobre o show. E eu lhes digo, até agora inebriada de alegria. Sabem, uma das coisas que mais me fascina numa pessoa é a sua vitalidade, sua capacidade de romper o tempo sem se preocupar c/ ele. Sem se adaptar a uma cronologia que, ao meu ver, só existe p/ referência. Somos o que acreditamos ser. Somos como queremos ser, eu penso assim. São escolhas, sim. Alguns dirão: ah, mas tem que ter saúde e ninguém escolhe que vai ficar doente. Concordo. Há coisas que não estão no nosso controle. Muitas, porém, estão e não damos tanta bola, até que a água bate na bunda, aí corre-se feito doido né? A saúde é uma delas!
E eu, nos meus quarenta e nove do primeiro tempo...rs, fiquei gratificada de ver Mick Jagger ali, rebolando, saltitando, circulando freneticamente pelo palco, cantando e agitando a todos nós como se tivesse 20,30 anos de idade. Ele tem 62. Mas ele escolheu ter muito menos. Nâo se rendeu. A carinha de "maracujá" como disse Isabelle hoje  no msn, eu brinco dizendo que "com vodka dá ótima batida". Que todos os rostinhos lisos e joviais que temos por aí fossem habitados por tanta jovialidade interna, digo eu.
E não vou entrar no mérito dos hábitos do cara, não vou falar se ele cuida direito ou não da saúde, se usou/usa drogas, não é esta a questão. O contexto aqui é jovialidade, é energia.
E pensando nisto hoje na minha cadeirinha de praia, associei à questão do corpo, da forma física. Qta gente deixa de viver, dançar, cantar, se soltar na vida pq está acima do peso, pq tem celulite, pq acha que o braço é grosso, pq a perna é fina, pq o cabelo é 'assim', pq a bunda é 'assado'. Pq já não é mais criança, pq já não fica bem, pq um monte de coisas.
E a vida passa, um dia chega realmente aquela horinha em que tudo fica realmente mais difícil e aí, o que se fez?
Costumo dizer e não é frase minha, é muito antiga: "Da vida o que se leva é a vida que a gente leva".
Tem de tudo na vida da gente. Motivos p/ rir e chorar, p/ cantar e ficar quieto no canto, seja triste ou feliz. Motivos p/ querer socar a cara de alguém e muitas vezes, a própria cara. E a gente que não se cuide, que não administre o melhor possível cada momento, p/ ver só como ele se desdobra.
Se vai se desdobrar, que seja em coisas boas.
Querem saber? Eu quero é mais. Pulei e dancei aos 58, 60, 70, 90, 100... e até nos 140 kg, hoje danço e pulo mais ainda pq me sinto novamente mais leve e tenho uma alegria crescente, que nem a obesidade nem dificuldades práticas que ela até me causou, conseguiram tirar.
Vitalidade é algo que está acima de idade, peso, forma física. Ela está na alma, no coração. E a gente escolhe se quer manter-se vivo, feliz, ativo. Minha escolha é essa. Mick faz o show dele lá nos palcos do mundo, deve fazer lá na sua alma também, sei lá o que se passa dentro dele. Mas dentro de mim eu sei. Faço meu próprio show. E ele não pode parar.

Eu e o Vi ainda no show dos Titãs.
Tiramos depois outra, durante o show dos Stones,
eu já toda descabelada, faixa na cabeça, mas não saiu...rs


Que a semana seja um palco iluminado onde cada um de vocês sinta-se o máximo, dêem tudo de si, com muito amor e alegria, por uma vida repleta de VIDA! Façam seu próprio show! Escolham a felicidade, a luz, a confiança, a fé, a força como ingredientes p/ manterem-se vivos. Não espererm o peso ser X, o manequim ser Y, o cabelo ficar do jeito "tal", p/ começarem a se curtir e a achar que aí sim podem começar a fazer as coisas. O momento é este, o dia hoje, a hora é agora. Não importa sua idade cronológica, seu peso, seu manequim. Importa que você escolha ser jovem, estar vivo.

O carinha lá diz: I can get no! Satisfaction! E eu digo: We can get Satisfaction!   Então vamos lá! Eu topo!!! Beijos!



 Escrito por Beth ?s 02h33
[] [envie esta mensagem]


 
   TEM QUE CONTROLAR SIM!

Está bem! Seria maravilhoso não ter que me preocupar c/ peso, balança, medidas, manequim, celulite, flacidez, varizes etc. Seria ótimo ter nascido s/ qquer tendência a engordar, ser do tipo que come, come, come e não engorda ‘de ruindade’, como fala o povo. 

Bom, só que esta não é a realidade. A realidade é que eu não nasci. nem cresci gorda mas engordei no início da fase adulta, não fiz o que deveria naquela época p/ emagrecer corretamente e me manter, fiz opções erradas diversas vezes, administrei mal os “não´s” que a vida (e até eu mesma) em certa época me disse e, juntando tudo isto e mais a acomodação, o “comer sentimentos” e mais um monte de coisas, fiquei obesa.  E o amor por mim mesma me fez finalmente botar o pé na estrada, p/ sair daquela situação perigosa e insatisfatória. Qto mais vou progredindo, mais gosto de mim, mas me admiro e, perdoem os que me acharem narcisista, mas é bom pra caramba me olhar e gostar mais do que vejo no espelho. Ah, me deixa curtir, eu mereço!

Mas não é só curtir. Na realidade eu tenho que ficar atenta, administrar muito bem minha vida e minha alimentação, estou me livrando da obesidade c/ atitudes adequadas, modo de pensar ajustado, sem dores e sacrifícios etc., tb que vivo falando aqui, não vou chover no molhado. Como repito incansavelmente, isto é p/ sempre. Como diz o endocrinologista, não há ex-obeso, há obeso que emagreceu e que se vacilar, engorda de novo.

Só que vejo amigos de toda parte muitas vezes resmungando, sentindo-se injustiçados por terem esta necessidade tb de se cuidarem atentamente, senão engordam. Acham um saco ter que controlar o que comem, contar pts, kcal ou qual seja o método que usam! 
Caramba, se compararmos o processo de emagrecimento a praticamente tudo nesta vida, veremos que não há absurdo algum naquilo que ele propõe. Vamos ver?
 Se vc estuda, seja em colégio, faculdade, se é um MBA, um cursinho livre, o que for, se vc não for às aulas, não prestar atenção ao que é dito em sala, não estudar, não registrar o que é relevante, não pesquisar, não trocar idéias, conhecimento c/ colegas etc. suas chances de se dar bem são mínimas ou praticamente nulas, estou errada?
Se vc trabalha, seja em qual atividade for, se vc não procurar fazer o seu serviço da melhor maneira possível, c/ correção e capricho, se vc não for pro-ativo, se vc não for assíduo, honesto, se não tiver concentração, se não se relacionar de um jeito legal c/ seus colegas de todos os níveis e nisto incluem-se os seus líderes e tb os seus subordinados, se vc não cumprir prazos, se não for comprometido etc. e tal... se não buscar constantemente seu aperfeiçoamento, vc tem chances de continuar empregado? E de subir? E de ser reconhecido como um profissional bacana?
Nos seus relacionamentos pessoais, em qquer nível, se vc não for uma pessoa que procura ser bacana, uma boa companhia, daquela que fala mas tb ouve, daquela que é amiga p/ todas as horas e não só no oba-oba, etc. e se for um relacionamento amoroso, se vc não for carinhoso, interessado, romântico (ao menos um pouco, pô), não demonstrar respeito, admiração, amor (expresso claramente) etc., concorda que estes relacionamentos não irão adiante ou serão uma boa merda (no que depender de vc, claro)?
Se na sua vida financeira vc não tiver controle mínimo (ih...aí eu me ferro), não anotar no canhoto do talão o valor de cada cheque emitido, não controlar seu saldo, não for honesto, correto nos pagamentos etc. você não se ferra? Fica todo enrolado, perde crédito na praça, e mais um monte de prejuízos?
Então, ora bolas, o que tem demais em prestar atenção ao que come, procurar compor de maneira mais adequada os cardápios no dia-a-dia, anotar numa folha de papel que seja aquilo que comeu, de preferência planejar seu cardápio previamente(vc não planeja um passeio, uma viagem, uma compra?), que mal há em pensar antes de levar à boca algo que nem está c/ vontade, só pela força do hábito?
Tudo na vida requer uma atenção mínima, um controlezinho ao menos! Ou o resultado não é legal. Ou vc gosta de sentir-se como na charge abaixo?

   Isto é chato mas todos sabemos que na hora em que subimos na balança e ela não nos é favorável, a gente fica muito chateado. Com ou sem razão, mas fica. 
Então se é p/ ter controle sobre algo que só lhe traz benefícios, que lhe faz ficar mais bonito e saudável, que lhe garante uma série de coisas legais, que lhe dá um baita orgulho a cada etapa vencida, não tem que ficar de nhem nhem nhem,  tem que controlar e pronto!  É encarar como algo que ajuda, que dá resultado lega!
Saber que estamos no controle dá maior tranquilidade, menor ansiedade p/ a pesagem. Hoje fui ao VP tranquila, já sabendo que qquer resultado insatisfatório só poderia ocorrer por conta do momento hormonal, estou menstruada e a bendita TPM que não veio antes, chegou atrasada, no meio - quase fim da M. Mas o espelho já tinha me mostrado que estou mais fina e a calça que usei p/ trabalhar simplesmente está caindo, se não levanto da cadeira segurando, ela vai no meio da bunda, olha a situação! rsss
Filizola foi justa, ainda bem.  

RESULTADO DA SEMANA: - 400g  Novo peso: 88,5 kg  Agora, faltam 11,5 p/ a meta!
No total, já se foram 51,5 kg embora / no VP eliminei 46,8 kg
Então, vale ou não a pena controlar hem?


Eu tinha dito que não ia, com medo da muvuca, preocupada c/ segurança etc. e isso e que aquilo, mas não adianta, já estou elétrica aqui, eu preciso, eu quero e eu vouuuuuuuu ver os Rolling Stones na praia neste sábado eba!  Marido meio receoso e eu já dando piripaques, vamos sim, vamos sim, vamos sim!!!
  Beijos  




 Escrito por Beth ?s 15h09
[] [envie esta mensagem]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Mulher, de 46 a 55 anos, Portuguese, English, Arte e cultura, Livros, Praia, Dançar, Curtir a vida
MSN -



EU ERA ASSIM  

ESTOU ASSIM Meu nome ? Elizabeth, sou conhecida como Beth
Analista de Sistemas, especialista em Metodologia, Processos e Qualidade em TI, Ger?ncia de Projetos,An?lise de Neg?cios, Auditora ISO, sou leonina do dia 10/08, carioca da gema, moro na minha na cidade maravilhosa (RJ), adoro fazer amizades, sonhar, ler, escrever, sou casada c/ Vicente - meu grande amor, m?e do Alexandre, um filh?o maravilhoso, que ? universit?rio e "boadastra" da Mimi, minha enteadinha adolescente linda a quem chamo aqui de filhotinha.

Meu e-mail: beth.ebprs@gmail.com
Meu MSN: ebprs@hotmail.com



Objetivo deste Blog: Compartilhar meu processo de reeducação alimentar e mudança de hábitos que resultou no meu emagrecimento, me tirou da obesidade mórbida e me ensinou e ensina tanto!



Meu processo: Fui beb? 'cheinho',crian?a de peso normal, na adolesc?ncia tinha ?timo corpo. No in?cio da fase adulta comecei a engordar c/facilidade em fun??o de uma mudan?a p/ pior dos h?bitos alimentares e tb devido a dificuldade que tive em enfrentar alguns problemas pessoais, decep??es e m?goas que se transformaram em Kg a mais (eu as COMI). Durante anos optei por m?todos indevidos, tomei rem?dios, f?rmulas, inje??es, fiz dietas mirabolantes e isto tudo me ajudou a virar uma sanfona que cada vez abria mais e fechava menos. Cheguei ao auge da obesidade c/ 140 kg e dei o basta. Primeiro, fiz um pequeno controle que me ajudou a emagrecer quase 5 kg. Depois, entrei para o Vigilantes do Peso, onde emagreci 53kg c/equil?brio, seguran?a e muita alegria. Aprendi muito, o caminho foi t?o importante quanto os resultados. Eliminei 53 kg com o método do Vigilantes do Peso e atividade física. Aumentei depois alguns kg e agora prossigo, para reconquistar a minha meta e mantê-la para sempre.

Cr?ditos Imagens: Google
Comunidade no Orkut!


Comunidade Orkut: Eu sou f? da Beth - A Conquista! criado com carinho pela amiga Lili (obrigada, lindinha!)
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=2052374


 
Clique AQUI e veja
o que eu como!




HIST?RICO
 01/01/2011 a 15/01/2011
 16/12/2010 a 31/12/2010
 01/12/2010 a 15/12/2010
 16/11/2010 a 30/11/2010
 01/11/2010 a 15/11/2010
 16/10/2010 a 31/10/2010
 01/10/2010 a 15/10/2010
 16/09/2010 a 30/09/2010
 01/09/2010 a 15/09/2010
 16/08/2010 a 31/08/2010
 01/08/2010 a 15/08/2010
 16/07/2010 a 31/07/2010
 01/07/2010 a 15/07/2010
 16/06/2010 a 30/06/2010
 01/06/2010 a 15/06/2010
 16/05/2010 a 31/05/2010
 01/05/2010 a 15/05/2010
 16/04/2010 a 30/04/2010
 01/04/2010 a 15/04/2010
 16/03/2010 a 31/03/2010
 01/03/2010 a 15/03/2010
 16/02/2010 a 28/02/2010
 01/02/2010 a 15/02/2010
 16/01/2010 a 31/01/2010
 01/01/2010 a 15/01/2010
 16/12/2009 a 31/12/2009
 01/12/2009 a 15/12/2009
 16/11/2009 a 30/11/2009
 01/11/2009 a 15/11/2009
 16/10/2009 a 31/10/2009
 01/10/2009 a 15/10/2009
 16/09/2009 a 30/09/2009
 01/09/2009 a 15/09/2009
 16/08/2009 a 31/08/2009
 01/08/2009 a 15/08/2009
 16/07/2009 a 31/07/2009
 01/07/2009 a 15/07/2009
 16/06/2009 a 30/06/2009
 01/06/2009 a 15/06/2009
 16/05/2009 a 31/05/2009
 01/05/2009 a 15/05/2009
 16/04/2009 a 30/04/2009
 01/04/2009 a 15/04/2009
 16/03/2009 a 31/03/2009
 01/03/2009 a 15/03/2009
 16/02/2009 a 28/02/2009
 01/02/2009 a 15/02/2009
 16/01/2009 a 31/01/2009
 01/01/2009 a 15/01/2009
 16/12/2008 a 31/12/2008
 01/12/2008 a 15/12/2008
 16/11/2008 a 30/11/2008
 01/11/2008 a 15/11/2008
 16/10/2008 a 31/10/2008
 01/10/2008 a 15/10/2008
 16/09/2008 a 30/09/2008
 01/09/2008 a 15/09/2008
 16/08/2008 a 31/08/2008
 01/08/2008 a 15/08/2008
 16/07/2008 a 31/07/2008
 01/07/2008 a 15/07/2008
 16/06/2008 a 30/06/2008
 01/06/2008 a 15/06/2008
 16/05/2008 a 31/05/2008
 01/05/2008 a 15/05/2008
 16/04/2008 a 30/04/2008
 01/04/2008 a 15/04/2008
 16/03/2008 a 31/03/2008
 01/03/2008 a 15/03/2008
 16/02/2008 a 29/02/2008
 01/02/2008 a 15/02/2008
 16/01/2008 a 31/01/2008
 01/01/2008 a 15/01/2008
 16/12/2007 a 31/12/2007
 01/12/2007 a 15/12/2007
 16/11/2007 a 30/11/2007
 01/11/2007 a 15/11/2007
 16/10/2007 a 31/10/2007
 01/10/2007 a 15/10/2007
 16/09/2007 a 30/09/2007
 01/09/2007 a 15/09/2007
 16/08/2007 a 31/08/2007
 01/08/2007 a 15/08/2007
 16/07/2007 a 31/07/2007
 01/07/2007 a 15/07/2007
 16/06/2007 a 30/06/2007
 01/06/2007 a 15/06/2007
 16/05/2007 a 31/05/2007
 01/05/2007 a 15/05/2007
 16/04/2007 a 30/04/2007
 01/04/2007 a 15/04/2007
 16/03/2007 a 31/03/2007
 01/03/2007 a 15/03/2007
 16/02/2007 a 28/02/2007
 01/02/2007 a 15/02/2007
 16/01/2007 a 31/01/2007
 01/01/2007 a 15/01/2007
 16/12/2006 a 31/12/2006
 01/12/2006 a 15/12/2006
 16/11/2006 a 30/11/2006
 01/11/2006 a 15/11/2006
 16/10/2006 a 31/10/2006
 01/10/2006 a 15/10/2006
 16/09/2006 a 30/09/2006
 01/09/2006 a 15/09/2006
 16/08/2006 a 31/08/2006
 01/08/2006 a 15/08/2006
 16/07/2006 a 31/07/2006
 01/07/2006 a 15/07/2006
 16/06/2006 a 30/06/2006
 01/06/2006 a 15/06/2006
 16/05/2006 a 31/05/2006
 01/05/2006 a 15/05/2006
 16/04/2006 a 30/04/2006
 01/04/2006 a 15/04/2006
 16/03/2006 a 31/03/2006
 01/03/2006 a 15/03/2006
 16/02/2006 a 28/02/2006
 01/02/2006 a 15/02/2006
 16/01/2006 a 31/01/2006
 01/01/2006 a 15/01/2006
 16/12/2005 a 31/12/2005
 01/12/2005 a 15/12/2005
 16/11/2005 a 30/11/2005
 01/11/2005 a 15/11/2005
 16/10/2005 a 31/10/2005
 01/10/2005 a 15/10/2005
 16/09/2005 a 30/09/2005
 01/09/2005 a 15/09/2005
 16/08/2005 a 31/08/2005
 01/08/2005 a 15/08/2005
 16/07/2005 a 31/07/2005
 01/07/2005 a 15/07/2005
 16/06/2005 a 30/06/2005
 01/06/2005 a 15/06/2005
 16/05/2005 a 31/05/2005
 01/05/2005 a 15/05/2005
 16/04/2005 a 30/04/2005
 01/04/2005 a 15/04/2005
 16/03/2005 a 31/03/2005
 01/03/2005 a 15/03/2005
 16/02/2005 a 28/02/2005
 01/02/2005 a 15/02/2005
 16/01/2005 a 31/01/2005
 01/01/2005 a 15/01/2005
 16/12/2004 a 31/12/2004
 01/12/2004 a 15/12/2004
 16/11/2004 a 30/11/2004
 01/11/2004 a 15/11/2004
 16/10/2004 a 31/10/2004
 01/10/2004 a 15/10/2004
 16/09/2004 a 30/09/2004
 01/09/2004 a 15/09/2004
 16/08/2004 a 31/08/2004
 01/08/2004 a 15/08/2004
 16/07/2004 a 31/07/2004
 01/07/2004 a 15/07/2004
 16/06/2004 a 30/06/2004
 01/06/2004 a 15/06/2004



OUTROS SITES
 Site do Vigilantes do Peso
 Ação pelo semelhante
 Nutrella
 MC DONALDS - Tabela Nutricional
 Site ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL
 Saudável.Info
 Vegê Gourmê - Blog da Chef Michele Maia
 Lu Francesa
 Selma Guerreira
 Meu Emagrecimento (Sara)
 Serei magra (Andreia)
 Renascer (Thuca)
 Valquíria
 Blog da Magui
 Neblina
 O sabor da vitória (Electra)
 Entretanto, eu (Jana)
 Diva esbelta e feliz (Diva)
 Miss Blueberry
 Vida boa é vida saudável (Cristy Costa)
 Diário light (Sylmara)
 Blog da Eloyza
 Veneno urgente (Flavia Rocha)
 Blog da Fafá
 Espelho light (Elaine)
 Blog da Cynthia (Londres)
 Agora eu emagreço (Aline) Brasília
 Never give up (Renata - Tita)
 Blog da Micha - RJ
 Homem também faz dieta (Carlos) RJ
 Jaqueline
 Mulher de Atitude - Cacau RJ
 Serei sereia (Fabi) RS
 A caminho da vitória (Elaine Regiane) SP
 Blog da Rogeria
 Blog da Georgia
 Escrevendo emagrecendo (Lisa)
 Diet Forever (Zá)
 Garotinha ruiva (o outro blog da Lu Russa)
 Dieta urgente (Luciana Alexandrino)
 Space Cris
 Tetê Sereiah
 Andréa Aoki
 Gordinha da Silva
 O sucesso da Lorena
 Renata sem firulas
 Valérie Roberto
 Arianna
 Clara - RJ
 Andréa Cordoniz
 Ana Carolina grávida
 Ana Carolina
 Miss Slim
 Drica (Paraty-RJ)
 Ada Sheila
 Anselmo
 Sueli
 Sol
 Kelly
 Jessica (Elite)
 Nilce
 Leila (Ninguém merece ser 3G)
 Fanta Diet
 Infobeso
 Cris Lopes
 Aline Tomaz (RJ)
 Roberta Alves
 Sue - gravidinha
 Cris fit
 Annie
 Novidades da Cris
 Leila Batista
 Clarita
 Rebecca sapeca
 Lua emagrecendo
 Brian
 Diario da bonita Andrea
 Marilia
 Marilia Vitória
 Aline Virtus
 Paula pra melhor
 Cristiane
 Teresinha
 Ana Cleide
 
 Marcia (Marquinhas)
 Pri 2
 Ludmila
 Lela
 Jana Carmen
 Pri emagrecendo...
 Luzluzinha
 Barbarella (Andrea Glauce)
 Raiane
 Luciana Kotaka
 Vanessa (Campinas)
 Patty emagrecendo de bem...
 Nanda (Idade da Pedra)
 Carlos Medeiros
 Lara
 Dani - Brasília
 Teresa Cristina
 Sisi
 Miriam - RJ
 Kaká
 Gabi e Ana Luiza
 Diário de Macherrie
 Catia
 Amanda Costa
 Rosimeyre
 Alice
 Walkiria
 Crizinha
 Char
 Lu Pinheiro
 Elisandra
 Lahys
 Cotidiano (Zany)
 Karen
 Kika
 Nicky
 O novo blog da Taty Carioca
 Isabela
 Lisandra
 Ju sem pressa
 VIGILANTES DA AUTO ESTIMA
 JT
 Barbarella
 Angelica Fernandes
 Claudia
 Lagarta de borboleta
 Alisson
 Nova Jacque
 Patty Roberta
 Michelle 2
 Elissandra
 Juliene
 Ana Paula
 Annie emagrecendo
 Lili Bolero
 Fernanda Betini
 Karina Torres
 Valqs
 Ana Telma
 Lilian Raquel (Lee)
 Cáritas
 Baxie
 Cacau II
 Renatita
 Nando Neri
 Isabelle
 Nanda
 Edite
 Way to go (Clara )
 Bartira
 BLOG COMER SEM CULPA
 Andreia Cantelli
 Lu Mme Light
 Magali
 Lu
 Aline RJ


VOTA??O
 D? uma nota para meu blog!