Conquista

UOL
   AQUELE ABRAÇO !!!!!!!!!

Começo este post mandando um super-gostoso-apertado-sincero abraço a todo mundo que de alguma forma esteve comigo, solidário num momento mais esquisitinho meu. Através de telefonemas, e-mails, comentários e até de forma silenciosa, mandando energia positiva, orando, ou seja, de toda forma eu recebi um carinho que não tem preço, só Deus mesmo para abençoá-los em dobro, triplo...N do jeito que merecem.

Podem ter certeza, vou melhorando a cada dia. Nada de tão grave acontece, eu que realmente me fragilizei um pouco mais diante de uma determinada situação cujo desfecho está demorando um pouco mais do que eu previa e gostaria. Mas, a certeza de que as coisas têm hora certa p/ acontecer e que Papai do Céu está no comando me faz respirar fundo e seguir confiante. E a peteca não caiu, nem vai cair!!!
 Continuo me cuidando direitinho, mesmo qdo não sai tudo tim-tim por tim-tim como planejado, não abusei em nada, estou realmente gerenciando direitinho. Na 4ª feira eu dei uma caminhada básica em Copacabana, que foi muito mais terapêutica p/ a mente do que para o corpo, mas valeu, isto é importante. Dei uma boa relaxada. À noite, recebi o convite-intimação de uma amiga (e atendi, claro), fui p/ o Sindicato do Chopp, no Leme, encontrar com ela e outros amigos p/ bater papo. O Vi foi ao meu encontro lá, qdo saiu da prova no MBA. Foi ótimo, conversei muito, ri bastante e... comi pouco (ebaaaa), ou seja, muito menos do que faria antes, afinal petiscos sempre foram meu xodó. Sem contar que “deixei p/ depois” o pedido de um refrigerante, optei por iniciar com aguinha mineral gelada, com uma rodela de limão no copo. E assim, ao terminar a noitada, vi que foram 3 garrafinhas de água e nenhum refri, sem que eu sentisse falta dele, o que comprova novamente que tudo é mesmo hábito. Se a gente não entrar numa de que “aquilo é o máximo e sem ele não pode viver” passa muito bem sem consumir rotineiramente.

Na 5ª feira resolvi caminhar e depois ficar direto na praia, o dia estava lindíssimo e eu não o desperdiçaria ficando em casa ruminando ainda baixo astral, tratei de me recarregar, isto sim. Ai, ai, quando voltar a trabalhar vou sentir falta desta disponibilidade p/ fazer o que bem entender (da qual reclamo hoje...rs)!

Hoje, 6a feira, não caminhei, decidimos dar banho no cachorro e uma volta aqui mesmo no condomínio. Dia tb de me dar um trato.  Enquanto estou redigindo este post, a tintura vai fixando no cabelo (retoquei a raiz, em casa mesmo), depois vou ao salão fazer as mãos e entregar os pezinhos ao podólogo (estão um lixinho..rs).  Depois o Vi vai ao meu encontro e o que vamos fazer, ainda não sabemos, mas vamos ficar juntos "pelaí".

Reabasteci minha geladeira com legumes e verduras, de forma a não ter desculpa p/ apelar para coisas indevidas fora de hora. Como notei que a vontade de comer um docinho andava encostando, comprei anteontem no Mundo Verde umas bananadinhas diet que 1 unidade = zero ponto conforme o VP. Claro que não posso comer um monte, mas umazinha supre bem. Enquanto isto, vou adiando o consumo de algumas coisas cuja vontade até pinta, mas eu percebo que é muito mais emocional do que desejo mesmo, então vou deixando para outra hora, outro dia... Não posso é ME deixar para outro dia, nem outra hora, não é mesmo?

Então é isso, gente boa, estou legalzinha sim, não totalmente com tudo em cima, mas bem tranquila. Final de semana chegando, o tempo promete ficar ótimo e os planos envolvem praia, talvez um cineminha e, provavelmente, o Maraca no domingo para ver Flamengo (meu time amado) e Vasco, ainda não compramos os ingressos, portanto ainda não conto esta programação como certa. O que é certo: vou me exercitar, vou continuar administrando direitinho as coisas para não misturar emoções com comida, se eu resolver fazer algo fora do esquema será com controle porque eu assim quero que seja e no mais, vou indo.

Desejo a todos um maravilhoso final de semana. Lembrem-se de que nosso corpo não quer nem saber se é dia útil, feriado ou fim de semana, o que a gente colocar dentro dele ele vai processar, se for em excesso ele vai reclamar mas vai absorver, sem dó nem piedade...rs Então, vamos nos concentrar, para curtir direitinho estes dias de descanso e diversão, mas sem necessariamente sairmos pisando, mergulhando e estraçalhando a jaca, porque ela não está nem aí pra hora do Brasil, quem se ferra é a gente mesmo, ok? 
  Mas sem neuras, por favor, vamos comer, só que direitinho!
Beijocas estaladas! Fiquem com Deus!

 



 Escrito por Beth ?s 13h25
[] [envie esta mensagem]


 
   MELHOR LEVANDO, QUE TOMANDO.....

Entrei em campo cheia de marra p/ jogar bonito e, se possível, golear. Mas, houve uma série de contratempos: levei falta, me derrubaram na área (pênalti) e eu chutei na trave (Ohhhhh) , senti as pernas bambas em alguns momentos por conta de outras preocupações extra-jogo (fora da RA) que não quiseram saber se era ou não era hora de me encherem a cabeça.
  Uma ansiedade extra e acentuada resolveu se chegar, ela encostava e eu dava ombrada, barrigada, peteleco nela. E a danada parecia chiclete, não queria desgrudar. Eu continuava jogando, mas com as lágrimas rolando e eu ali,na batalha. Mas "tudo passa, isto também passará" , esta era a frase que eu me lembrava sempre, meu amigo John (há quanto tempo não o vejo) dizia sempre isto qdo me via triste. E assim, fui levando (e aí lembro de um ex-colega de trabalho, que tb não vejo há séculos, que dizia sempre: "É melhor levando, que tomando"! haha)!
  Travei uma luta interna, aliás ela ainda não acabou, entre a Beth "como está se sentindo" e a Beth "como gostaria de estar se sentindo" e isto dá um trabalho danado. A razão e a emoção digladiando, parece até aquela brincadeira Cabo de Guerra, em que um puxa um lado da corda e outro puxa o outro lado, até que alguém cede e aí vem o cara, a corda e tudo mais. No caso, não precisa disto tudo. Busca-se o equilíbrio, nada mais. Nenhuma das Beths precisa vencer ou perder, basta que haja uma harmonia maior. Razão e emoção precisam conviver melhor, neste momento em que algo não vai bem, e que é necessário ter serenidade, bom senso e responsabilidade p/ tomar decisões muito importantes.
   Graças a Deus eu tenho muita fé, tenho um marido que é um anjo que me cerca de carinho e atenção e que neste meu momento mais frágil tem se desdobrado ainda mais p/me dar um suporte mais que especial. Meu filho tb é nota 10 e sua companhia e compreensão tem sido valiosas. Tenho amigos DE VERDADE que são bênçãos e em todas as horas sei que conto com cada um deles. Reclamar de que? Eu hem... Eu sigo, isto sim! Lágrima que rola aqui, mas que seca ali, no vento que me refresca a cara na caminhada que faço mesmo quando a vontade era de ficar na cama, me mostrando que estou viva e forte sim, para o que der e vier.

Não adianta, eu não me aproprio de porcaria nenhuma, eu não deixo e nem deixarei que baixo astral se apoderem de mim, a tristeza e a sensação de fragilidade não me pertencem, são temporárias e já sabem, aqui não tem moradia.

Bom, o fato é que eu consegui não misturar as coisas (ebaaaaa)!  A vida é feita de diversos segmentos e, se em um deles tudo está ótimo, em outro tudo vai mais ou menos e em outro está uma meleca, não serei eu a equiparar por baixo. Não vou estragar o que está bom ou médio. E eu consegui não envolver minhas emoções com comida. Apesar do estado de espírito meio lesco-lesco, continuei em campo e jogando p/ vencer. O resultado, só quando este jogo acabar, o jogo é esta semana de RA, mas eu vou ficar em campo e vou dar o meu melhor.

O que será o meu melhor a cada dia? Será o máximo que eu conseguir dar. Será o 100% do que eu tiver capacidade, força e habilidade p/ dar, diante de cada circunstância. Se eu ficarsse esperando que as circunstâncias fossem as ideais p/ agir do jeito ideal, como e quando isto aconteceria? E será que algum dia todas as circunstâncias serão favoráveis? O melhor é agir, dando o jeito possível conforme a situação. Como na frase que encontrei e tem tudo a ver
.Não esperes que cheguem as circunstâncias ideais nem a melhor ocasião para atuar, porque talvez não cheguem nunca.” (Deconhecido)

Problemas, quem não os tem? E quando olho para o lado e para trás, vejo tantas coisas tão piores, que agradeço a Deus pela minha condição, pois se hoje há algo que me incomoda, estou muito melhor do que tantas pessoas. E me vejo com saúde e garra, ah eu vou é seguir...

E assim, vamos que vamos! Ainda não caminhei hoje pq o corpo amanheceu mole, dolorido, é fogo, estas coisinhas minaram um pouco minha imunidade, acreditam que estou resfriada de novo? Tudo somatização, já sei. Globulozinho de homeopatia na boca, p/ reequilibrar a energia vital. Pensamento firme na cabeça, coração em paz, fé em Deus e pé na tábua. E vou caminhar sim, só que mais tarde, já programei direitinho. Mesmo que não faça aqueeeeela caminhada caprichada, vou fazer o que der, aproveito depois p/ pagar umas continhas , quem sabe me dar um mimo (ajuda a melhorar o astral hahahah) e tomar um suco de limão concentrado, que delícia.

Tenham uma excelente continuação de semana, lembrando que HOJE é sempre O DIA de superarmos as adversidades e seguirmos em frente tá? Beijoca!
RECADO: Alyne do blog http://ahoradavirada.zip.net/ não consigo comentar no seu cantinho!



 Escrito por Beth ?s 10h12
[] [envie esta mensagem]


 
   ÁGUA, ÁGUA, ÁGUA É HOJE QUE EU VOU ROLAR NESTAS ÁGUAS....


Primeiramente, contribuindo com a idéia da Denisa p/ a disseminação de informações legais: A água é ingrediente essencial à vida. Nosso corpo é formado 65% de água, que precisa ser continuamente renovada a cada hora. Na falta de água, fica prejudicado o sistema natural de limpeza e desintoxicação do organismo. Não é legal beber menos do que o necessário. Do mesmo jeito como não conseguimos limpar uma casa com apenas 1 ou 2 copos de água, o organismo tb não consegue fazer as limpezas e eliminações necessárias se a água for pouca, aí o corpo retém substâncias tóxicas, prejudiciais, contribuindo p/ o aparecimento das mais variadas doenças.

Quem bebe pouca água fica propenso a muitos problemas de saúde como cansaço, indisposição, pele seca, cabelos secos, dores de cabeça, problemas digestivos, inflamações, cistites, formação de cálculos (pedras), alterações da pressão arterial, da circulação, do sistema hormonal, irritabilidade, insônia e mais outras tantas coisas. Não vale a pena, alguém quer isto para si?
 Eu bebo muita água, adoro, bebo com vontade. Sempre fui assim. Mesmo consumindo outras coisas, nunca deixei de tomar água regularmente. Mas conheço muita gente que não tem o hábito então esquece de beber, qdo vê não se hidratou, sente isto e aquilo e já acha que é outra coisa, qdo na verdade o seu corpo está apenas precisando de água. Atenção nisto, gente! Água nós temos em disponibilidade (ainda e depende de nós continuarmos a ter), água não engorda (ao contrário, o consumo correto ajuda a emagrecer), água não tem gosto ruim (eu acho uma delícia), água refresca!

Tem gente que diz: “Ah, mas eu nem sinto sede!”. Mas não é mesmo p/ sentir, a gente não precisa ficar com sede p/ só então beber a água, sabiam? Qdo a gente chega a sentir sede, é pq já está havendo a deficiência, o início de uma desidratação! A gente tem que beber água normalmente, com ou sem sede.  Aliás....nós que estamos em processo de reeducação, não trabalhamos p/ eliminar o hábito ruim de comermos fora de hora, ou comermos muito, ou comermos errado mesmo sem termos fome?  Mas água é diferente. Água a gente tem que beber regularmente, p/ funcionar direitinho, mesmo sem sede! Pelo menos 2 litros por dia!

Tem gente que diz: “Mas eu bebo chá, bebo refrigerante, bebo suco!”. Não é a mesma coisa. Por mais que tome estas coisas, a água pura tem que ser consumida sim.   Não tem o hábito? Adquira aos poucos! Não lembra? Bota a garrafinha na frente! Leve-a consigo p/ a caminhada, para a academia, para a aula, para o trabalho!

A gente quer emagrecer, ficar elegante, com tudo em cima, não é? E adianta ficar no peso ideal, usar aquele biquíni lindo, aquela lingerie super sensual, aquele vestido maravilhoso e tudo mais, sem saúde? Com a pele ressecada, com um monte de guéri-guéri porque não bebe água? Vamos pensar, gente! E agir direitinho!

Minhas notícias: Meu feriadão foi muito gostoso. Mantive-me na linha, uma gracinha! No sábado, completei uma semana de muito controle, muita disciplina, muito bom senso. E adorei me sentir assim, contente e orgulhosa por ter cumprido este compromisso comigo mesma. Mantive o foco, sem neuras. Curti praia (delícia), saída c/ o maridão, almocei fora, tive encontro pra lá de animado e gostoso com amigos, onde havia quitutes, sim, mas eu não me excedi em nada.

E não tomei refrigerante algum, bebi bastante água, chá, sucos (estes, em qtdes apropriadas, claro).
Como já disse, não pretendo abolir o refrigerante da minha vida, apenas deixar de consumí-lo diariamente e na quantidade elevada de antes. Era muito mais vício do que outra coisa, pois eu realmente não senti falta nenhuma estes dias todos.

Começo uma nova semana determinada a continuar assim, atenta e comprometida. Como eu disse hoje à Marília, qdo falo que quero uma semana 100%, não é com a ilusão de que não falharei em nada, de que passarei repentinamente a ser uma criatura perfeita. Não foi com ilusões que eu conquistei tanto até aqui e sim com atenção, bom senso, responsabilidade e honestidade. Mas sim com o compromisso de fazer o meu melhor possível, ou seja, dar 100% do que eu puder dar, dentro das circunstâncias, dentro do que eu sei e posso fazer.

É como quem se prepara p/ uma prova e estuda, não é p/ tirar 5 ou 6 e sim p/ tirar 10. Se vai mesmo tirar 10, é outra história, pois vai depender de muitas coisas. É tb como o time que entra em campo até podendo empatar, mas entra p/ ganhar e se der, quer golear. Se vai conseguir isto tudo (pq não depende só dele), é outra história. Mas tem que entrar com o espírito, a determinação, a garra e a vontade de ganhar.

E é assim que estou esta semana, que já começou neste domingo (que já foi bacaninha): decidida a novamente jogar bonito, entrando em campo com muito ânimo, convencida mais uma vez que sou capaz de driblar os maus hábitos que porventura ainda tentem me atiçar, que posso tentar me livrar de faltas mais graves, que posso fazer uns gols legais.

Desejo a todos que também entrem em campo assim. Vamos suar a camisa, galera, porque nós jogamos no nosso próprio time, somos os jogadores, estamos na nossa torcida, vamos caprichar, evitar gol contra e marcar gols importantes a nosso favor ok? Beijocas carinhosas!



 Escrito por Beth ?s 19h34
[] [envie esta mensagem]


 
   FERIADÃO TUDO DE BOM!

Sexta-feira já é um dia especial, ainda mais sendo feriado! O dia está lindo. Céu azul turquesa, sol quente, que delícia!


Esta semana foi legal. Claro que teve seus percalços, teve um dia em que fiquei meio bundona, mas durou pouco, horas apenas, logo estava de novo no meu jeito normal. Que é... normal! Eu escolhi não me apropriar de uma sensação chata que estava querendo encostar, ah sai pra lá, se não me ajuda, não venha me atrapalhar, disse eu a uma apreensão que foi analisada por mim e depois transformada em serenidade e confiança.

A Cacauzinha outro dia me falou que a minha capacidade de passar do estado esquisito pro bom devia ser estudada...rs Mas é como eu disse a ela: não é que a gente vá, de repente, achar que o que está feio é bonito, que o que está ruim é ótimo, que ninguém aqui está a fim de mascarar nada, nem seria legal. Porém, nas estradas da vida tem de tudo, e sempre pode haver um trecho mais esburacadinho aqui, uma curva mais acentuada ali etc. E se é preciso passar por eles p/ chegar ao destino, então que seja de uma forma melhor. Com mais atenção, com mais cautela e com um olhar positivo.
  Fechar os olhos pra não vê-los não resolve, só traz perigo e mesmo que a gente passe sem problemas, não aprende nada, na próxima curva ou buraco se estrepa, pois não aproveitou a chance que teve antes de se capacitar mais. Passar xingando e sofrendo tb não adianta, tira a concentração, queima energia que poderia estar sendo usada justamente no aprendizado, na atenção. Desperdício que eu evito, mas até cometo, mas se eu percebo tento mudar. Então, o jeito é transformar de forma positiva e passar por isto de um jeito melhor. Faz um bem tremendo à alma, descansa a mente e o corpo fica mais relaxadinho, e é bom.
 Até aqui, meu comportamento na semana está 100% bacaninha. Sim, eu disse CEM POR CENTO! Me exercitei todos os dias da semana, sem exceção, como estava programado. Eu e o Vi procuramos variar os percursos, para motivar mais e isto tb foi legal. E hoje, sendo feriado, também vamos caminhar, no final de semana tb, não vai ter moleza não.

A alimentação tb está muito legal. Estou totalmente na linha, comendo com qualidade, em quantidades apropriadas, diversificando bastante as refeições p/ não ficar com um cardápio chato e p/ garantir nutrição balanceada, uma beleza, dá gosto! Não faltou oportunidade p/ abrir brechas, mas não fiz isto. Não quis. Assumi um compromisso comigo mesma e me acho digna do cumprimento dele. Me desafiei a manter uma disciplina maior, sem concessões desnecessárias e o prazer de vencer predominou diante de alguns apelos p/ tropeçar.

Não posso nem dizer que passei por várias tentações, mas foi pq eu simplesmente escolhi não vê-las desta forma. Não enfeitei o pavão, ou seja, não supervalorizei certos tipos de alimentos como se eles fossem imperdíveis, maravilhosos demais, não os vinculei a nada tão especial. E continuei vendo-os em todo canto, afinal eu não me enclausurei!

Vivi normalmente, entrei em lanchonete, só que p/ tomar suco; entrei em padaria, mas p/ comprar água mineral, fiz compras em supermercado e hortifruti, fui na lojinha de conveniências do meu condomínio diversas vezes, vida normal. Experimentei até tomar um dia o café da manhã no Zona Sul, que é tudo de bom, o espaço p/ refeição é charmoso, o atendimento é ótimo e o café da manhã é a kg, tem várias opções e a gente serve o que quer. E nem assim eu escorreguei. A disponibilidade e variedade, juntas, não me venceram, pq eu me determinei a não enxergá-las como poderosas.

Isto é algo de que me orgulho pra caramba esta semana, em especial. Não houve sofrimento, sacrifício, nada disto. Não me considerei proibida de nada, como sempre, pq é esta a linha que eu sigo e que me trouxe tantas conquistas, mas aceitei, novamente, do jeito que antes me fez ser bem sucedida, que proibido não é, mas não precisa ser sempre consumido, só por estarmos ali, no mesmo espaço, eu e o alimento. Ah! Nada de refrigerantes ou qualquer outra bebida gasosa esta semana, desde 2ª feira, como eu tinha dito que faria. E se disser que não senti falta? Pois não senti, de verdade! Se tiver vontade forte, pode ser que eu tome um copo, uma lata, mas agora será eventual. Beber sei lá quantas por dia, todos os dias, isto realmente chegou ao fim, não quero para mim.

Tudo depende da forma como encaramos e se eu entrasse numa de “ai meu Deus, quanta coisa gostosa e eu sem poder porque me comprometi etc.....” seria muito ruim, a sensação de “não posso” é chata. Mas se encararmos como “nossa, quanta coisa legal, vou escolher entre elas as que mais convêm  para esta refeição”, aquilo que pareceria uma prisão vira liberdade. E é um ponto que eu acho essencial comentar novamente aqui, embora já tenha falado antes várias vezes.

Quem se sente prisioneiro pelo fato de ter que se conter, administrar melhor as coisas, ter uma atenção maior na sua alimentação, evitar excessos de coisas que são gostosas, mas nos engordam, entopem as artérias, causam problemas diversos, sofre sem necessidade. O lance é transformar a maneira de pensar, entender que gerenciar melhor a própria vida e a própria alimentação não é prisão, ao contrário, é liberdade de escolher e se é para escolher, que seja o que traz mais benefícios reais, pelo menos na maior parte das vezes. Claro que haverá um dia ou outro que a gente vai fazer diferente, mas uma coisa é a regra e a outra, a exceção. Exceção todo dia vira regra, errada.
  A semana só acaba amanhã, eu sigo firme. O resultado disto aparecerá aos poucos, eu sei. Já sinto um pouquinho no corpo, mas só depois vou saber na balança, e desta vez não estou amarelando, só usando o bom senso. Estou ficando menstruada exatamente hoje, já recebi o sinalzinho, é questão de poucas horinhas p/ ela estar bombando. E, naturalmente, estou inchada, mesmo tomando chás tenho retenção de líquido, não teria sentido considerar a pesagem assim. Só o peito, do jeito que está inchado...rs Mais uns dias e eu confiro.

O importante é que estou firme e vou continuar assim. Agora, se me dão licença, vou me arrumar para a caminhada de hoje e depois, vou para a praia. Tenham um feriadão lindo! Beijos!



 Escrito por Beth ?s 09h01
[] [envie esta mensagem]


 
   VAMOS CAPRICHAR...

ANTES DE QUALQUER COISA...Aderindo a uma idéia bacana da Denisa, blogueira light super vitoriosa, inicio a semana postando uma dica legal para a RA. No foco, esta semana, as frutas, que eu adoro e consumo rotineiramente. Vou falar de uma que amo de paixão: UVA-PASSA. Qdo estou  muito fissurada procurando algo doce em casa e até mesmo na rua e, se estou concentrada e a fim de evitar mesmo uma jacadinha, ela supre bem, por ser bem docinha.
 Na tabela do VP, 2 colheres de sopa de uvas-passas valem 1 pt. Para que este prazer seja mais duradouro, tento consumir esta porção de uma em uma passa (demora mais a acabar). Mas, não vou mentir, tem dias que pego logo o punhado e enfio na boca! rs Detalhe: ela tb protege os dentes, pois ajuda a combater várias bactérias que causam cáries e gengivite. Isto eu não sabia, descobri hoje. Vivendo e aprendendo!

AGORA, MINHAS NOTÍCIAS!

O final de semana foi calmo e gostoso, aproveitei p/ desencanar um pouco das coisas chatas que estavam me preocupando. Resolvi pensar nelas de outro jeito menos pesado, mais produtivo. Refleti, revi planos, tomei decisões.  No sábado eu e o Vi resolvemos algumas coisas, depois nos largamos na praia, foram horinhas de puro relaxamento. De lá, fomos direto almoçar no Delírio Tropical de Ipanema, lugar que adoramos (comida sempre ótima e leve). Depois, passeamos a pé p/ fazer a digestão, vendo vitrines e conversando, até que resolvemos pegar um cineminha, mas acabamos desistindo, pq no shopping ficamos zanzando pelas lojas e acabamos perdendo o início da sessão do filme que nos interessava.

Voltamos p/ casa, já eram quase 20h e aqui estava lotado de amigos do meu filho, que vieram p/ uma reunião de interesse deles, regada a cachorro-quente. Eu e o Vi tivemos participação especial nesta "cachorrada" (como chamo brincando estes eventos em que o bom e velho sanduíche de salsicha é entrada, meio e saída), pois nos oferecemos p/ comprar os ingredientes, já que a qtde era grande e sabíamos onde encontrar boa qualidade c/ preço legal.  Levamos uma lista que o filho preparou, c/ sinal verde p/ comprarmos mais alguma coisa que achássemos legal e qdo pedimos a batata palha e o comerciante perguntou quanto queríamos, não tive dúvida, li a orientação registrada pelo filho na tal lista: "bastante, pois a galera cai de boca" e todos rimos muito. Trouxemos p/ casa um sacão que eu nem sabia que existia daquele tamanho!

Embora eles tenham comido pra caramba, sobrou muito, inclusive do delicioso molho que eu fiz (modesta, né...). Entre outras coisas, cerca de 35 pães de hot-dog dos grandes, metade da batata palha (caíram QUASE de boca, pelo visto) ficaram aqui e eu já pensando no que fazer, qdo meu filho chega rindo e diz: “Bom, já sabem que nossa alimentação durante uma semana vai ser cachorro-quente no café da manhã, almoço e jantar né? "  Eu ri, mas a seguir pensei com meus botões: "NOSSA alimentação? De quem está falando, cara-pálida? De mim é que não é!".

Determinada a melhorar meu comportamento, dar um chega pra lá em algumas coisas indevidas que ainda estava repetindo, tinha graça me entupir de cachorro-quente só pq sobrou! Eu hem!  Eu e o Vi decidimos que os porteiros ganhariam lanche, que parte do pão seria congelada, a batata palha foi p/ um pote bem fechado (a validade é bem distante) e ainda ficou molho p/ um macarrãozinho básico de domingo. Mas que a gente não ia se empanturrar, isto era mais que certo.

No domingo acordamos tarde e o tempo estava meio lesco-lesco. Não costumamos dar bola pra isto, curtimos praia c/ qquer tempo, mas resolvemos não ir. Fizemos uma caminhada longa, mas moderada, pois nosso cachorrinho estava conosco, com direito a assistir a passagem de vários corredores que participaram da meia maratona do RJ. E eu tive uma vontade danada de estar ali entre eles. Era gente de todo tipo, de todas as idades, muitos idosos e deficientes físicos passavam, cada um no seu ritmo, numa superação linda e eu lembrei que mais de uma vez fui alertada de que não posso correr nem pular assim, intensamente, o impacto é prejudicial por causa da minha fragilidade vascular. Sempre que ignorei a orientação me ferrei.

Claro que p/ correr aquela quilometragem toda eu precisaria me preparar por muito tempo, nem penso nisto, mas só de participar da largada e fazer uma parte mínima que seja do percurso correndo, 1 km que seja, ah eu ia adorar. Ficou a idéia, vou falar com o médico, não custa nada. O resto do domingo foi descansando, dormindo, vendo TV, visitando blogs, pesquisando umas coisinhas, tudo na paz.

Entrei a semana c/ o pé direito, o mais importante é que estou realmente seguindo meu planejamento na íntegra, pois eu me desafiei a isto. Não tinha cabimento continuar insistindo em  bobagens que comprometem minha evolução, principalmente qdo sei que posso perfeitamente abrir mão delas, pois já fiz isto antes. Fiz tb uma lista simples de coisas que, comprometendo ou não o emagrecimento, eu me determinei a mudar, pq não é só uma questão de peso e de medidas, é questão de saúde e de bom senso.
 
Várias vezes eu mencionei aqui que meu consumo de refrigerantes no dia-a-dia é grande e várias vezes eu tb me propus a reduzir. Jamais disse que abandonaria de vez, seria mentira, eu gosto e o que eu realmente quero é que ele deixe de ser item diário e passe a ser eventual. Seja em festas, seja unzinho na praia, se der vontade mesmo, seja nos finais de semana só que não toda hora, eu quero e posso perfeitamente ajustar isto. Não importa o fato de eu só tomar os light/zero, não importa se uma porção deles equivale a zero pt no VP, o que importa é que eu não preciso e não quero tomar tanto refrigerante como tomo hoje e me determinei, mais uma vez, a conter.

Isto me foi alertado diversas vezes por alguns de vocês em comentários deixados neste blog, o último toque foi a Regina quem deu, com total pertinência e eu sou receptiva sim, a críticas construtivas. Do mesmo jeito que estou sempre procurando dar um toque amigo nas visitas que faço aos seus blogs, só posso ficar muito gratificada qdo alguém questiona algo que possa me ajudar a pensar, ou dá uma dica, tudo que visa ajudar é bem-vindo e eu agradeço.  E achei um barato, pois vi em alguns blogs que visitei ontem, que algumas pessoas tb se determinaram esta semana a conterem o refri, acho que entramos todos numa sintonia bem legal. Vamos lá então, turma!

Um dos itens do meu desafio pessoal, portanto, é justamente passar esta semana (de 2a a 6a feira) sem tomar nenhum refrigerante, mesmo que coma na rua, mesmo que haja algum evento especial. A menos que acabem a água, as frutas e todas as demais opções excelentes que temos no planeta. E no final de semana, caso eu queira mesmo e resolva tomar, que seja de forma moderada e não como acontece hoje que é no almoço, no intervalo, na refeição da noite, em tudo que é momento. E isto pq eu bebo água pra caramba (pq ADORO), tomo chá, suco...

A alimentação está 100% conforme o cardápio pré-programado, a ativ.diária sendo feita sem lero-lero, nada de refrigerante até aqui e outras ações relacionadas a outros segmentos da vida tb planejadas tb estão sendo postas em prática, na íntegra e isto me dá um bem-estar tremendo.  Bem-estar que, sinceramente, eu mereço me dar. Desejo que todos estejam bem e que sigam a semana dando o seu melhor. Beijocas, agora vou fazer minha caminhada, a Lagoa Rodrigo de Freitas (eleita de hoje por mim e pelo Vi) nos aguarda!



 Escrito por Beth ?s 07h38
[] [envie esta mensagem]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Mulher, de 46 a 55 anos, Portuguese, English, Arte e cultura, Livros, Praia, Dançar, Curtir a vida
MSN -



EU ERA ASSIM  

ESTOU ASSIM Meu nome ? Elizabeth, sou conhecida como Beth
Analista de Sistemas, especialista em Metodologia, Processos e Qualidade em TI, Ger?ncia de Projetos,An?lise de Neg?cios, Auditora ISO, sou leonina do dia 10/08, carioca da gema, moro na minha na cidade maravilhosa (RJ), adoro fazer amizades, sonhar, ler, escrever, sou casada c/ Vicente - meu grande amor, m?e do Alexandre, um filh?o maravilhoso, que ? universit?rio e "boadastra" da Mimi, minha enteadinha adolescente linda a quem chamo aqui de filhotinha.

Meu e-mail: beth.ebprs@gmail.com
Meu MSN: ebprs@hotmail.com



Objetivo deste Blog: Compartilhar meu processo de reeducação alimentar e mudança de hábitos que resultou no meu emagrecimento, me tirou da obesidade mórbida e me ensinou e ensina tanto!



Meu processo: Fui beb? 'cheinho',crian?a de peso normal, na adolesc?ncia tinha ?timo corpo. No in?cio da fase adulta comecei a engordar c/facilidade em fun??o de uma mudan?a p/ pior dos h?bitos alimentares e tb devido a dificuldade que tive em enfrentar alguns problemas pessoais, decep??es e m?goas que se transformaram em Kg a mais (eu as COMI). Durante anos optei por m?todos indevidos, tomei rem?dios, f?rmulas, inje??es, fiz dietas mirabolantes e isto tudo me ajudou a virar uma sanfona que cada vez abria mais e fechava menos. Cheguei ao auge da obesidade c/ 140 kg e dei o basta. Primeiro, fiz um pequeno controle que me ajudou a emagrecer quase 5 kg. Depois, entrei para o Vigilantes do Peso, onde emagreci 53kg c/equil?brio, seguran?a e muita alegria. Aprendi muito, o caminho foi t?o importante quanto os resultados. Eliminei 53 kg com o método do Vigilantes do Peso e atividade física. Aumentei depois alguns kg e agora prossigo, para reconquistar a minha meta e mantê-la para sempre.

Cr?ditos Imagens: Google
Comunidade no Orkut!


Comunidade Orkut: Eu sou f? da Beth - A Conquista! criado com carinho pela amiga Lili (obrigada, lindinha!)
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=2052374


 
Clique AQUI e veja
o que eu como!




HIST?RICO
 01/01/2011 a 15/01/2011
 16/12/2010 a 31/12/2010
 01/12/2010 a 15/12/2010
 16/11/2010 a 30/11/2010
 01/11/2010 a 15/11/2010
 16/10/2010 a 31/10/2010
 01/10/2010 a 15/10/2010
 16/09/2010 a 30/09/2010
 01/09/2010 a 15/09/2010
 16/08/2010 a 31/08/2010
 01/08/2010 a 15/08/2010
 16/07/2010 a 31/07/2010
 01/07/2010 a 15/07/2010
 16/06/2010 a 30/06/2010
 01/06/2010 a 15/06/2010
 16/05/2010 a 31/05/2010
 01/05/2010 a 15/05/2010
 16/04/2010 a 30/04/2010
 01/04/2010 a 15/04/2010
 16/03/2010 a 31/03/2010
 01/03/2010 a 15/03/2010
 16/02/2010 a 28/02/2010
 01/02/2010 a 15/02/2010
 16/01/2010 a 31/01/2010
 01/01/2010 a 15/01/2010
 16/12/2009 a 31/12/2009
 01/12/2009 a 15/12/2009
 16/11/2009 a 30/11/2009
 01/11/2009 a 15/11/2009
 16/10/2009 a 31/10/2009
 01/10/2009 a 15/10/2009
 16/09/2009 a 30/09/2009
 01/09/2009 a 15/09/2009
 16/08/2009 a 31/08/2009
 01/08/2009 a 15/08/2009
 16/07/2009 a 31/07/2009
 01/07/2009 a 15/07/2009
 16/06/2009 a 30/06/2009
 01/06/2009 a 15/06/2009
 16/05/2009 a 31/05/2009
 01/05/2009 a 15/05/2009
 16/04/2009 a 30/04/2009
 01/04/2009 a 15/04/2009
 16/03/2009 a 31/03/2009
 01/03/2009 a 15/03/2009
 16/02/2009 a 28/02/2009
 01/02/2009 a 15/02/2009
 16/01/2009 a 31/01/2009
 01/01/2009 a 15/01/2009
 16/12/2008 a 31/12/2008
 01/12/2008 a 15/12/2008
 16/11/2008 a 30/11/2008
 01/11/2008 a 15/11/2008
 16/10/2008 a 31/10/2008
 01/10/2008 a 15/10/2008
 16/09/2008 a 30/09/2008
 01/09/2008 a 15/09/2008
 16/08/2008 a 31/08/2008
 01/08/2008 a 15/08/2008
 16/07/2008 a 31/07/2008
 01/07/2008 a 15/07/2008
 16/06/2008 a 30/06/2008
 01/06/2008 a 15/06/2008
 16/05/2008 a 31/05/2008
 01/05/2008 a 15/05/2008
 16/04/2008 a 30/04/2008
 01/04/2008 a 15/04/2008
 16/03/2008 a 31/03/2008
 01/03/2008 a 15/03/2008
 16/02/2008 a 29/02/2008
 01/02/2008 a 15/02/2008
 16/01/2008 a 31/01/2008
 01/01/2008 a 15/01/2008
 16/12/2007 a 31/12/2007
 01/12/2007 a 15/12/2007
 16/11/2007 a 30/11/2007
 01/11/2007 a 15/11/2007
 16/10/2007 a 31/10/2007
 01/10/2007 a 15/10/2007
 16/09/2007 a 30/09/2007
 01/09/2007 a 15/09/2007
 16/08/2007 a 31/08/2007
 01/08/2007 a 15/08/2007
 16/07/2007 a 31/07/2007
 01/07/2007 a 15/07/2007
 16/06/2007 a 30/06/2007
 01/06/2007 a 15/06/2007
 16/05/2007 a 31/05/2007
 01/05/2007 a 15/05/2007
 16/04/2007 a 30/04/2007
 01/04/2007 a 15/04/2007
 16/03/2007 a 31/03/2007
 01/03/2007 a 15/03/2007
 16/02/2007 a 28/02/2007
 01/02/2007 a 15/02/2007
 16/01/2007 a 31/01/2007
 01/01/2007 a 15/01/2007
 16/12/2006 a 31/12/2006
 01/12/2006 a 15/12/2006
 16/11/2006 a 30/11/2006
 01/11/2006 a 15/11/2006
 16/10/2006 a 31/10/2006
 01/10/2006 a 15/10/2006
 16/09/2006 a 30/09/2006
 01/09/2006 a 15/09/2006
 16/08/2006 a 31/08/2006
 01/08/2006 a 15/08/2006
 16/07/2006 a 31/07/2006
 01/07/2006 a 15/07/2006
 16/06/2006 a 30/06/2006
 01/06/2006 a 15/06/2006
 16/05/2006 a 31/05/2006
 01/05/2006 a 15/05/2006
 16/04/2006 a 30/04/2006
 01/04/2006 a 15/04/2006
 16/03/2006 a 31/03/2006
 01/03/2006 a 15/03/2006
 16/02/2006 a 28/02/2006
 01/02/2006 a 15/02/2006
 16/01/2006 a 31/01/2006
 01/01/2006 a 15/01/2006
 16/12/2005 a 31/12/2005
 01/12/2005 a 15/12/2005
 16/11/2005 a 30/11/2005
 01/11/2005 a 15/11/2005
 16/10/2005 a 31/10/2005
 01/10/2005 a 15/10/2005
 16/09/2005 a 30/09/2005
 01/09/2005 a 15/09/2005
 16/08/2005 a 31/08/2005
 01/08/2005 a 15/08/2005
 16/07/2005 a 31/07/2005
 01/07/2005 a 15/07/2005
 16/06/2005 a 30/06/2005
 01/06/2005 a 15/06/2005
 16/05/2005 a 31/05/2005
 01/05/2005 a 15/05/2005
 16/04/2005 a 30/04/2005
 01/04/2005 a 15/04/2005
 16/03/2005 a 31/03/2005
 01/03/2005 a 15/03/2005
 16/02/2005 a 28/02/2005
 01/02/2005 a 15/02/2005
 16/01/2005 a 31/01/2005
 01/01/2005 a 15/01/2005
 16/12/2004 a 31/12/2004
 01/12/2004 a 15/12/2004
 16/11/2004 a 30/11/2004
 01/11/2004 a 15/11/2004
 16/10/2004 a 31/10/2004
 01/10/2004 a 15/10/2004
 16/09/2004 a 30/09/2004
 01/09/2004 a 15/09/2004
 16/08/2004 a 31/08/2004
 01/08/2004 a 15/08/2004
 16/07/2004 a 31/07/2004
 01/07/2004 a 15/07/2004
 16/06/2004 a 30/06/2004
 01/06/2004 a 15/06/2004



OUTROS SITES
 Site do Vigilantes do Peso
 Ação pelo semelhante
 Nutrella
 MC DONALDS - Tabela Nutricional
 Site ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL
 Saudável.Info
 Vegê Gourmê - Blog da Chef Michele Maia
 Lu Francesa
 Selma Guerreira
 Meu Emagrecimento (Sara)
 Serei magra (Andreia)
 Renascer (Thuca)
 Valquíria
 Blog da Magui
 Neblina
 O sabor da vitória (Electra)
 Entretanto, eu (Jana)
 Diva esbelta e feliz (Diva)
 Miss Blueberry
 Vida boa é vida saudável (Cristy Costa)
 Diário light (Sylmara)
 Blog da Eloyza
 Veneno urgente (Flavia Rocha)
 Blog da Fafá
 Espelho light (Elaine)
 Blog da Cynthia (Londres)
 Agora eu emagreço (Aline) Brasília
 Never give up (Renata - Tita)
 Blog da Micha - RJ
 Homem também faz dieta (Carlos) RJ
 Jaqueline
 Mulher de Atitude - Cacau RJ
 Serei sereia (Fabi) RS
 A caminho da vitória (Elaine Regiane) SP
 Blog da Rogeria
 Blog da Georgia
 Escrevendo emagrecendo (Lisa)
 Diet Forever (Zá)
 Garotinha ruiva (o outro blog da Lu Russa)
 Dieta urgente (Luciana Alexandrino)
 Space Cris
 Tetê Sereiah
 Andréa Aoki
 Gordinha da Silva
 O sucesso da Lorena
 Renata sem firulas
 Valérie Roberto
 Arianna
 Clara - RJ
 Andréa Cordoniz
 Ana Carolina grávida
 Ana Carolina
 Miss Slim
 Drica (Paraty-RJ)
 Ada Sheila
 Anselmo
 Sueli
 Sol
 Kelly
 Jessica (Elite)
 Nilce
 Leila (Ninguém merece ser 3G)
 Fanta Diet
 Infobeso
 Cris Lopes
 Aline Tomaz (RJ)
 Roberta Alves
 Sue - gravidinha
 Cris fit
 Annie
 Novidades da Cris
 Leila Batista
 Clarita
 Rebecca sapeca
 Lua emagrecendo
 Brian
 Diario da bonita Andrea
 Marilia
 Marilia Vitória
 Aline Virtus
 Paula pra melhor
 Cristiane
 Teresinha
 Ana Cleide
 
 Marcia (Marquinhas)
 Pri 2
 Ludmila
 Lela
 Jana Carmen
 Pri emagrecendo...
 Luzluzinha
 Barbarella (Andrea Glauce)
 Raiane
 Luciana Kotaka
 Vanessa (Campinas)
 Patty emagrecendo de bem...
 Nanda (Idade da Pedra)
 Carlos Medeiros
 Lara
 Dani - Brasília
 Teresa Cristina
 Sisi
 Miriam - RJ
 Kaká
 Gabi e Ana Luiza
 Diário de Macherrie
 Catia
 Amanda Costa
 Rosimeyre
 Alice
 Walkiria
 Crizinha
 Char
 Lu Pinheiro
 Elisandra
 Lahys
 Cotidiano (Zany)
 Karen
 Kika
 Nicky
 O novo blog da Taty Carioca
 Isabela
 Lisandra
 Ju sem pressa
 VIGILANTES DA AUTO ESTIMA
 JT
 Barbarella
 Angelica Fernandes
 Claudia
 Lagarta de borboleta
 Alisson
 Nova Jacque
 Patty Roberta
 Michelle 2
 Elissandra
 Juliene
 Ana Paula
 Annie emagrecendo
 Lili Bolero
 Fernanda Betini
 Karina Torres
 Valqs
 Ana Telma
 Lilian Raquel (Lee)
 Cáritas
 Baxie
 Cacau II
 Renatita
 Nando Neri
 Isabelle
 Nanda
 Edite
 Way to go (Clara )
 Bartira
 BLOG COMER SEM CULPA
 Andreia Cantelli
 Lu Mme Light
 Magali
 Lu
 Aline RJ


VOTA??O
 D? uma nota para meu blog!