Conquista

UOL
   PARABÉNS MEU AMORZÃO!

A semana que passou foi boa, graças a Deus, estamos todos ótimos, felizes e com saúde. O nosso cachorrinho está cada dia melhor, ainda mais sapeca e comilão, dá gosto!
CoolMsgs.com - Gifs para Orkut e muito mais!!Foi uma semana festiva! Na 5ª feira, o Dia dos Namorados. Celebramos a data com muito amor, namoramos muito, trocamos presentes (ganhei 2 blusas lindas), almoçamos juntos e optamos por só sairmos na 6ª feira à noite, então a comemoração no dia mesmo foi em casa. Claro que não vou contar detalhes, só adianto que comprei uma lingerie vermelha hiper sexy que agradou muiiiito!

Na 6ª feira à noite fomos jantar num lugar bem aconchegante, estava tudo ótimo, mas pena que não me senti muito bem e tivemos que voltar p/ casa mais cedo do que pretendíamos. O que aconteceu é que primeiro petiscamos uns  pasteizinhos de queijo brie c/ geleia de laranja e depois pedimos o jantar. Pedi um fetuccini com escalope, mas meu estômago pensou que fosse um leitão a pururuca, pelo jeito, reagiu super mal.

O fato é que petiscar e depois jantar, mesmo que não seja muita comida, é algo demais p/ o meu organismo, ele reclama mesmo, afinal, são 5 anos promovendo/mantendo mudanças positivas nos meus hábitos alimentares e ele se adaptando a elas! Quando eu escolhi o meu prato, que era o mesmo do Vi, pensei duas vezes antes. Se não comesse mais nada, não ficaria satisfeita e, ainda por cima, deixaria o marido comendo sozinho num jantar a dois. Mas por que pedi massa, se costumo à noite comer algo mais leve? Bobeira pura!

Era um prato normal, nada excessivo e eu até deixei um pouco, mas não adiantou, fiquei afrontada e o Vi achou melhor pedirmos a conta e darmos uma volta a pé pelas redondezas para eu melhorar. Depois viemos p/ casa e eu tomei um digestivo, fiquei quietinha e passou.

Engraçado, antigamente, antes deste processo, era comum eu ficar afrontada assim, uma sensação super ruim, mas que era rotineira, quase normal para mim. Hoje em dia é rara, graças a Deus e às mudanças promovidas e não é preciso que eu cometa nenhuma jacada fenomenal para o meu organismo reclamar, o que eu acho ótimo, mostra que realmente eu funciono diferente, funciono melhor. E a lembrança do mal-estar ajuda a ficar mais atenta e fazer melhores escolhas, conforme a hora,  circunstância etc.


No sábado, dia 14/06, foi niver do maridão. Combinamos de fazer uma comemoração nossa com os filhos na semana que vem, quando a filhota estará no RJ p/ a 1ª fase do vestibular da UERJ e não dava p/ ela vir 2 semanas seguidas. Não íamos fazer nada em casa no sábado, até por motivos financeiros em função das despesas extras que tivemos nas últimas 2 semanas, mas alguns amigos queridos e dedicados se mobilizaram e na última hora acabou acontecendo uma ‘festinha americana’ e meu amor teve uma noite super gostosa e alegre, estava todo bobo, feliz da vida mesmo, comovido com o carinho. Mas ele merece! A estes amigos queridos, nosso muito obrigada por mais uma noite bem feliz!

Nós na cozinha, antes do 'Parabéns Pra Você!'
Ele estava emocionado, embora disfarçando.


O domingo foi totalmente preguiçoso p/ todos em casa. Eu e o Vi não arredamos pé de casa para nada. Só o cachorrinho saiu duas vezes p/ passear com o meu filho, mesmo assim porque isto é de lei. No mais, foi dia de moleza e pernocas para o ar, literalmente. Até dormi durante a tarde, coisa que não faço sempre, e nem vi o jogo do Brasil (pelo que já sei, não  perdi nada...humpf).

Bom, com relação à alimentação e ativ.física, a semana que passou não foi a minha melhor e se eu pensar em uma nota, acho que me daria um 7, uma média até boazinha, considerando todos os fatores envolvidos. Porém, sem ser muito rigorosa comigo mesma, porém honesta, é uma média que não me garante o que quero, preciso e posso garantir. Não jaquei adoidado, não cedi à maior parte dos tais cutucões que mencionei no outro post, mas não fui tão disciplinada em detalhes que, no meu caso pelo menos, fazem a diferença. Mas sei direitinho cada um deles e, garanto, nesta semana não passará nada.

E com a ativ. física não foi diferente. Caminhei bem menos do que gostaria/deveria, até pq a minha proposta é ir todos os dias e só falhar se não houver mesmo jeito.  Houve dia em que não deu mesmo, mas teve dia que eu decidi não ir e não vou mentir, foi preguiça mesmo. Mas este comportamento não é a minha tônica, foi uma coisa pontual e já estou me organizando p/ fazer a semana nova bem bacana, como vinha fazendo antes.

Espero que todos tenham passado um fim de semana bem feliz e que a nova semana seja todinha de positividade, garra, força de vontade, paciência, perseverança e muito, muito amor próprio, ta? Porque é o amor próprio que nos move para os pensamentos e atitudes que nos beneficiam.

Agora, vou deixar vocês com algo que recebi por e-mail e me fez rir muito. Mas, atenção! É só para descontrairmos e não uma proposta de conduta hem? Quem seguir estas orientações aí entrará pelo cano, isto sim!

Esse é o médico...!
Com certeza a agenda dele deve estar lotada até 2010!

Dr. Paulo Ubiratan, de Porto Alegre, RS, em entrevista a uma TV local, foi questionado sobre vários conselhos que sempre nos são dados...


Pergunta: Exercícios cardiovasculares prolongam a vida, é verdade?

Resposta: O seu coração foi feito p/ bater por uma quantidade de vezes e só... não desperdice essas batidas em exercícios. Tudo gasta-se eventualmente. Acelerar seu coração não vai fazer você viver mais: isso é como dizer que você pode prolongar a vida do seu carro dirigindo mais depressa. Quer viver mais? Tire uma soneca !!!

P: Devo cortar a carne vermelha e comer mais frutas e vegetais?

R: Você precisa entender a logística da eficiência... .O que a vaca come? Feno e milho. O que é isso? Vegetal. Então um bife nada mais é do que um mecanismo eficiente de colocar vegetais no seu sistema. Precisa de grãos? Coma frango.


P: Devo reduzir o consumo de álcool?
R: De jeito nenhum. Vinho é feito de fruta. Brandy é um vinho destilado, o que significa que, eles tiram a água da fruta de modo que vc tire maior proveito dela. Cerveja também é feita de grãos. Pode entornar!

P: Quais são as vantagens de um programa regular de exercícios?

R: Minha filosofia é: Se não tem dor...tá bom!

P: Frituras são prejudiciais?

R: VOCÊ NÃO ESTÁ ME ESCUTANDO!!! ... Hoje em dia a comida é frita em óleo vegetal. Na verdade ficam impregnadas de óleo vegetal. Como pode mais vegetal ser prejudicial para você?

P: Flexões ajudam a reduzir a gordura?

R: Absolutamente não! Exercitar um músculo faz apenas com que ele aumente de tamanho.

P: Chocolate faz mal?

R: Tá maluco? !!!! Cacau!!!! Outro vegetal!! É uma comida boa pra se ficar feliz !!!

E lembre-se: A vida não deve ser uma viagem para o túmulo, com a intenção de chegar lá são e salvo, com um corpo atraente e bem preservado.  Melhor enfiar o pé na jaca - Cerveja em uma mão - tira gosto na outra - muito sexo e um corpo completamente gasto, totalmente usado, gritando:  VALEU !!! QUE VIAGEM!!!

P S.:  SE CAMINHAR FOSSE SAUDÁVEL O CARTEIRO SERIA IMORTAL...!



 Escrito por Beth ?s 19h51
[] [envie esta mensagem]


 
   CUTUCÕES À PARTE....


Jujuba, uma paixão que lembra o meu paizinho querido!

Meio de semana, está tudo bem, graças a Deus. Estou me alimentando razoavelmente bem, mas não tanto como vinha fazendo até outro dia, tenho ajustes a fazer. Não nego que alguma coisa me cutuca, dizendo “vai lá, pega aquilo que não está no seu esquema, só desta vez”. E o “aquilo” geralmente é algo em que eu não estava pensando, nem estou com vontade de comer, muito menos com fome.

É a tal da compensação mesmo, como se estivesse de alguma forma tentando me acarinhar com um salgadinho ou algo assim, dizendo um “pronto, filhinha, passou o sofrimento, agora come aí que tudo fica esquecido”. 

Isto lembra os tempos de criança. Quantas vezes fui confortada com um petisco, principalmente pelo meu querido e saudoso papai! Eu era o ‘quindim de Yaya’ dele, que não podia me ver triste, fazendo beicinho ou chorando, que aquilo derrubava ele que logo dava um jeito de mudar a minha carinha, me alegrar.

Lembro como se tivesse sido ontem de um monte de situações, e lembro com carinho, parece que estou vendo o sorrisão dele ao me mimar, sempre pronto p/ me mostrar que tudo podia ficar bem.
Se me via amuada, mesmo depois de um castigo ou bronca merecida dada pela mamãe, ele inventava, do nada, que íamos dar um passeio na praia, só nós dois, coisa que amávamos fazer. Eu ia de mão dada com ele conversando, rindo, cantando e pulando feito uma cabrita. De repente, parávamos numa esquina e eu ganhava o saquinho de jujuba que até hoje é uma paixão. Mesmo se a mamãe avisasse, antes de sairmos de casa: ‘Não dê nada a ela, pois está de castigo.” Ele dava e me pedia, carinhosamente: “Não conte à mamãe”.

Eu não contava, mas era danadinha e entrava em casa com uma cara sapeca e dava p/ a mamãe um olharzinho sonso que ela logo via o que tinha acontecido, aí quem levava a bronca era ele...rs Mas ele não me deseducava não, ele chamava a minha atenção tb, me mostrava onde eu tinha errado, me ensinava direitinho, mas era compreensivo comigo.  Era muito rígido com o meu irmão mais velho, mas comigo tudo ia mais na maciota, o que deixava a vovó furiosa e com raiva de mim...rs

Ele nunca me bateu, nunca me sacodiu ou beliscou, nem gritou comigo. Se ensaiava fazer cara feia p/ mim eu imediatamente me desmanchava em lágrimas e ele, mais imediatamente ainda, me abraçava, me beijava, pegava no colo, não podia ver a Betinha dele triste. Ô saudade! Mas não era só com comida que me agradava, era tb com gibis, principalmente os da Luluzinha e do Bolinha, minha paixão quando menina (até hoje eu adoro). Ou cantando para mim, me ensinando alguma música...

Pois é, saí lembrando disto pq observei que algo me cutuca, para me confortar. Mas não quero este tipo de conforto. Não mais. Porém, tem dia em que é dureza. Consegui não atolar os dois pés na jaca qdo estava no auge da preocupação na semana passada, mas foi só as coisas melhorarem um pouco p/ ficar meio frouxa. Aí peguei firme de novo, mas não está sendo tão simples.

Acho que é a tal compensação, mesmo. Não é o tempo todo, mas há momentos em que a tal 'coisa' cutuca. Aí, por exemplo, as barraquinhas com todo tipo de guloseimas pelas quais passo todos os dias e nem dou bola, nestes dias parecem me chamar pelo nome, quando passo. Mas tenho me feito de surda, ainda bem.

Na 2ª feira fui ao Rio Sul pagar a fatura da Renner e aproveitei p/ comprar pão francês p/ o lanche do Vi e do filhão no Uno & Due (o pão de lá é show de bola). Comprei só para eles, pois eu não queria mesmo, tenho evitado comer pão à noite e qdo como, geralmente é um mais leve, como o árabe. Enquanto esperava o pão sair, pensei “Bem que podia comprar um salgado”, mas repensei: “Não estou a fim, por que compraria?”. E não comprei, na boa.

Aí uma senhora de bastante idade, que tb esperava, pediu à balconista 100g de pão de queijo, dizendo que era p/ se distrair enquanto esperava. Na hora eu ri por dentro, pensando na ‘distração’ da senhorinha: comer (antes que me perguntem, ela era magra). Mas, de repente, quase me vi perguntando a ela se o pãozinho de queijo estava mesmo quentinho! Aí pensei: “Ué, se não estou com fome e nem vontade e achei engraçado ela se distrair comendo pão de queijo, de que me interessa saber se está quentinho ou friozinho? Se estiver quentinho vou fazer o que? Comer? Por que? Pra distrair? Faltava-me essa!” E naturalmente, fiquei na minha.

Coisas assim a gente tem que ficar esperta, senão num vacilo, creu. Nada contra comer algo que realmente queira, mas não assim, do nada, por nada. Assim nem dá gosto! Atrapalhar meu processo sem gosto, não tem nem graça. Na 3a feira eu tive dentista na hora do almoço, no caminho arrebentou a minha sandália e o tempo que eu tinha para almoçar precisei ir numa sapataria comprar um calçado para usar na hora. E na correria da volta, almocei um salgado mesmo, uma pena, porque era gostoso, mas calórico demais e claro que não me alimentou direito. Pior foi que depois, na última mordida, é que ouvi um cara falando com a balconista sobre os sanduiches naturais que são feitos na casa e eu não sabia, que pena!

Esta semana estou mesmo mais agitada, me sinto meio irritadiça, mas tentando ficar mais zen. A menstruação chegou e alguns incômodos da TPM ainda não se mandaram, acho que muito em função do stress que passei semana passada algo está meio diferente do meu normal. Mas no geral, estou legal e vou melhorar.  Ah, e tenho caminhado!

O meu bichinho está cada dia melhor, de novo agradecemos a força carinhosa que tem sido enviada. Para terem idéia, ontem ele estava hiper-ativo à noite, está agora querendo gastar toda a energia que não tinha antes e eu e o Vi, que já estávamos deitados p/ dormir, tivemos que levantar e descer com ele para um super passeio, para desgastar o bichinho, conforme a veterinária nos orientou por telefone. É mole?  Ainda tem muito remédio, exame etc. pela frente, mas dá gosto ver como o caçulinha está fortinho e alegre!

Bom, então vamos lá, a semana está só na metade, vamos seguindo, ok? Amanhã é Dia dos Namorados e não posso deixar de registrar mais uma vez o quanto eu amo o meu eterno namoradão. Beijos, meu amor!

 



 Escrito por Beth ?s 13h49
[] [envie esta mensagem]


 
   NIVER DO BLOG, MELHORAS DO MEU CÃOZINHO AMADO E BRINCADEIRA!

Completei 4 anos inteirinhos de vida blogueira! No dia 06/06/04 nascia o primeiro blog www.conquista.zip.net, que depois eu prossegui com este aqui. Era o meu ingresso oficial neste universo tão especial, que agregou e agrega sempre tanto ao meu processo e à minha vida no geral, pois aqui o que se compartilha é bem mais do que assunto de emagrecimento. Aqui conheci muita gente boa, aqui fiz muitas amizades, algumas são mais que reais e aqui eu permaneço sempre com muito carinho e sobretudo gratidão. Obrigada pela companhia que me fazem e contem comigo, também. Não arredei pé nem nas horas mais vitoriosas, nem nas mais enroladas. E aqui continuarei tá?
 
Obrigada pela força enviada ao meu cachorrinho querido, ele está se recuperando bem, fez no sábado a última sessão de soroterapia e novos exames, cujos resultados saíram na noite de sábado mesmo e foram tão melhores que a veterinária nos telefonou feliz da vida para contar! Agora vamos em frente, é tratamento ainda por muito tempo, novos exames etc., mas o danadinho já está outra coisa, já está serelepe, voltando aos poucos a se alimentar e fazer das suas! Agradeço muito a Deus e a todos que se uniram a mim nesta torcida viu? Valeu!

Recebi indicação para esta brincadeira (obrigada Alyne):

Antes!
 
Há 10 anos atrás eu tinha 41 anos,  estava apaixonada e felicíssima, me preparando p/ me mudar do RJ (minha cidade natal) p/ Piracicaba-SP, cidade do Vi, para começarmos a viver juntinhos depois de 1 ano e meio de viagens seguidas de ambos para namorarmos, era uma loucura deliciosa! Profissionalmente estava numa fase de mudanças também, que foram bastante agregadoras. Era obesa mórbida, feliz, alegre, encantada com o meu filhão que tinha na época 14 anos e com a filhotinha (enteadinha) que desde o começo do namoro foi sempre muito agarrada comigo e tb curtiu muito nosso casamento. Eu era feliz e sabia.

Há 5 anos atrás eu tinha 46 anos, já estava de novo morando no RJ, casadíssima e felicíssima com o Vi, ainda era obesa mórbida mas já tinha iniciado meu processo de emagrecimento naquele ano mesmo, no Vigilantes do Peso, já fazia caminhadas diárias, já tinha certeza absoluta de que daria mais uma grande virada na minha vida, livrando-me do peso excessivo e dos riscos que ele me trazia. Meu filho tinha 19 anos e fazia faculdade, a Mimi tinha 12 anos o nosso cachorrinho Murray já era nossa paixãozinha. Profissionalmente, estava numa fase de readaptação, depois de uma tsunami na empresa/área onde eu trabalhava e até com aquilo tudo eu aprendi e me fortaleci muito. Eu era feliz e sabia.

Depois
 Há 2 anos atrás eu tinha 49 anos, estava curtindo adoidado a proximidade dos 50 anos, faltava pouquinho para alcançar a minha meta no emagrecimento, estava felicíssima da vida com tudo que havia conquistado, inclusive as amizades que a blogosfera light me trouxe. Profissionalmente estava bem, apesar de saber que aproximava-se o fim da área onde eu trabalhava no RJ. Meu filho estava quase se formando, a Mimi estava ótima, o maridão sempre bacanão. Eu era feliz e sabia.

Há 1 ano atrás eu tinha 50 anos, já tinha alcançado a minha meta, emagrecendo 53kg e tb já tinha aumentado uns 4 kg. Continuava felicíssima com o meu Vi, sempre um parceiraço maravilhoso na vida, feliz demais com meu filho que já havia se formado (é publicitário) e com a filhotinha Mimi que virou uma adolescente muito linda e que sabe direitinho o que quer da vida. Tinha acabado de sair da empresa onde trabalhei quase 7 anos e estava no mercado, fazendo entrevistas, vendo para onde iria. Eu era feliz e sabia.

Ontem eu tinha 51 anos e passei um dia tranqüilo, apesar de estar fazendo um sol maravilhoso não pude ir à praia, ainda cuidando de algumas coisas (fui ao supermercado e ao hortifruti) e do nosso cachorrinho amado, curtindo a sua recuperação que a cada dia é melhor. Passei um dia feliz, mesmo sem nada especial, porque especial mesmo é ter saúde, é estar cercada de gente querida e boa, é estar com a minha família que eu amo, é ver o meu cachorrinho voltando a demonstrar alegria, saúde, vida, amizade e sem-vergonhice! Eu era de novo feliz e sabia.

Hoje é 2ª feira, eu ainda tenho 51 anos (rs), o dia está lindo, mas é dia de trabalho e não de praia. Não caminhei cedinho pq acordei ainda com dores musculares de tensão, mas a minha alimentação está de novo nota 10. Continuo sempre confiando em mim mesma, procurando me dar o melhor. Se erro aprendo e sigo, se acerto comemoro e sigo. Profissionalmente estou numa fase em que por um lado tudo é ótimo, pelo outro pode melhorar. E vai melhorar. Eu farei por onde. Os filhos estão ótimos, ele já trabalhando na sua área, em uma ótima agência e ela se preparando para o vestibular. E o marido, sempre meu amorzão querido. Tenho muitos amigos DE VERDADE e sou cercada de alto astral. Eu sou feliz e sei.

Beijos mil, tenham uma ótima semana!



 Escrito por Beth ?s 12h50
[] [envie esta mensagem]


 
   NOTÍCIAS

Esta semana está ‘daquelas’. Tudo indicava que seria linda e maravilhosa. Mas, infelizmente, foi uma coisa. Mas ela há de terminar bem, chegarei ao fim de sábado aliviada, tenho fé em Deus e bem mais feliz do que andei nestes dias. Muita correria, preocupação e uma angústia enorme, para socorrer e salvar o meu cachorrinho, que ficou doente, bem doente mesmo, com problemas bem sérios.

Mas com tanto amor, tanta dedicação, tanto tratamento adequado e, acima de tudo, tanta fé e tantos pedidos ao Alto para que ele se saísse desta e, aos poucos, ele já reage ao tratamento, já há indicadores significativos da sua melhora. Porém, meu coração em frangalhos, o que chorei estes dias e o que eu me desdobrei para dar a ele o melhor atendimento possível e imaginável, só eu sei. Eu e quem me ajudou, quem compreendeu, quem possibilitou que eu pudesse me dedicar a ele assim.

Estas pessoas sabem quem são, a elas minha gratidão, meu carinho imenso, sempre. E meu agradecimento a Deus por serem elas que estão no meu caminho agora, bem na hora que mais preciso. Sussu, se estiver lendo isto, você é uma delas, viu?
Bom, então foi uma loucura, loucura, loucura. Mas vamos vencendo as dificuldades, a cada dia e as que já existiam foram somadas às que chegaram agora, em decorrência deste problema.

Tirando força sei lá mais de onde, tendo um jogo de cintura tremendo e dando nó em pingo d´água, mas isto faz parte e faz tempo que eu pratico. E nem os hormônios que continuam em ebulição conseguiram me derrubar, até porque não tive muito tempo e nem cabeça pra isso. Os meus incômodos passaram a ser um NADA perto de tudo que eu estava sentindo a mais, e de tudo que eu precisava, queria e, graças a Deus, fiz e tenho feito pelo meu grande amoreco-amigo, meu cachorinho.

Quem me conhece mais de perto sabe a paixão que eu tenho por ele e que eu não mediria, jamais, esforço, dinheiro e tudo mais por ele. Não meço mesmo. O que eu chorei, o que eu já rezei, o que eu já sofri nem vou contar. Mas a fé é imensa, é incondicional e tudo está melhorando devagarzinho. E vai ficar bem. Já está ficando.

A alimentação nestes dias foi razoavelmente boa e a minha RA não se perdeu embora, naturalmente, em alguns momentos eu não tivesse as melhores condições p/ fazer tudo exatamente como planejado. Mas não permiti que o nervosismo todo fosse um belo argumento para trocar os pés pelas mãos.  Podia ter sido melhor, mas foi o máximo que consegui e, sinceramente, estou até aqui satisfeita. E consegui anotar tudo, desde o mais certo até o mais erradinho, tanto que o blog de cardápio está atualizado.

As caminhadas foram prejudicadas, só andei na 3ª feira e mesmo assim porque eu forcei a barra, condição mesmo não tinha, mas é aquilo, se há 1% de chance, eu tento e foi assim que rolou. Hoje eu ia, mas acordei quebrada, levantei-me toda torta e andava feito o Robocop, tudo por causa da tensão que causou dores musculares. Agora estou melhor, mas sempre que me levanto da cadeira levo um tempinho para andar menos dura, sem parecer uma velha coroca.

O maridão é que me preocupou bastante ontem à noite e hoje, porque ele também se desarvorou muito por causa da doença do nosso bichinho, chorou muito e agora está todo quebrado também, ontem estava até se sentindo mal, dizendo que sabia que era do emocional.

Mas o final de semana está chegando e vamos poder descansar um pouco mais, mesmo com toda esta atenção e cuidados, sempre é melhor por não termos horários de trabalho a cumprir (ou descumprir, conforme a necessidade). E vamos poder caminhar, mesmo que em esquema de revezamento. O dia hoje está lindo, acho que o final de semana vai ser de sol, com a situação não vai dar p/ programar nada especial, nem mesmo a praia posso dizer que vou, porque a dedicação e atenção é toda com o bichinho querido,

mas a caminhada pelo menos eu vou tentar garantir.

E é isso, fico por aqui, desejando a todos um ótimo final de semana. Daqui a uns 2 ou 3 dias venho com calma e, se Deus quiser (e Ele há de querer), com ótimas notícias.Tchau.

S. Francisco de Assis  
São Lázaro 

 



 Escrito por Beth ?s 16h30
[] [envie esta mensagem]


 
   35º Encontro Light do RJ e notícias


Na frente, sentada, a Alice
Da esq. p/ direita: Janaína, Clara, Aline, a outra Aline, Jaqueilne, Olvídia e Marsele.
Atrás, 'super discreta', eu!
Lá atrás, de verde, o Vicente noivo da Jaqueline
Faltou a Geninha nesta foto, é que ela chegou depois!
Ah! Não era propaganda de celular, eram as meninas brincando
de trocar toques de celular...rs
de trocar toques de celular engraçados

A semana acabou e mais uma vez eu posso dizer que me saí muito bem, apesar de algumas expectativas e uma ansiedadezinha que eu consegui não deixar que me atrapalhassem. E apesar da chegada de uma TPM 'bombando', chegou mesmo cedo a danada, este mês ela vai ficar comigo por uns 10 dias, quem merece? Eu, né? rs Já estou toda inchada, os seios enormes, pesados, doloridos, parece que vou amamentar, chegam a formigar. E me sinto pesada, até roupa que dois dias antes estava ótima já está meio incômoda, mas eu sei que é por conta dos hormônios, então não vou esquentar.

Mas, verdade seja dita, lidar com isto nem sempre é tão ‘simples assim’. Na 5ª feira à noite eu já estava meio diferentona, meio inquieta, indo muito na cozinha apesar de não estar com fome alguma. Mas não saí comendo, não! Inclusive na hora da minha refeição noturna eu nem tinha apetite, comi porque tinha que comer.Mas já bem chatinha, torcendo o nariz para tudo que tinha planejado, inclusive a tudo, inclusive p/ a sopinha que me aguardava prontinha, no freezer e foi lá que ela ficou haha. Alterei a programação, mas não me atrapalhei não, sabendo que eram os hormônios me tirando do eixo tratei de me concentrar mais e depois fui logo dormir para ver se eles também se aquietavam...rs

Na 6ª feira, quando o despertador tocou às 5:20 eu torci p/ ser sonho, mas era realidade. Poxa, eu estava cansada, sonolenta demais e queria mesmo era dormir um pouquinho mais. Chamei o Vi, mas ele só resmungou, com a cara enfiada no travesseiro que não conseguia, que tinha ficado até tarde preparando um trabalho e precisava dormir mais um pouco. Podia ser a senha para eu também voltar a dormir, mas tomei coragem e levantei, dizendo: “Ok, fica aí, mas eu vou!” Do banheiro ainda o ouvi falando: “Não estou desistindo não, é só hoje mesmo!”. Ele estava no bagaço mesmo, teve uma semana puxadíssima! Eu tb estava bem molenga, mas achei que podia encarar. Já tinha levantado da cama mesmo, não havia porque voltar.

Caminhei na marra, mas com boa vontade, pensando sempre no que aquilo estava me trazendo de bom. Qdo tinha caminhado 14 min., ou seja, ainda muito pouco, a sensação era de ter sido muito mais e tive vontade de interromper. Mas aí resolvei pensar, enquanto prosseguia:“quem anda 14 anda 15... quem anda 15 anda 20... quem anda 20 anda 30...”  E assim, fiz 43 minutos e não continuei pq aí eu ia forçar muito a minha barra, sem necessidade. Afinal, não era preguiça. Era o meu limite, naquele dia, naquela hora.

Geralmente não é assim, eu gosto de caminhar e faço muito mais e numa boa, com prazer, se houver disponibilidade de tempo e condições apropriadas.  Mas nesta 6ª feira era diferente. Se não tivesse ido, teria ficado chateada comigo mesma. A proposta é não ir apenas se realmente não der. E dava. E deu!

Na noite de 6ª feira me flagrei algumas vezes com a geladeira aberta, olhando lá para dentro, sem fome nenhuma e sem vontade de pegar nada lá dentro. Aí fechava, claro. Depois abria de novo. Quando me vi quase pegando algo fora de contexto, falei p/ mim mesma: “Não, não vou fazer isto, não quero.” E não fiz. Pouco depois, estava preparando almôndegas para o meu filho e aí não teve jeito, belisquei...rs

No sábado estava chovendo e não fui caminhar. Mas andei bastante pela rua, fui fazer umas comprinhas rápidas em dois lugares, fui depilar sobrancelha e buço, fui comprar um presentinho etc., tudo a pé. Depois, fui para o 35º Encontro da Blogosfera Light do RJ. Não levei máquina, mas já andei catando fotos lá no cantinho da Janaína, mas vocês vão lá no cantinho das meninas que participaram e fotografaram para verem ok?


O Momento Light: papo, troca de idéias, desabafos, gargalhadas e
tudo que temos direito
Nesta, a Geninha aparece, à esquerda, logo depois da Marsele (de óculos).

O encontro foi ótimo. Nossa amiga Jaque Saradona, agora ‘Morena Serena’ nos recebeu com muito carinho e seu noivo, que também se chama Vicente (como o meu maridão), foi impecável na atenção, nos cuidados para que tudo corresse bem. E estava tudo ó-ti-mo!
Estavam presentes, além da Jaqueline (anfitriã) e eu: Clara, Marsele, Janaína “Carmem”, Aline, Aline, Alice, Olvídia (estreante) e Maura Geninha (estreante).

Alice, eu e Jaqueline

Muitas pessoas não puderam ir, foi uma pena, mas é como digo sempre, todos os meses temos um encontro bacana, sempre muito alegre, sempre muito intenso e sempre vale a pena. Mais uma vez, no Momento Light, pudemos compartilhar o que estamos passando, trocar idéias, foi como sempre especial.

Espero que nossas amigas estreantes no encontro, a Olvídia e a Geninha (duas pessoas muito bacanas) tenham curtido e participem sempre que puderem nos próximos! O de junho já está sendo programado, em breve divulgaremos, nossa provável anfitriã vai nos confirmar o local nos próximos dias.

Da esq. p/ direit: Marsele, Olvídia e Aline, com a Janaína na frente!

No sábado me permiti deixar a questão da alimentação mais soltinha, o café da manhã foi legalzinho, mas durante a tarde belisquei bastante no encontro, bem tranqüila, sei que o que tenho feito e o que continuarei fazendo permitirão que isto não me atrapalhe.

Neste domingo não parou de chover um instantinho, eu só saí de casa para ir na lojinha do condomínio com o Vi comprar umas coisas para o café da manhã e almoço, depois fiquei quietinha no meu canto. Senti falta da caminhada. Daí a importância de não deixar de me exercitar diariamente, mesmo nos finais de semana e feriados, sempre que é possível. Assim, quando realmente não dá, a sensação de que enquanto deu eu fiz, é boa.

E continua chovendo bastante. Tratei de pensar num jeito de não ficar esperando o tempo melhorar para voltar a me movimentar. Como ainda não pude consertar a bike ergométrica (R$ e tempo), resolvi que se amanhecer chovendo, desde que não seja nenhum temporal e nem ventania forte, vou aqui mesmo no condomínio, onde há total segurança e se houver uma piora de tempo que impeça, estou praqticamente em casa, é só entrar no prédio. Não é como gosto de fazer, mas é melhor que nada. É como digo: o ótimo é inimigo do bom. Se não posso fazer o ótimo, vou tentar fazer o bom... ou até mesmo o regular, que já é melhor que nada.

A alimentação neste domingo já foi de novo controladinha, mesmo tendo almoçado um prato mais calórico, que eu mesma escolhi fazer, não me perdi e estou na boa.  E o planejamento da nova semana está sendo feito com atenção e carinho, eu tenho certeza de que mesmo com os hormônios pintando e bordando aqui eu vou me garantir. Mas eu venho contar tá?


Recado: A nossa amiga Rogeria está de volta, depois de um tempinho sumida do seu blog, vamos lá dar uma força para ela!

 

Presente: Ganhei este selo lindo da amiguinha blogueira Kecia, fiquei muito contente e agradeço de novo pelo carinho!
 
Beijos, tenham uma excelente semana!



 Escrito por Beth ?s 19h45
[] [envie esta mensagem]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Mulher, de 46 a 55 anos, Portuguese, English, Arte e cultura, Livros, Praia, Dançar, Curtir a vida
MSN -



EU ERA ASSIM  

ESTOU ASSIM Meu nome ? Elizabeth, sou conhecida como Beth
Analista de Sistemas, especialista em Metodologia, Processos e Qualidade em TI, Ger?ncia de Projetos,An?lise de Neg?cios, Auditora ISO, sou leonina do dia 10/08, carioca da gema, moro na minha na cidade maravilhosa (RJ), adoro fazer amizades, sonhar, ler, escrever, sou casada c/ Vicente - meu grande amor, m?e do Alexandre, um filh?o maravilhoso, que ? universit?rio e "boadastra" da Mimi, minha enteadinha adolescente linda a quem chamo aqui de filhotinha.

Meu e-mail: beth.ebprs@gmail.com
Meu MSN: ebprs@hotmail.com



Objetivo deste Blog: Compartilhar meu processo de reeducação alimentar e mudança de hábitos que resultou no meu emagrecimento, me tirou da obesidade mórbida e me ensinou e ensina tanto!



Meu processo: Fui beb? 'cheinho',crian?a de peso normal, na adolesc?ncia tinha ?timo corpo. No in?cio da fase adulta comecei a engordar c/facilidade em fun??o de uma mudan?a p/ pior dos h?bitos alimentares e tb devido a dificuldade que tive em enfrentar alguns problemas pessoais, decep??es e m?goas que se transformaram em Kg a mais (eu as COMI). Durante anos optei por m?todos indevidos, tomei rem?dios, f?rmulas, inje??es, fiz dietas mirabolantes e isto tudo me ajudou a virar uma sanfona que cada vez abria mais e fechava menos. Cheguei ao auge da obesidade c/ 140 kg e dei o basta. Primeiro, fiz um pequeno controle que me ajudou a emagrecer quase 5 kg. Depois, entrei para o Vigilantes do Peso, onde emagreci 53kg c/equil?brio, seguran?a e muita alegria. Aprendi muito, o caminho foi t?o importante quanto os resultados. Eliminei 53 kg com o método do Vigilantes do Peso e atividade física. Aumentei depois alguns kg e agora prossigo, para reconquistar a minha meta e mantê-la para sempre.

Cr?ditos Imagens: Google
Comunidade no Orkut!


Comunidade Orkut: Eu sou f? da Beth - A Conquista! criado com carinho pela amiga Lili (obrigada, lindinha!)
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=2052374


 
Clique AQUI e veja
o que eu como!




HIST?RICO
 01/01/2011 a 15/01/2011
 16/12/2010 a 31/12/2010
 01/12/2010 a 15/12/2010
 16/11/2010 a 30/11/2010
 01/11/2010 a 15/11/2010
 16/10/2010 a 31/10/2010
 01/10/2010 a 15/10/2010
 16/09/2010 a 30/09/2010
 01/09/2010 a 15/09/2010
 16/08/2010 a 31/08/2010
 01/08/2010 a 15/08/2010
 16/07/2010 a 31/07/2010
 01/07/2010 a 15/07/2010
 16/06/2010 a 30/06/2010
 01/06/2010 a 15/06/2010
 16/05/2010 a 31/05/2010
 01/05/2010 a 15/05/2010
 16/04/2010 a 30/04/2010
 01/04/2010 a 15/04/2010
 16/03/2010 a 31/03/2010
 01/03/2010 a 15/03/2010
 16/02/2010 a 28/02/2010
 01/02/2010 a 15/02/2010
 16/01/2010 a 31/01/2010
 01/01/2010 a 15/01/2010
 16/12/2009 a 31/12/2009
 01/12/2009 a 15/12/2009
 16/11/2009 a 30/11/2009
 01/11/2009 a 15/11/2009
 16/10/2009 a 31/10/2009
 01/10/2009 a 15/10/2009
 16/09/2009 a 30/09/2009
 01/09/2009 a 15/09/2009
 16/08/2009 a 31/08/2009
 01/08/2009 a 15/08/2009
 16/07/2009 a 31/07/2009
 01/07/2009 a 15/07/2009
 16/06/2009 a 30/06/2009
 01/06/2009 a 15/06/2009
 16/05/2009 a 31/05/2009
 01/05/2009 a 15/05/2009
 16/04/2009 a 30/04/2009
 01/04/2009 a 15/04/2009
 16/03/2009 a 31/03/2009
 01/03/2009 a 15/03/2009
 16/02/2009 a 28/02/2009
 01/02/2009 a 15/02/2009
 16/01/2009 a 31/01/2009
 01/01/2009 a 15/01/2009
 16/12/2008 a 31/12/2008
 01/12/2008 a 15/12/2008
 16/11/2008 a 30/11/2008
 01/11/2008 a 15/11/2008
 16/10/2008 a 31/10/2008
 01/10/2008 a 15/10/2008
 16/09/2008 a 30/09/2008
 01/09/2008 a 15/09/2008
 16/08/2008 a 31/08/2008
 01/08/2008 a 15/08/2008
 16/07/2008 a 31/07/2008
 01/07/2008 a 15/07/2008
 16/06/2008 a 30/06/2008
 01/06/2008 a 15/06/2008
 16/05/2008 a 31/05/2008
 01/05/2008 a 15/05/2008
 16/04/2008 a 30/04/2008
 01/04/2008 a 15/04/2008
 16/03/2008 a 31/03/2008
 01/03/2008 a 15/03/2008
 16/02/2008 a 29/02/2008
 01/02/2008 a 15/02/2008
 16/01/2008 a 31/01/2008
 01/01/2008 a 15/01/2008
 16/12/2007 a 31/12/2007
 01/12/2007 a 15/12/2007
 16/11/2007 a 30/11/2007
 01/11/2007 a 15/11/2007
 16/10/2007 a 31/10/2007
 01/10/2007 a 15/10/2007
 16/09/2007 a 30/09/2007
 01/09/2007 a 15/09/2007
 16/08/2007 a 31/08/2007
 01/08/2007 a 15/08/2007
 16/07/2007 a 31/07/2007
 01/07/2007 a 15/07/2007
 16/06/2007 a 30/06/2007
 01/06/2007 a 15/06/2007
 16/05/2007 a 31/05/2007
 01/05/2007 a 15/05/2007
 16/04/2007 a 30/04/2007
 01/04/2007 a 15/04/2007
 16/03/2007 a 31/03/2007
 01/03/2007 a 15/03/2007
 16/02/2007 a 28/02/2007
 01/02/2007 a 15/02/2007
 16/01/2007 a 31/01/2007
 01/01/2007 a 15/01/2007
 16/12/2006 a 31/12/2006
 01/12/2006 a 15/12/2006
 16/11/2006 a 30/11/2006
 01/11/2006 a 15/11/2006
 16/10/2006 a 31/10/2006
 01/10/2006 a 15/10/2006
 16/09/2006 a 30/09/2006
 01/09/2006 a 15/09/2006
 16/08/2006 a 31/08/2006
 01/08/2006 a 15/08/2006
 16/07/2006 a 31/07/2006
 01/07/2006 a 15/07/2006
 16/06/2006 a 30/06/2006
 01/06/2006 a 15/06/2006
 16/05/2006 a 31/05/2006
 01/05/2006 a 15/05/2006
 16/04/2006 a 30/04/2006
 01/04/2006 a 15/04/2006
 16/03/2006 a 31/03/2006
 01/03/2006 a 15/03/2006
 16/02/2006 a 28/02/2006
 01/02/2006 a 15/02/2006
 16/01/2006 a 31/01/2006
 01/01/2006 a 15/01/2006
 16/12/2005 a 31/12/2005
 01/12/2005 a 15/12/2005
 16/11/2005 a 30/11/2005
 01/11/2005 a 15/11/2005
 16/10/2005 a 31/10/2005
 01/10/2005 a 15/10/2005
 16/09/2005 a 30/09/2005
 01/09/2005 a 15/09/2005
 16/08/2005 a 31/08/2005
 01/08/2005 a 15/08/2005
 16/07/2005 a 31/07/2005
 01/07/2005 a 15/07/2005
 16/06/2005 a 30/06/2005
 01/06/2005 a 15/06/2005
 16/05/2005 a 31/05/2005
 01/05/2005 a 15/05/2005
 16/04/2005 a 30/04/2005
 01/04/2005 a 15/04/2005
 16/03/2005 a 31/03/2005
 01/03/2005 a 15/03/2005
 16/02/2005 a 28/02/2005
 01/02/2005 a 15/02/2005
 16/01/2005 a 31/01/2005
 01/01/2005 a 15/01/2005
 16/12/2004 a 31/12/2004
 01/12/2004 a 15/12/2004
 16/11/2004 a 30/11/2004
 01/11/2004 a 15/11/2004
 16/10/2004 a 31/10/2004
 01/10/2004 a 15/10/2004
 16/09/2004 a 30/09/2004
 01/09/2004 a 15/09/2004
 16/08/2004 a 31/08/2004
 01/08/2004 a 15/08/2004
 16/07/2004 a 31/07/2004
 01/07/2004 a 15/07/2004
 16/06/2004 a 30/06/2004
 01/06/2004 a 15/06/2004



OUTROS SITES
 Site do Vigilantes do Peso
 Ação pelo semelhante
 Nutrella
 MC DONALDS - Tabela Nutricional
 Site ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL
 Saudável.Info
 Vegê Gourmê - Blog da Chef Michele Maia
 Lu Francesa
 Selma Guerreira
 Meu Emagrecimento (Sara)
 Serei magra (Andreia)
 Renascer (Thuca)
 Valquíria
 Blog da Magui
 Neblina
 O sabor da vitória (Electra)
 Entretanto, eu (Jana)
 Diva esbelta e feliz (Diva)
 Miss Blueberry
 Vida boa é vida saudável (Cristy Costa)
 Diário light (Sylmara)
 Blog da Eloyza
 Veneno urgente (Flavia Rocha)
 Blog da Fafá
 Espelho light (Elaine)
 Blog da Cynthia (Londres)
 Agora eu emagreço (Aline) Brasília
 Never give up (Renata - Tita)
 Blog da Micha - RJ
 Homem também faz dieta (Carlos) RJ
 Jaqueline
 Mulher de Atitude - Cacau RJ
 Serei sereia (Fabi) RS
 A caminho da vitória (Elaine Regiane) SP
 Blog da Rogeria
 Blog da Georgia
 Escrevendo emagrecendo (Lisa)
 Diet Forever (Zá)
 Garotinha ruiva (o outro blog da Lu Russa)
 Dieta urgente (Luciana Alexandrino)
 Space Cris
 Tetê Sereiah
 Andréa Aoki
 Gordinha da Silva
 O sucesso da Lorena
 Renata sem firulas
 Valérie Roberto
 Arianna
 Clara - RJ
 Andréa Cordoniz
 Ana Carolina grávida
 Ana Carolina
 Miss Slim
 Drica (Paraty-RJ)
 Ada Sheila
 Anselmo
 Sueli
 Sol
 Kelly
 Jessica (Elite)
 Nilce
 Leila (Ninguém merece ser 3G)
 Fanta Diet
 Infobeso
 Cris Lopes
 Aline Tomaz (RJ)
 Roberta Alves
 Sue - gravidinha
 Cris fit
 Annie
 Novidades da Cris
 Leila Batista
 Clarita
 Rebecca sapeca
 Lua emagrecendo
 Brian
 Diario da bonita Andrea
 Marilia
 Marilia Vitória
 Aline Virtus
 Paula pra melhor
 Cristiane
 Teresinha
 Ana Cleide
 
 Marcia (Marquinhas)
 Pri 2
 Ludmila
 Lela
 Jana Carmen
 Pri emagrecendo...
 Luzluzinha
 Barbarella (Andrea Glauce)
 Raiane
 Luciana Kotaka
 Vanessa (Campinas)
 Patty emagrecendo de bem...
 Nanda (Idade da Pedra)
 Carlos Medeiros
 Lara
 Dani - Brasília
 Teresa Cristina
 Sisi
 Miriam - RJ
 Kaká
 Gabi e Ana Luiza
 Diário de Macherrie
 Catia
 Amanda Costa
 Rosimeyre
 Alice
 Walkiria
 Crizinha
 Char
 Lu Pinheiro
 Elisandra
 Lahys
 Cotidiano (Zany)
 Karen
 Kika
 Nicky
 O novo blog da Taty Carioca
 Isabela
 Lisandra
 Ju sem pressa
 VIGILANTES DA AUTO ESTIMA
 JT
 Barbarella
 Angelica Fernandes
 Claudia
 Lagarta de borboleta
 Alisson
 Nova Jacque
 Patty Roberta
 Michelle 2
 Elissandra
 Juliene
 Ana Paula
 Annie emagrecendo
 Lili Bolero
 Fernanda Betini
 Karina Torres
 Valqs
 Ana Telma
 Lilian Raquel (Lee)
 Cáritas
 Baxie
 Cacau II
 Renatita
 Nando Neri
 Isabelle
 Nanda
 Edite
 Way to go (Clara )
 Bartira
 BLOG COMER SEM CULPA
 Andreia Cantelli
 Lu Mme Light
 Magali
 Lu
 Aline RJ


VOTA??O
 D? uma nota para meu blog!