Conquista

UOL
   SEMANA NOVA EM FOLHA!

 Semaninha nova em folha, que começou com dias lindos e ensolarados, ainda bem. Eu já estava mofando com aquele tempinho sem graça, chuvoso e cinzento que piora a minha alergia à umidade, que já é normal nesta época do ano. Sempre com o nariz muito vermelho e espirrando muito, só quem fica por perto sabe quantos espirros eu dou seguidamente, qdo estou atacada da alergia.

 Me deu saudade da Valeria querida, que nestas épocas me chama de "Minha rena preferida"...rs

Bom, então a semana que passou foi meio ‘assim-assim’. Tanto tive ótimos momentos, em tudo, mas também tive momentos mais complicadinhos.  Me angustiei muito, de novo, por causa do meu cachorrinho que teve uma recaída horrorosa, já de novo sendo vencida. Haja dedicação, competência médica, carinho, medicamentos e tudo mais! Mas o bichinho é guerreiro, puxou à mãe adotiva dele (RS) e já está muito melhor de novo. E, se Deus quiser, agora de vez!

Na 6ª feira à noite fui com o Vi e o meu filho assistir ao musical Os Produtores. Gostei muito, é uma peça bem divertida. A dupla Miguel Falabella e Leonardo Britcha arrasa e a Juliana Paes atua bem, também. Aliás, o elenco todo é bacana. Valeu mesmo. Foi presente que dei ao Vi, de aniversário, pois ele queria muito assistir e ele adorou.

Na alimentação eu fui muito bem em diversos momentos e um tanto quanto vacilona em outros. Admito que me rendi, erradamente, às emoções. Isto porque vivo ressaltando em todo canto que sentimentos a gente não come, porque não adianta nada. Eu também dou minhas furadas, viram só? Acontece! Chegou a minha vez, podem puxar as minhas orelhinhas e me dar broncas!
 No meu caso, comi um pouco de ansiedade. Bom, a ansiedade era muiiiita e eu só comi um pouco dela, ainda bem. Mas em compensação, só vendo o estrago horroroso que fiz nas minhas mãos! Como estou sem as unhas de silicone, pois resolvi tirá-las e tratar das verdadeiras p/ que fiquem novamente apresentáveis, elas acabaram pagando o pato. Não rôo, mas cutuco e cutuquei, futuquei, arrebentei, fiz e aconteci. Quando via, já tinha piorado mais as coisas. Aí me distraía, daqui a pouco já estava lá de novo, cutucando.

Agora as unhas e as cabeças de dedos estão terríveis,  doloridas, feiosas, nada a ver. Foi assim que de outras vezes eu voltei a fazer o silicone, mas agora não vou não, pq cansei da escravidão que isto gera, pq a manutenção tem também um custo alto que neste momento não combina com a minha realidade e pq cabe a mim ter controle, não ficar me arrebentando por causa de nervoso e depois correr p/ esconder tudo com unhas postiças, por mais bonitas que sejam.

Na semana passada também fiquei devendo na ativ. física. Falei, planejei, incentivei e não fiz quase nada. É verdade que metade da semana não deu mesmo, foi inviável por vários motivos (chuva, doença do Murray etc.). Mas quando podia, não fiz o meu melhor, mesmo.  Nem vou inventar desculpas. A decisão de fazer ou não era minha, só minha e na hora H eu decidi amarelar. E eu assumo minhas escolhas erradas, do mesmo jeito que gosto de assumir contente quando acerto.

E aí, leite derramado adianta chorar? Que nada! A gente limpa rapidinho p/ não secar e ficar pior né? Pois é.  E aí já me replanejei direitinho, já conversei comigo mesma (papo federal) e, muito sinceramente, eu sei que não tenho mesmo esta dificuldade toda em me concentrar e fazer as coisas do jeito certo. Então, não tenho que ficar de trelelê, tenho é que agir.

E estou agindo, claro. Ontem mesmo já dei uma acertada no lance, hoje estou com tudo nos eixos, a programação está toda feita e não é para ficar no papel e na cabeça, é para ser cumprida, claro. Eu tenho total certeza de que ao encerrar esta semana poderei contar aqui, bem feliz, que caprichei. Até porque é como eu gosto de agir e é como eu gosto de me sentir.

Engraçado é o que a consciência da gente faz. Hoje ao decidir o que vestiria p/ trabalhar, pensei em usar uma das blusas que o Vi me deu de Dia dos Namorados, que ainda não tinha estreado. Aí, pensei: ‘Ih, meu Deus, eu não me comportei muito bem semana passada, será que a bendita vai estar mais justa ou será que nem vou poder estrear?’  Mas que nada, era exagero meu. As roupas estão legais, tudo direitinho. Vesti a blusa e ela ficou ótima, acho até que está melhor do que no dia em que ganhei e experimentei haha Mais um motivo p/ a gente ficar na linha, este medinho que dá depois é chato...rs

Mamãe está conosco p/ mais uma temporada de 15 dias e neste período eu durmo ‘pela metade’, com um olho no padre e outro na missa. Cada vez que ela vai ao banheiro de madrugada (várias vezes) é um sobressalto, muitas vezes ela fica perdidona, não é mole. Qdo o dia amanhece, às vezes eu estou um caco e isto até poderia comprometer a caminhada, eu sei. Mas já combinei com o Vi, nestes dias ele fica com ela cedinho p/ eu poder ir, tranquila de que ele controla tudo. E se eu amanhecer muito quebrada pela noite mal dormida, deixo p/ ir depois do trabalho (neste caso, ele ou o meu filho ficam com ela). E tudo se ajeita.

Recebi de várias amigas a indicação p/ o seguinte “Meme” (o que quer dizer exatamente este termo  hem?): listar 5 lanchinhos lights que eu costumo consumir. Bom, gente, lanchinho light é a coisa mais simples deste mundo! Não precisa obrigatoriamente ser um produto light/diet, nem nada muito especial

Cada lanchinho é apenas uma refeição intermediária entre as refeições principais, que evita chegarmos ao almoço ou à janta com fome a mais (correndo o risco de também comer a mais) e que garante o organismo alimentado, felizinho da vida, sem se sentir ameaçado, sem guardar mais do que precisa, processando tudo direitinho. Metabolismo funcionando.

Vou listar aqui algumas das coisas que eu consumo, tem algumas que até faz tempo que não como, porque gosto de variar! Se ficar sempre na mesma coisa, a gente enjoa, e aí ganha uma desculpa p/ fazer besteira.

1 – 1 porção de fruta (qualquer uma!) ou de salada de frutas
2 – 1 iogurte ou coalhada light (também pode ser normal, não é obrigatório tudo ser light/diet, só tem que ficar de olho nas porções). Às vezes coloco 2 colheres de chá de farelo de trigo ou 1 colher de chá de granola no iogurte p/ incrementar.
3 – 1 polenguinho light c/ 1 suco light de fruta (não é Clight etc. normalmente, é suco da fruta mesmo, mesmo que industrializado)
4 – 90 ml de leite de soja integral, sem açúcar (da máquina do trabalho)
5  - 6 unidades do cream cracker levíssimo light da Bauducco ou 1 porção de qualquer outro biscoito, acompanhando por chá (vario, pode ser carqueja, capim limão, camomila, verde, branco, mate etc.)

Mas pode ser muito mais coisas, conforme disponibilidade, local onde estivermos etc. Sem neuras. Só é preciso atenção, moderação, consciência de que aquela não é uma refeição principal, portanto não é preciso comer até estufar (se nem na principal isto é preciso). E se for um item não muito light, mais atenção ainda na escolha e na quantidade. E em como isto será devidamente compensado a partir daquele momento, sem desprivilegiar o que mais importa: nutrição, saúde!

Recomendo a leitura do artigo "Comer sem neurose" que encontra-se no site do Cyberdiet http://www1.uol.com.br/cyberdiet/colunas/080623_psy_comer_neurose.htm. Não sou associada do Cyberdiet, todo mundo sabe que o meu método é o VP, que adoro, mas eu adoro este site, onde sempre encontro muita informação bacana também, sempre gostei muito de ler as coisas que eles publicam, já catei receitas lá e acho que onde tem informação correta, segura e que privilegie a saúde, o bom senso e tudo mais, a gente tem que ir mesmo.

Muita gente perde tempo (e dinheiro) correndo atrás de informação furada, que se sencontra em tanto lugar, infelizmente. Não faltam sites, revistas etc. ensinando caminhos tortos, atalhos perigosos e o pior é que o povo vai atrás, muitas vezes e depois se estrepa. Eu sei, eu também já fui assim, não falo de orelhada não. Mas acordei, faz tempo. Ainda bem. Ufa!

Desejo a todos uma ótima semana, abençoadinha por Deus. E no que depender de cada um de nós, que seja a melhor que cada um puder fazer, ta? Beijos.


 Escrito por Beth ?s 10h54
[] [envie esta mensagem]


 
   INVERNO ENGORDA?

 Comida não engorda,

Engorda, quem a come em excesso.  

É a falta de disciplina que faz o tempo parecer curto.

Sem disciplina, investimos mais no vento que leva, do que no tempo que conserva. 

 

           Fonte: www.paracristo.com.br  (acrescentei o "em excesso" na 2a frase)


   

Outro dia eu estava comendo cream cracker light, quando alguém perguntou: “Beth, este aí pode comer legal, porque não engorda né?” Respondi: "Engorda sim, desde que a gente coma mais do que deve, na hora errada... Engorda tanto quanto qualquer outro, dependendo de como/quanto a gente come de cada um... tudo é relativo!"  Aí a pessoa me olhou meio desconsolada, um jeito de “puxa, nem isto!”.

De uma outra vez, eu estava escolhendo abacate no horti-fruti e uma moça que também escolhia, comentou: “Tão gostoso, pena que seja tão engordativo!”. Acontece que o abacate não é este vilão que o povo pensa! Na tabela do Vigilantes do Peso, 4 colheres de sopa de abacate valem 1 ponto, o mesmo que vale 1 maçã, 1 pera, 1 banana prata média, 1 porção de abacaxi etc.   Comentando com mais de uma pessoa sobre isto, quase sempre ouvi algo como: “Ah, mas quem come abacate não come 4 colheres de sopa, come um monte, batido com leite condensado!”
 Bom, aí é que a porca torce o rabo, como dizia vovó. Porque euzinha aqui, nos meus ‘áureos’ tempos de ‘tô nem aí’ que me levaram aos 140kg, fazia ainda pior. Era abacate batido no liquidificador com leite condensado E creme de leite, tá? Bem grossinho, ficava quase uma mousse. Pingava umas gotinhas de limão já na minha travessinha, na hora de comer e mandava ver. Delícia! E não ficava em uma travessinha só, claro, porque era bom e aí eu ia pegar mais uma!

Porém, este tempo passou. Hoje eu como, sim, o abacate e são 4 colheres de sopa da fruta, geralmente batidas c/ leite desnatado e adoçante. Coloco menos leite, p/ ficar grossinho. E fica delicioso, do mesmo jeito. Mas não fico pensando “ah, se fosse com leite condensado e creme de leite estaria muito melhor”, não me martirizo porque não é mais adequado fazer as coisas como antes. Porque se eu fizer como antes, eu também vou ficar como era antes e não é o meu objetivo!

Eu simplesmente consumo com prazer, o gosto do abacate está ali, o docinho dele mesmo acrescido do adoçante já basta. Não me sinto uma pobre coitada porque do outro jeito não é adequado. Até porque se eu quiser mesmo muito, e achar que vale a pena, vou comer com leite condensado sim! Mas isto vai ser uma coisa esporádica. Como tantas outras das que jamais me privei, mas tirei do dia-a-dia, nada além disto.

O caso é que eu evito ter leite condensado em casa. Compro quando sei que vou usar. E se por acaso não uso, ele fica no armário, esperando a vez. E não adianta ele ficar me chamando lá do armário, pois para ele eu sou surda. Tem dias que até escuto, mas não dou bola, afinal o poderoso não é ele, o leite condensado, e sim a minha vontade, o comando é meu. Posso ceder? Sim, mas porque eu quero e não porque ela, a lata bonitinha que agora tem até cinturinha, me chamou. Se bem que quando compro, geralmente é o light, que não tem cintura. Vejam que ironia, a lata do leite condensado normal tem cintura e o light não tem. Que estranho haha O light tinha que ter peitinho, cinturinha e bundinha arrebitada haha Para estimular, ora bolas! Haha Leite condensado saradão haha

Bom, o fato é que as pessoas, em geral, não sabem ainda diferenciar as coisas. Ainda há muita gente com crenças de que fruta tal, tal e tal engordam e fruta tal, tal e tal não engordam. Aí, ficam babando a fruta que ‘teoricamente engorda’, sem comer, se sentindo hiper mal. E se entopem da fruta que acham que não engorda. Eu já fiz isto, no passado, sei direitinho como é.  Uma vez um dos trocentos médicos a que fui no passado disse que eu podia comer maçã, que era uma ótima fruta. E eu adoro maçã. Então, levava para o trabalho um saquinho com várias maçãs e comia o tempo todo hahaha Comia em um dia a quantidade de maçã adequada para três dias! “Ah, mas maçã não engorda, o médico falou”, dizia eu,  né? Hahaha Vejam que ignorância! Ou oportunismo, no caso, negativo!

E agora, vamos ver uma coisa: qual a estação do ano que mais engorda? Nenhuma. Quem engorda é a gente, se entrar numa de que ‘no calor é mais difícil’, ‘no frio é complicado’, ‘na primavera tem isto’ e ‘no outono tem aquilo’. Tenho 51 anos de idade, 5 anos de processo de reeducação/emagrecimento e 4 anos de vida blogueira. Já vi, ouvi e li coisa pra cacete. E, não raro, me deparo com as seguintes queixas:

- No verão: Ah, é muito complicado emagrecer no verão, porque a gente sente calor e sede, dá vontade de toda um suco, um refrigerante! E os sorvetes, em todo canto a gente vê um e quer, são X por dia, por isso eu não consigo emagrecer! (é lei tomar muito sorvete nesta época?)
- No outono: Ah, nesta época já começa a refrescar, a fome parece que vai aumentando, já dá vontade de comer coisinhas mais quentinhas, imagina quando chegar o inverno, estou com medo! (se programando para falhar na próxima estação, em vez de se planejar previamente para ela?)
- No inverno: Aí o bicho pega, né? O povo fala que o frio aumenta a fome, que tem vontade de comer coisas quentes, que saladinha não dá mesmo nesta época, que aí não tem jeito, porque acaba TENDO QUE entrar fundo no fondue, no macarrão, no chocolate quente etc....(mas e os chás, as sopas etc.?)
- Na primavera: Ah, que bom que está menos frio, mas o verão está chegando, aí vem o calor, os sorvetinhos, ai que medo... (medo do que?)

Putz! Então, o que sobra? Será que dá para fazer uma RA mais ou menos só no outono ou na primavera? Aliás, é na primavera que o povo sai correndo mesmo, as academias em setembro recebem um monte de gente nova, todo mundo desesperado p/ correr atrás, para ver se consegue fazer agora aquilo que o ano todo ficou embronando, quem sabe neste verão dá para garantir uma melhorazinha no corpo etc.

Ah, gente, não vamos entrar nessa! O fato é que sempre teremos um motivo para não fazermos as coisas certas, se valorizarmos antes de tudo as dificuldades e enxergarmos só os fatores que PODERIAM nos atrapalhar (vão atrapalhar se deixarmos).  Claro que no verão a gente tem vontade de tomar sorvetes, e quem disse que são proibidos?  Sucos, frutas, chás gelados, saladas diversas, sopas frias (há umas ótimas), sorvetes SIM, só que não tudo ao mesmo tempo, não tudo todo dia!

E no frio? Dá mais fome, o corpo precisa de mais energia? É verdade! Mas, 'peralá', só chocolate quente, fondue e macarrão alimenta, esquenta? O que esquenta é casaco, é edredon, cobertor, ué! No frio o corpo pede mais sim, mas a gente pode dar na medida, sem se privar de nada, mas sem esta de que TEM QUE SER isso ou aquilo, como se fosse uma regra, um cardápio pré-fixado!

Todos nós, se fizermos uma avaliação bem honesta de como pensamos e agimos com relação a estas coisas e tantas outras, vamos ver que na maior parte das vezes usamos TUDO como desculpa para não nos fixarmos no que queremos e não agirmos do jeitinho certo (ou menos errado).

Sempre respondo, quando me perguntam sobre o que engorda e o que não engorda: TUDO engorda e NADA engorda, depende de como consumimos.   Sei direitinho o que me derruba e o que me faz progredir, e não é nenhuma estação do ano, nenhum alimento propriamente dito. É o quanto eu me permito, ou não, a sair do controle, a fugir das regras básicas que me fizeram vencer a estrada. Ou sou honesta comigo mesma, ou jogo a toalha. Jogar a toalha? Eu? Haha Esqueçam! Beijos e ótima continuação de semana!

 Ganhei da Zá e adorei, obrigada vitoriosa!!!
 Este eu ganhei da Denny, valeu querida!
 



 Escrito por Beth ?s 11h31
[] [envie esta mensagem]


 
   ACREDITAR E AGIR

Mais uma semaninha chegou ao fim. Ela foi legalzinha, em casa e no trabalho tudo tranquilo. Na 6a feira viajei a serviço, para uma reunião em outra cidade próxima e apesar de ter sido um pouco cansativa, tudo correu bem. Foi um dia bem gostoso. A semana, no geral, foi boa.

Em termos de disciplina na alimentação, realmente fiquei devendo um pouco. Exagerei um pouquinho no almoço de 6a feira, em um restaurante especializado em frutos do mar. E hoje no almoço com a família, também abusei um pouquinho. Mas, faz parte. O resto do dia está todo direitinho e por aí vai, semana nova entrando e eu de novo comprometida, no que falhei nesta, acertarei daqui em diante, é assim mesmo.

Em termos de atividade física, também não foi tudo que eu queria, mas foi o que deu. Só que eu quero que dê mais e no que depender de mim, vai dar sim. Já estou programada para o domingo. Enquanto a filhota faz a prova da 1a fase do vestibular da UERJ, eu vou caminhar e depois, se o tempo estiver como ficou hoje, curtir um solzinho na praia. Depois passo lá para esperá-la na saída do local onde ela vai fazer a prova. Se bem que a previsão do tempo não é tão favorável, ouvi dizer que entrará hoje, por volta da meia-noite, uma frente fria. Ninguém merece! Passei o dia de alcinha, saí para almoçar e depois fui ao shopping usando vestido frente única, só depois botei uma jaquetinha jeans por cima dele, na rua. Detesto frio e espero que as previsões estejam furadas!

Bom, eu concluí o post anterior dando uma chamadinha amiga no povo que anda se dizendo/sentindo desanimado, não foi? Não podia ser diferente. Faço isto com carinho. E se um dia, Deus me livre disto, mas se algum dia eu me sentir assim, se eu amarelar, se eu pensar em chutar o balde, espero muito mesmo que vocês também me sacudam hem? A gente aqui tem esta função também, de apoio mútuo, de ver quem está escorregando e puxar pela mão, afinal quem de nós pode dizer que está sempre, todos os dias, totalmente com tudo em cima? Que todos os dias acordamos nos sentindo ótimos, maravilhosos e que jamais fraquejamos hem? E comigo, será que é diferente? Que nada!

Jamais mesmo pensei em desistir. Isto não faz parte desta história desde o primeiro dia dela. Falo do processo verdadeiro, este que começou em 2003, claro. Antes, desisti mil vezes. Mas até agradeço a Deus, porque eram caminhos furados, não ter seguido neles foi até bom. Demorar a acreditar e agir numa mudança mais profunda, mais real, é que foi um erro. Mas e aí? O tempo já passou, o ontem não volta mais, o anteontem menos ainda e o que já se foi há meses, anos... vixe! São liçoes aprendidas.

De vez em quando temos que reestudar a lição. Mesmo assim, não é uma volta atrás. Porque não somos mais os de ontem, nem de anteontem. Somos hoje os de hoje, com tudo que vivemos e aprendemos, fizemos de certou e/ou errado até aqui. Podemos repetir o caminho, mas jamais sendo os mesmos de antes. Desanimar é abrir mão daquilo que queremos para nós. E se queremos saúde, mais beleza, mais felicidade, mais qualidade de vida etc., não é algo que valha a pena abrir mão.


Por isso, sou chatinha sim, vou lá e cutuco, digo "vamos, levanta e anda". Digo a mim mesma sempre, todo dia, digo a quem precisar, digo até a quem acha que não precisa...rs Mas é com o coração. E com a experiência. Tem uma uma parábola que eu adoro, é sempre bom demais reler, então deixo hoje aqui para inspirar a todos nós nesta semana que começa para que acreditem e ajam positivamente, tá?

 Acreditar e agir

Um Viajante ia caminhando em solo distante, às margens de um grande lado de águas cristalinas. Seu destino era a outra margem.
Suspirou profundamente enquanto tentava fixar o olhar no horizonte. A voz de um homem coberto de idade, um barqueiro, quebrou o silêncio oferecendo-se para transportá-lo.

O pequeno barco envelhec
ido, no qual a travessia seria realizada, era provido de dois remos de madeira de carvalho.
Logo seus olhos perceberam o que pareciam letras em cada remo. Ao colocar os pés empoeirados dentro do barco, o viajante pôde observar que se tratava de duas palavras, num deles estava entalhada a palavra ACREDITAR e no outro AGIR.

Não podendo conter a curiosidade, o viajante perguntou a razão daqueles nomes originais dados aos remos. O barqueiro respondeu pegando o remo ACREDITAR e remou com toda força. O barco, então começou a dar voltar sem sair do lugar em que estava. Em seguida, pegou o remo AGIR e remou com todo vigor. Novamente o barco girou em sentido oposto, sem ir adiante.

Finalmente, o velho barqueiro, segurando os dois remos, remou com eles simultaneamente e o barco, impulsionado por ambos os lados, navegou através das águas do lago chegando ao seu destino. Na outra margem, então o barqueiro disse ao viajante: - Esse porto se chama autoconfiança. Simultaneamente, é preciso ACREDITAR e também AGIR para que possamos alcançá-lo.

Fonte: Internet (diversos sites - autor não mencionado)



 Escrito por Beth ?s 20h57
[] [envie esta mensagem]


 
   A HORA É ESTA!

Eu me determinei a fazer uma nova semana bem bonitinha, e tenho procurado ser fiel a este compromisso. A alimentação está bem legalzinha, com tudo bem esquematizado, cardápios equilibrados, gostosos e nutritivos. E me dando o bem-estar físico e emocional que eu mereço.

Por exemplo, ontem (3ª feira) depois do trabalho fui com o Vi no shopping p/ comprarmos uma nova máquina de lavar roupas, a nossa 'morreu', depois de 20 anos de bons e maus (no final) serviços prestados, deu o que tinha que dar! Não era hora (R$) de comprarmos nada, mas neste caso não tinha mais como protelar e para isto existem os crediários. Compramos uma que parece ser ótima, com mais recursos e maior capacidade. E o marido, que é quem assumiu a lavagem de roupas em casa há tempos, merecia uma máquina decente né?

Até o meu filho já falou que vai querer aprender a usá-la, para finalmente cumprir a sua parte em casa, pelo menos com as suas roupas, conforme havia dito que faria quando resolvemos ficar sem empregada. Ele deu a maior força, na época, mas amarelou rapidinho depois...rs Agora diz que vai assumir as suas roupas, só quero ver! Só eu que não me comprometi a nada, desde sempre falei que dava a minha parte em dinheiro...rsssss Ah, eu não topo serviço de casa mesmo, não enganei ninguém! Mas gostei tando da máquina que já falei para o Vi que esta até eu vou pilotar de vez em quando...rs

Após a compra, fomos jantar no Giraffas, pois agora tb tem uma filial no Rio Sul. O Vi escolheu um prato gostoso, mas nada a ver com os meus objetivos (bife à parmegianna com fritas e arroz) e eu tratei de comer uma salada com frango, que estava ótima. Mesmo sendo o filé de frango empanado, estava no meu contexto. E era tanta salada, com muita alface, tomate, cebola e tomate seco (este era pouquinho), que eu comi bem e ainda deixei bastante no prato. Foi uma ótima escolha. Pena que o frango ao vivo e a cores não seja do tamanhão que eles mostram na foto do cardápio haha


Com relação à atividade física, o começo foi falho, mas já está ajustado. É que na 2ª feira não dava mesmo p/ caminhar, pois chovia bastante. Mas na 3ª feira eu 'dei mole'. O despertador tocou, botei no ‘soneca’ e, talvez por ter feito isto sem abrir os olhos (lá vem o gooolpe haha), em vez de colocar no modo soneca eu desativei o alarme. Claro que dormi direto e só acordei já na hora de me arrumar para o trabalho. Mas não gostei disto não, fiquei meio zangada comigo e me comprometi a não mais dar esta bobeira.
 Hoje (4ª feira) qdo o despertador tocou eu pensei seriamente em atirá-lo contra a parede, audácia me despertar no melhor do sono e do sonho haha. Coloquei no modo soneca, mas desta vez com olhos abertos e sabendo direitinho o que fazia. E comecei a pensar um monte de coisas, bati um papinho com Deus e, sinceramente, tive sim que pedir a Ele força para sair da cama, que estava tão quentinha e gostosa!

Aí, lembrei do comentário da queridíssima Ana Marinho no meu post anterior, com o seguinte trecho: “....acredita hoje qdo fui caminhar as 8:30 ainda tinha geada nas gramas,nos telhados,a cidade ficou branca,mas lá estava eu de luvas,3 blusas, 2 calças e muita garra.( frrriooooo).Sem atividade física não dá pra ficar,a balança começa a me devolver o ânimo de buscar ainda mais por mim.” E aí, imediatamente, reabri os olhinhos e me decidi a levantar já!
Ana Marinho caminhando!

Dei beijinho no marido, dizendo “Vamos?” e o danadinho, com cara de assustado e de quem não sabia o que fazer, respondeu “Não, eu não vou”. E eu: “Mas por que?” E ele: “Estou com dorzinha de cabeça!”. Tive que rir e falei: “Está nada, está é com sono e preguiça!”. E ele: “Estou sim, e além do mais, esta friagem não vai fazer bem”. Aí eu não tive dúvidas em encerrar o papo com a frase “Tem gente que está saindo de casa p/ caminhar quase com neve, muito mais frio do que aqui, eu hem, isto é frescura, eu vou me cuidar, se não você não quer, então fica aí.” E mesmo com muito sono e preguiça, me arrumei e saí.

Nem foi preciso tanto agasalho, vesti uma calça de moletom, uma camiseta de malha de manga curta e por cima um agasalho dele que é de tactel, mas como é forradinho com um tecido tipo nylon, todo furadinho, esquenta bem. E na cabeça coloquei um boné, só p/ proteger caso houvesse vento frio, para evitar a sinusite. E bastou. Caminhei gostosamente, tive que ir num ritmo mais lento porque estou com um trequinho incomodando aqui na perna esquerda (repuxando um pouco), mas me mexi. Teria me arrependido se ficasse na cama.

Qdo cheguei de volta, fiquei zoando ele, que ainda estava na cama encolhido e fazendo cara de pobre coitado e de magoado, dizendo que quando eu tenho dor de cabeça de sinusite ele respeita e eu não estava fazendo o mesmo. Mas, cá entre nós, tomara que eu não seja injusta, mas que aquilo foi preguicite aguda e não sinusite, ah foi! Rs

E o dia seguiu bem, o almoço no trabalho foi o meu sanduba natural (pão árabe com pasta de soja/bacalhau, chicórea frissê, alface, queijo e kani-kama) que fiz em casa, uma refeição completa, nutritiva e deliciosa, modéstia à parte. E o lanchinho já está na geladeira, para logo mais. Hoje tem o jogo do Brasil contra a Argentina, é jogo importante, claro que vou ver na TV, queria que fosse aqui no Rio para ir ao Maraca torcer. Espero que desta vez a seleção jogue com brios, senão a Argentina vai dar uma olé na gente e eu não vou gostar nada...

Recados: Bia e Débora, blogueiras do RJ que estavam afastadinhas e voltaram esta semana, sejam muito bem-vindas e sucesso garotas!

Paro por aqui, desejando que todos estejam firmes e fortes. Quem estiver, continue. Quem não estiver, HOJE e AGORA é o momento exato para acertar o passo e seguir ok? E galera que anda falando muito em desânimo, vamos parando com isso já hem! Porque vejam só, se com todo o ânimo o negócio não é moleza, se ficar nesta de "estou assim, estou assado" é que não anda mesmo! Vamos em frente, garra aí gente! Pode não ser fácil, mas é possível! E vale a pena, porque nós valemos a pena! Beijoca.



 Escrito por Beth ?s 10h56
[] [envie esta mensagem]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Mulher, de 46 a 55 anos, Portuguese, English, Arte e cultura, Livros, Praia, Dançar, Curtir a vida
MSN -



EU ERA ASSIM  

ESTOU ASSIM Meu nome ? Elizabeth, sou conhecida como Beth
Analista de Sistemas, especialista em Metodologia, Processos e Qualidade em TI, Ger?ncia de Projetos,An?lise de Neg?cios, Auditora ISO, sou leonina do dia 10/08, carioca da gema, moro na minha na cidade maravilhosa (RJ), adoro fazer amizades, sonhar, ler, escrever, sou casada c/ Vicente - meu grande amor, m?e do Alexandre, um filh?o maravilhoso, que ? universit?rio e "boadastra" da Mimi, minha enteadinha adolescente linda a quem chamo aqui de filhotinha.

Meu e-mail: beth.ebprs@gmail.com
Meu MSN: ebprs@hotmail.com



Objetivo deste Blog: Compartilhar meu processo de reeducação alimentar e mudança de hábitos que resultou no meu emagrecimento, me tirou da obesidade mórbida e me ensinou e ensina tanto!



Meu processo: Fui beb? 'cheinho',crian?a de peso normal, na adolesc?ncia tinha ?timo corpo. No in?cio da fase adulta comecei a engordar c/facilidade em fun??o de uma mudan?a p/ pior dos h?bitos alimentares e tb devido a dificuldade que tive em enfrentar alguns problemas pessoais, decep??es e m?goas que se transformaram em Kg a mais (eu as COMI). Durante anos optei por m?todos indevidos, tomei rem?dios, f?rmulas, inje??es, fiz dietas mirabolantes e isto tudo me ajudou a virar uma sanfona que cada vez abria mais e fechava menos. Cheguei ao auge da obesidade c/ 140 kg e dei o basta. Primeiro, fiz um pequeno controle que me ajudou a emagrecer quase 5 kg. Depois, entrei para o Vigilantes do Peso, onde emagreci 53kg c/equil?brio, seguran?a e muita alegria. Aprendi muito, o caminho foi t?o importante quanto os resultados. Eliminei 53 kg com o método do Vigilantes do Peso e atividade física. Aumentei depois alguns kg e agora prossigo, para reconquistar a minha meta e mantê-la para sempre.

Cr?ditos Imagens: Google
Comunidade no Orkut!


Comunidade Orkut: Eu sou f? da Beth - A Conquista! criado com carinho pela amiga Lili (obrigada, lindinha!)
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=2052374


 
Clique AQUI e veja
o que eu como!




HIST?RICO
 01/01/2011 a 15/01/2011
 16/12/2010 a 31/12/2010
 01/12/2010 a 15/12/2010
 16/11/2010 a 30/11/2010
 01/11/2010 a 15/11/2010
 16/10/2010 a 31/10/2010
 01/10/2010 a 15/10/2010
 16/09/2010 a 30/09/2010
 01/09/2010 a 15/09/2010
 16/08/2010 a 31/08/2010
 01/08/2010 a 15/08/2010
 16/07/2010 a 31/07/2010
 01/07/2010 a 15/07/2010
 16/06/2010 a 30/06/2010
 01/06/2010 a 15/06/2010
 16/05/2010 a 31/05/2010
 01/05/2010 a 15/05/2010
 16/04/2010 a 30/04/2010
 01/04/2010 a 15/04/2010
 16/03/2010 a 31/03/2010
 01/03/2010 a 15/03/2010
 16/02/2010 a 28/02/2010
 01/02/2010 a 15/02/2010
 16/01/2010 a 31/01/2010
 01/01/2010 a 15/01/2010
 16/12/2009 a 31/12/2009
 01/12/2009 a 15/12/2009
 16/11/2009 a 30/11/2009
 01/11/2009 a 15/11/2009
 16/10/2009 a 31/10/2009
 01/10/2009 a 15/10/2009
 16/09/2009 a 30/09/2009
 01/09/2009 a 15/09/2009
 16/08/2009 a 31/08/2009
 01/08/2009 a 15/08/2009
 16/07/2009 a 31/07/2009
 01/07/2009 a 15/07/2009
 16/06/2009 a 30/06/2009
 01/06/2009 a 15/06/2009
 16/05/2009 a 31/05/2009
 01/05/2009 a 15/05/2009
 16/04/2009 a 30/04/2009
 01/04/2009 a 15/04/2009
 16/03/2009 a 31/03/2009
 01/03/2009 a 15/03/2009
 16/02/2009 a 28/02/2009
 01/02/2009 a 15/02/2009
 16/01/2009 a 31/01/2009
 01/01/2009 a 15/01/2009
 16/12/2008 a 31/12/2008
 01/12/2008 a 15/12/2008
 16/11/2008 a 30/11/2008
 01/11/2008 a 15/11/2008
 16/10/2008 a 31/10/2008
 01/10/2008 a 15/10/2008
 16/09/2008 a 30/09/2008
 01/09/2008 a 15/09/2008
 16/08/2008 a 31/08/2008
 01/08/2008 a 15/08/2008
 16/07/2008 a 31/07/2008
 01/07/2008 a 15/07/2008
 16/06/2008 a 30/06/2008
 01/06/2008 a 15/06/2008
 16/05/2008 a 31/05/2008
 01/05/2008 a 15/05/2008
 16/04/2008 a 30/04/2008
 01/04/2008 a 15/04/2008
 16/03/2008 a 31/03/2008
 01/03/2008 a 15/03/2008
 16/02/2008 a 29/02/2008
 01/02/2008 a 15/02/2008
 16/01/2008 a 31/01/2008
 01/01/2008 a 15/01/2008
 16/12/2007 a 31/12/2007
 01/12/2007 a 15/12/2007
 16/11/2007 a 30/11/2007
 01/11/2007 a 15/11/2007
 16/10/2007 a 31/10/2007
 01/10/2007 a 15/10/2007
 16/09/2007 a 30/09/2007
 01/09/2007 a 15/09/2007
 16/08/2007 a 31/08/2007
 01/08/2007 a 15/08/2007
 16/07/2007 a 31/07/2007
 01/07/2007 a 15/07/2007
 16/06/2007 a 30/06/2007
 01/06/2007 a 15/06/2007
 16/05/2007 a 31/05/2007
 01/05/2007 a 15/05/2007
 16/04/2007 a 30/04/2007
 01/04/2007 a 15/04/2007
 16/03/2007 a 31/03/2007
 01/03/2007 a 15/03/2007
 16/02/2007 a 28/02/2007
 01/02/2007 a 15/02/2007
 16/01/2007 a 31/01/2007
 01/01/2007 a 15/01/2007
 16/12/2006 a 31/12/2006
 01/12/2006 a 15/12/2006
 16/11/2006 a 30/11/2006
 01/11/2006 a 15/11/2006
 16/10/2006 a 31/10/2006
 01/10/2006 a 15/10/2006
 16/09/2006 a 30/09/2006
 01/09/2006 a 15/09/2006
 16/08/2006 a 31/08/2006
 01/08/2006 a 15/08/2006
 16/07/2006 a 31/07/2006
 01/07/2006 a 15/07/2006
 16/06/2006 a 30/06/2006
 01/06/2006 a 15/06/2006
 16/05/2006 a 31/05/2006
 01/05/2006 a 15/05/2006
 16/04/2006 a 30/04/2006
 01/04/2006 a 15/04/2006
 16/03/2006 a 31/03/2006
 01/03/2006 a 15/03/2006
 16/02/2006 a 28/02/2006
 01/02/2006 a 15/02/2006
 16/01/2006 a 31/01/2006
 01/01/2006 a 15/01/2006
 16/12/2005 a 31/12/2005
 01/12/2005 a 15/12/2005
 16/11/2005 a 30/11/2005
 01/11/2005 a 15/11/2005
 16/10/2005 a 31/10/2005
 01/10/2005 a 15/10/2005
 16/09/2005 a 30/09/2005
 01/09/2005 a 15/09/2005
 16/08/2005 a 31/08/2005
 01/08/2005 a 15/08/2005
 16/07/2005 a 31/07/2005
 01/07/2005 a 15/07/2005
 16/06/2005 a 30/06/2005
 01/06/2005 a 15/06/2005
 16/05/2005 a 31/05/2005
 01/05/2005 a 15/05/2005
 16/04/2005 a 30/04/2005
 01/04/2005 a 15/04/2005
 16/03/2005 a 31/03/2005
 01/03/2005 a 15/03/2005
 16/02/2005 a 28/02/2005
 01/02/2005 a 15/02/2005
 16/01/2005 a 31/01/2005
 01/01/2005 a 15/01/2005
 16/12/2004 a 31/12/2004
 01/12/2004 a 15/12/2004
 16/11/2004 a 30/11/2004
 01/11/2004 a 15/11/2004
 16/10/2004 a 31/10/2004
 01/10/2004 a 15/10/2004
 16/09/2004 a 30/09/2004
 01/09/2004 a 15/09/2004
 16/08/2004 a 31/08/2004
 01/08/2004 a 15/08/2004
 16/07/2004 a 31/07/2004
 01/07/2004 a 15/07/2004
 16/06/2004 a 30/06/2004
 01/06/2004 a 15/06/2004



OUTROS SITES
 Site do Vigilantes do Peso
 Ação pelo semelhante
 Nutrella
 MC DONALDS - Tabela Nutricional
 Site ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL
 Saudável.Info
 Vegê Gourmê - Blog da Chef Michele Maia
 Lu Francesa
 Selma Guerreira
 Meu Emagrecimento (Sara)
 Serei magra (Andreia)
 Renascer (Thuca)
 Valquíria
 Blog da Magui
 Neblina
 O sabor da vitória (Electra)
 Entretanto, eu (Jana)
 Diva esbelta e feliz (Diva)
 Miss Blueberry
 Vida boa é vida saudável (Cristy Costa)
 Diário light (Sylmara)
 Blog da Eloyza
 Veneno urgente (Flavia Rocha)
 Blog da Fafá
 Espelho light (Elaine)
 Blog da Cynthia (Londres)
 Agora eu emagreço (Aline) Brasília
 Never give up (Renata - Tita)
 Blog da Micha - RJ
 Homem também faz dieta (Carlos) RJ
 Jaqueline
 Mulher de Atitude - Cacau RJ
 Serei sereia (Fabi) RS
 A caminho da vitória (Elaine Regiane) SP
 Blog da Rogeria
 Blog da Georgia
 Escrevendo emagrecendo (Lisa)
 Diet Forever (Zá)
 Garotinha ruiva (o outro blog da Lu Russa)
 Dieta urgente (Luciana Alexandrino)
 Space Cris
 Tetê Sereiah
 Andréa Aoki
 Gordinha da Silva
 O sucesso da Lorena
 Renata sem firulas
 Valérie Roberto
 Arianna
 Clara - RJ
 Andréa Cordoniz
 Ana Carolina grávida
 Ana Carolina
 Miss Slim
 Drica (Paraty-RJ)
 Ada Sheila
 Anselmo
 Sueli
 Sol
 Kelly
 Jessica (Elite)
 Nilce
 Leila (Ninguém merece ser 3G)
 Fanta Diet
 Infobeso
 Cris Lopes
 Aline Tomaz (RJ)
 Roberta Alves
 Sue - gravidinha
 Cris fit
 Annie
 Novidades da Cris
 Leila Batista
 Clarita
 Rebecca sapeca
 Lua emagrecendo
 Brian
 Diario da bonita Andrea
 Marilia
 Marilia Vitória
 Aline Virtus
 Paula pra melhor
 Cristiane
 Teresinha
 Ana Cleide
 
 Marcia (Marquinhas)
 Pri 2
 Ludmila
 Lela
 Jana Carmen
 Pri emagrecendo...
 Luzluzinha
 Barbarella (Andrea Glauce)
 Raiane
 Luciana Kotaka
 Vanessa (Campinas)
 Patty emagrecendo de bem...
 Nanda (Idade da Pedra)
 Carlos Medeiros
 Lara
 Dani - Brasília
 Teresa Cristina
 Sisi
 Miriam - RJ
 Kaká
 Gabi e Ana Luiza
 Diário de Macherrie
 Catia
 Amanda Costa
 Rosimeyre
 Alice
 Walkiria
 Crizinha
 Char
 Lu Pinheiro
 Elisandra
 Lahys
 Cotidiano (Zany)
 Karen
 Kika
 Nicky
 O novo blog da Taty Carioca
 Isabela
 Lisandra
 Ju sem pressa
 VIGILANTES DA AUTO ESTIMA
 JT
 Barbarella
 Angelica Fernandes
 Claudia
 Lagarta de borboleta
 Alisson
 Nova Jacque
 Patty Roberta
 Michelle 2
 Elissandra
 Juliene
 Ana Paula
 Annie emagrecendo
 Lili Bolero
 Fernanda Betini
 Karina Torres
 Valqs
 Ana Telma
 Lilian Raquel (Lee)
 Cáritas
 Baxie
 Cacau II
 Renatita
 Nando Neri
 Isabelle
 Nanda
 Edite
 Way to go (Clara )
 Bartira
 BLOG COMER SEM CULPA
 Andreia Cantelli
 Lu Mme Light
 Magali
 Lu
 Aline RJ


VOTA??O
 D? uma nota para meu blog!