Conquista

UOL
   TE DESEJO UM DIA DE VITÓRIA!

                             Vencer os outros não chega a ser uma grande vitória. Vitorioso é aquele que consegue vencer a si mesmo combatendo seus vícios e controlando suas paixões. A vitória sobre nós mesmos é muito mais difícil. Ela requer mais coragem mais disciplina e mais decisão. Se você não conseguir na primeira vez tente de novo. O simples fato de tentar de novo já será sua primeira vitória. (autor desconhecido) 

Imagem encontrada na Internet, site das ed. Paulinas.

 

Hoje recebi este texto, por e-mail, enviado por uma amiga muito querida, uma maluquinha de ouro que não vejo pessoalmente há tempos, que saudade dela! Eu já conhecia este pensamento, mas não me lembrava mais e ele chegou em boa hora.

 Chegou numa hora em que me sinto forte, aliás, fortalecendo progressivamente. Momento que me sinto vitoriosa, a cada dia, ao me perceber de novo tão mais disciplinada, tão mais atenta, tão mais comprometida comigo mesma e com o que me faz bem.

Sempre podendo melhorar mais e mais, claro! Quem se acha 100% na linha não faz nada para se aprimorar, acomoda, é o erro fatal. A gente tem que entender que sempre pode aprender mais, nem que seja no exercício da criatividade, nunca a gente sabe tudo e faz tudo de um jeito que não possa ser, numa outra vez, um pouquinho mais legal.  Mas, atenção: não é para também ficar só se lamuriando, só achando defeitos no que faz! É ter uma visão crítica mas positiva e que leve a avanços!

 

Mas é bom me ver assim, me sentir assim na batalha, sabem como é, né? Me sentir desafiada por mim mesma a dar uma nova virada, a voltar a ser como gosto e como me faz bem ser, nesta questão da alimentação, da regularidade etc.

Não estou fazendo nada demais, nem de menos. Estou simplesmente na medida certa. De que forma? Simples assim, basicamente:

- Anotando diariamente minhas refeições, que são planejadas na véspera e reajustadas ao longo de cada dia, conforme algumas circunstâncias, mas sempre totalmente no controle.


- Não me permitindo deslizes desnecessários, já que eu sei que dentro do meu cardápio diário, programado, cabe qualquer coisa desde que eu saiba combinar, dosar etc.  Mas  sendo coisas que não são tão saudáveis, maravilhosas e necessárias assim, tenho montado meu cardápio de forma que elas não estejam presentes, não precisam fazer parte do meu cotidiano.


- Exercitando, sem me fazer de boba para mim mesma, o meu direito e poder de  ESCOLHA e pensando ANTES de escolher. E assim, escolhendo bem, escolhendo melhor. Escolhendo a meu favor.

E mais algumas coisas, vou falando delas aos poucos, post após post...

Mas são coisas simples que sei fazer, mas ultimamente não praticava regularmente, talvez em função do “me garanto” bem pertinente a uma certa prepotência que não posso negar que possuo. Vencer estas coisinhas para mim é muito importante, me dá uma sensação deliciosa de ‘eu de novo na área’.

 

Já aconteceu muitas vezes ao longo deste ano e do ano passado, um pouco do retrasado também, eu ficar assim tão mais firme e, aos poucos, me deixar de novo ficar um pouco mais displicente. Uma displicência consentida por mim mesma, por conta do tal do ‘me garanto’ (sempre ele), que em nada me beneficiava, mas eu ia dando trela para mim mesma.

Só que em vez de gastar energia lastimando as falhas cometidas, que conheço tão bem, sei como_onde_quando bobeava, eu vou é usar esta energia trabalhando para virar o jogo de novo. E já virei, ué. Só vira o jogo quem já venceu? Nada! Vira-se o jogo quando se decide que vai virar.

 

Vira-se o jogo quando se resolve ir à luta DE VERDADE (e não só com palavras ou um “quase jogando direitinho”) e mete-se a mão na massa. Se eu já estou nesta, então já estou virando o jogo.

O fato é que eu gosto desta viagem. Ao contrário de muita gente, não considero sacrifício nenhum estar na linha. Quando não fico é por bobeira, arrogância (sim, tenho que admitir) e talvez resquícios dos velhos hábitos, que sempre espreitam achando que vão se criar de novo por aqui. Ok... eles até encostam, mas não incorporam hahahaha (não deixo).


Sabem, muita gente não curte o trajeto até chegar ao seu objetivo porque só se fixa nele, o objetivo, a meta. Eu já falei sobre isto aqui muitas vezes, então vai de novo.

 

Imaginem uma viagem que desejam muito fazer. Há um lugar desejado, onde querem chegar. E sonham com tudo que farão e vivenciarão quando lá estiverem. Que lugar bacana! Que maravilha sonhar com ele!


Mas, atenção, para chegar lá, temos que viajar, não é? A viagem não é chegar lá e sim percorrer o caminho até lá!!!!!!
Estamos viajando enquanto estamos nos transportando até onde queremos chegar!

Vamos curtindo, então, este caminho, ora bolas! Aprendendo com ele, sempre, por mais que a gente até ache que já o conhece bem (e mesmo que conheçamos, sempre há algo novo a apreciar, a aprender ou algo a relembrar). O problema é que muitas vezes a pessoa quer chegar ao tal lugar, sem ter que enfrentar a estrada. Quer ser teletransportada para lá. Infelizmente, amiguinhos, não rola.

 

Tem um caminho sim, tem que ser percorrido, tem que ser vivido. E se a gente vivê-lo com atenção, alegria, responsabilidade, leveza na alma, a viagem vai ser muito mais gostosa e a chegada ao objetivo tão mais interessante! Este processo é assim. Seja em que fase você estiver, curta a viagem.


Se faltam poucos passos para chegar lá, parabéns pelo que já percorreu e continue firme, continue dando um passinho de cada vez para chegar. Parece que quanto mais perto se chega mais fica difícil não é? Mas só perseverando, mesmo nesta etapa final, a gente consegue.


Se faltam muitos passos, parabéns porque você já saiu do zero, já se decidiu a ir e agora é seguir. Mesmo que você esteja muito longe, tão longe que não consiga ainda enxergar direito o ponto de chegada, continue em frente. Passo a passo, quando ver já terá avançado muito e de repente não conseguirá mais, olhando para trás, ver o ponto de partida. E daqui a pouco ou mesmo daqui a muito, verá o de chegada sim.


Só persistindo, só renovando todos os dias a fé em si mesmo e se motivando seguidamente, tendo muita paciência também, a coisa vai rolar.
Mas não vale a pena? Vale ué!


Seja vitorioso desde o primeiro pensamento voltado ao que quer conquistar. E seja vitorioso a cada diazinho em que você se propuser a dar o seu melhor, confiante. E se você cair, seja vitorioso ao admitir suas falhas e ao se levantar para seguir de novo.

Então, vamos em frente né?

DESEJO A VOCÊS E A MIM  UM DIA DE VITÓRIA. HOJE! OUTRO, AMANHÃ! E DAÍ EM DIANTE!  Bom fim de semana!  Beijos!

 



 Escrito por Beth ?s 13h56
[] [envie esta mensagem]


 
  

Hoje é segunda-feira. De novo! O tempo está voando. Ontem (dia 23) já fez 1 mês que a mamãe partiu. Nossa, como é que pode? Ainda ouço a voz dela em casa, ainda sinto o cheirinho bom no quarto que foi dela por apenas 11 dias, um período curto, mas intenso!

 

Já vi que atualmente só consigo mesmo vir aqui uma vez por semana. Nem me proponho a nada menos que isso, não há tempo. Admito que até há dias em que forçando a barra conseguiria vir postar, mas às vezes estou meio sem saco, ou sem assunto. Aí, melhor esperar outra hora, não é?

 

Mas não largo o blog, gosto dele, gosto deste contato com vocês que ele me proporciona, gosto do bem que ele faz a mim. Este blog foi e continua sendo um instrumento muito importante no meu processo, em suas diferentes fases. Negar isso seria um absurdo.

 

O fim de semana foi tranquilinho. O tempo ficou (ainda está) horroroso, nubladão e chuvoso, a temperatura deu uma baixada, então nada de praia. Tinha uma programação especial para sábado à tarde, mas uma impossibilidade em cima da hora mudou os planos. Mas foram dias de descanso, mesmo tendo ido ao horti-fruti e supermercado, que já estava nos planos e, sinceramente, faço com prazer. Ah, fui também ao cinema, assisti ao ótimo “Tempos de Paz”. Fora isso, fiquei mesmo quietinha, de papo pro ar.

 

Bom, eu disse no post passado que já estava dando um basta no oba-oba, não foi? E comecei a dar uma ajustadinha aqui, outra ali sim. Mas ainda QUASE na linha. E como é para a frente que se anda, do QUASE passei para o TOTAL. Estou firme e compenetrada, fiz um planejamento bem feitinho, do jeitinho que gosto e que sempre me ajudou muito antes, sei que vou seguir à risca.

 

E vou mesmo! Já estou! Porque assumi o compromisso comigo mesma. Assumi de verdade, como fiz em 2003 ao iniciar a minha virada. Não há sentido em ficar QUASE fazendo as coisas como devem ser, se eu não quero permanecer QUASE bem, eu quero estar efetivamente bem.

 

Estar bem, para mim, é sentir-me assim, com esta disposição de fazer o melhor. E eu sempre digo que a gente tem que fazer o melhor possível, mas entendendo  que nem sempre o possível é 100%. É verdade.

Mas, uma coisa é ter esta consciência e outra coisa é usá-la CONTRA mim mesma. Há tempos que o meu possível eu que estava determinando. Então, quem muitas vezes não tornou possível dar 100% fui eu mesma, com permissões seguidas, muito nheco-nheco pro meu gosto.

 A semana que passou foi de ajustes, ainda com permissões que eu, muito conscientemente, me dei. Mas tudo fazia parte de um plano de progresso gradativo e esta semana já é de total concentração e trabalho para fazer as coisas 100% certas.

 

Cardápio programado previamente e cada refeição anotada direitinho; pensando SEMPRE antes de qualquer impulso de comer, beliscar ou comprar algo desnecessário ou indevido para aquele horário e, assim, me dando a chance de dizer 'não, agora não' numa boa.

 

Engraçado que isto não me incomoda fazer, não é sacrifício nenhum, é só praticar. Assim como eu gosto de anotar o que como, já habituei a contar os pontos intimamente sempre que como, afinal é um hábito de anos, mas ultimamente não estava registrando,  pura bobeira.

 

Me conheço direitinho e sei bem quando estou tentando dar a volta em mim mesma. Mas, como assim, dar a volta em mim mesma? Sendo minha adversária? Logo euzinha aqui? Era só o que faltava! Nada disso.

 

Avaliando esta insistência do tempo em correr, voar, lembrei que ainda não fiz o resto dos exames que a médica pediu, estou com o resultado de uma parte esperando o resto para poder voltar nela. Ok, aconteceram mil coisas nos últimos tempos que atrapalharam, mas se eu penso direitinho, sendo honesta comigo mesma, vejo que um esforcinho extra teria resolvido tudo.

 

Por exemplo, a validade do pedido de exames venceu, mas o consultório da médica é logo ali, a apenas uma quadra do meu trabalho e eu passo na frente do prédio todos os dias. Então, se eu não fui lá pedir a ela para refazer o pedido, foi por preguiça, descaso, muitas vezes, certo? Certo, sim.

 

Uma vez ou outra, tudo bem, estava corrida, não pensei em nada, nem dava. Mas muitas outras vezes dava e eu não priorizei. Só por causa disto não fiz os exames que faltam. Uma vergonha! Esta semana vou resolver isso e ponto final.

 

Porque com tudo que aconteceu ultimamente, não deixei de fazer um monte de outras coisas que eu achei importantes. Não deixei de comprar uma peça nova de roupa, mesmo triste ou apressada, ou um calçado, ou mesmo mais uma biju bonitinha no camelô.  E cortei o cabelo, fiz as unhas regularmente, pintei o cabelo também etc. Ou seja, o que eu decidi focar, foquei mesmo com tantas situações me enrolando.

 

Outro exemplo é o tratamento dentário e de gengivas que iniciei, parei, voltei, levei adiante e, de repente, está parado de novo. Ah! Mas o plano dentário (empresarial) mudou e a dentista que eu estava adorando não atende pelo novo. E já estou eu tendo que partir para outro profissional, isto é um saco, a gente acaba tendo que deixar um que a gente gosta para tentar gostar de outro. Confesso que este tipo de coisa me enche e eu deixo me atrapalhar. Mas, nada disso. Saúde é o que interessa.


Ou eu paro e penso assim, com total sinceridade, sem ficar botando panos quentes na minha própria negligência com certas coisas, ou eu me estrepo e aí, não vou gostar né? Por isso esta avaliação tão dura. Mas real.

 

Então, é isso. Semana nova, ânimo excelente, vontade fortíssima de me dar um trato bem responsável, planos feitos e, melhor ainda, atitude coerente com os planos. ó pode dar certo, não é? Sempre que fiz assim, deu. Então, vai dar de novo.

Beijoca, boa semana para todo mundo.



 Escrito por Beth ?s 17h32
[] [envie esta mensagem]


 
   Tudo bem por aí? Tudo bem por aqui.

A foto abaixo foi tirada no dia 06/08, no Rio Scenarium (Lapa), onde comemoramos o aniversário da minha amiga/chefe Suely e de outro colega do trabalho. Eu ainda não tinha cortado o cabelo, só pintado. Depois trago outra ainda mais recente.

Fiquei uma semaninha inteira sem postar, mas faltou tempo. Foi uma semana bem agitadinha. No trabalho, muitas coisas bombando ao mesmo tempo. Na vidinha pessoal, também. Foi semana de aniversário, com mais de uma comemoração. Na segunda-feira (10/08), que foi o dia mesmo, almocei com o Vi e duas amigas, com direito a vela (estrelinha) enfiada em um sorvete, para o ‘Parabéns pra você’.

Á noite, celebração em casa só com meus amores (filho e marido) na base da pizza e depois de uma torta deliciosa que meu filho trouxe, também com vela e  ‘Parabéns pra você’.

No meio da semana, um almoço comemorativo de 6 aniversariantes da nossa gerência no trabalho, fizemos tudo junto porque senão ia ficar complicado para o povo, imaginem ter 6 almoços diferentes especiais numa semana? Assim, foi tudo num almoço só e foi ótimo.


Na sexta-feira comemorei o aniversário de uma amiga querida à noite e ela, sempre muito gentil, fez questão de ressaltar que de alguma forma comemorávamos o meu também. Mas era o dela! Ficando velho Foi uma noite bem agradável!

 No sábado curti uma praia deliciosa (Iara, lembrei de você na hora do mergulho, viu?) o tempo tem estado lindíssimo nos últimos dias. E à noite fomos ao teatro, assistir a uma peça muito boa, que eu recomendo: “A história de nós dois”. Excelente!


No domingo fui cuidar da vidinha espiritual e foi um dia que mexeu muito comigo. Levei p/ doar os remédios (alguns ainda em caixas fechadas ou bem cheias) e algumas peças que foram da mamãe. Levei também a cadeira higiênica que havia comprado para ela, estava ainda lacradinha, já que ela nem chegou a usar.

Não tenho apego a coisas materiais e sei que as velhinhas deste Lar onde entreguei as coisas precisam muito daquilo, dei com imenso carinho. Mas foi duro abrir gavetas e pegar aquelas peças para embalar. Talvez por saber que ‘ainda outro dia’ eu as estava colocando nas gavetas, toda contente, arrumando a mudança dela que acabara de chegar. É a tal da sensação do “mal chegou e já foi embora” que sacode muito, dói pra caramba, mas a cada dia vou lidando melhor com ela.


Também consegui vender a cadeira de rodas que havia comprado e que ela não usou. Esta eu não tive como doar, precisava do dinheiro para repor o que foi pago, até porque ela foi bem cara. E aquela cadeira lá em casa fazia um efeito horroroso em mim.

Toda vez que olhava para ela pensava no que ‘não deu tempo de fazer’, nos passeios que não chegaram a acontecer e a frustração se associava à dor, à saudade, não dava certo. Agora alguém há de aproveitá-la, se Deus quiser alguém vai se locomover com ela, é o que importa.Mas fiquei feliz porque a pessoa que comprou o fez também para ajudar ao próximo, acho que no final tudo ficou bem alinhadinho.

As demais coisas que estão em casa, e são muitas, não tenho pressa nenhuma em dar destino, vou aos poucos identificando a melhor maneira de elas serem aproveitadas por alguém, especialmente por quem realmente precise destas doações. Mas há uma blusa que a mamãe adorava e que eu gostava quando ela vestia, porque apesar do fundo preto ela tem uma estampa bonita, vistosa e mamãe parecia brilhar quando a usava. Vai ficar para mim, vou usar qualquer dia destes, em homenagem a ela.


E vou aprendendo aos poucos a viver esta nova etapa, ainda me sentindo meio coitadinha em alguns momentos (reconheço), mas de uma forma geral vou seguindo mais forte sim, afinal, o show tem que continuar não é?


Bom, vamos falar de alimentação? Já é hora né? Haha Pois é, pois é! Foi uma semana muito bundalelê, não dá pra negar. Me fiz de tonta, embora não estivesse em nenhum momento sem total consciência do quanto estava deixando o barco ir para onde quisesse.
Mas o barco tem leme e tem dona, né? Eu sou a dona e as mãos já estão de novo no leme. E a direção para onde o barco vai, quem decide não sou eu? Então, rumo ajustado e vou seguindo.

Hoje mesmo estava vendo aquela revista em que eu saí numa reportagem, em março de 2007 e comparei aquela estampa com a minha de hoje. Estou bem? Estou. Mas definitivamente eu não estou como naquela foto e ela correspondia direitinho à minha realidade na época. Há mais barriga, mais braço, mais costas, mais rosto hoje do que havia ali. É olhar com olhos de ver, não precisa muito não. E tomar vergonha na cara.Falei bobagem

Tenho trabalho sério para fazer neste sentido e vou fazer. Ok, já disse isso antes muitas vezes neste ano e até no ano passado. Não deixei a vaca ir para o brejo, é fato. Mas não há porque ela ficar assim, tão em risco ali na beiradinha, para em um ventinho sair rolando não é?
Então, mãos à obra.


Beijo carinhoso, tenham uma excelente semana, mais uma vez obrigadíssima por todo o carinho, pelos abraços, pelos votos de Feliz Aniversário, pela torcida, pela solidariedade, por tuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuudo! Deus os abençoe hoje e sempre!



 Escrito por Beth ?s 12h40
[] [envie esta mensagem]


 
  [ ver mensagens anteriores ]  
 
 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Mulher, de 46 a 55 anos, Portuguese, English, Arte e cultura, Livros, Praia, Dançar, Curtir a vida
MSN -



EU ERA ASSIM  

ESTOU ASSIM Meu nome ? Elizabeth, sou conhecida como Beth
Analista de Sistemas, especialista em Metodologia, Processos e Qualidade em TI, Ger?ncia de Projetos,An?lise de Neg?cios, Auditora ISO, sou leonina do dia 10/08, carioca da gema, moro na minha na cidade maravilhosa (RJ), adoro fazer amizades, sonhar, ler, escrever, sou casada c/ Vicente - meu grande amor, m?e do Alexandre, um filh?o maravilhoso, que ? universit?rio e "boadastra" da Mimi, minha enteadinha adolescente linda a quem chamo aqui de filhotinha.

Meu e-mail: beth.ebprs@gmail.com
Meu MSN: ebprs@hotmail.com



Objetivo deste Blog: Compartilhar meu processo de reeducação alimentar e mudança de hábitos que resultou no meu emagrecimento, me tirou da obesidade mórbida e me ensinou e ensina tanto!



Meu processo: Fui beb? 'cheinho',crian?a de peso normal, na adolesc?ncia tinha ?timo corpo. No in?cio da fase adulta comecei a engordar c/facilidade em fun??o de uma mudan?a p/ pior dos h?bitos alimentares e tb devido a dificuldade que tive em enfrentar alguns problemas pessoais, decep??es e m?goas que se transformaram em Kg a mais (eu as COMI). Durante anos optei por m?todos indevidos, tomei rem?dios, f?rmulas, inje??es, fiz dietas mirabolantes e isto tudo me ajudou a virar uma sanfona que cada vez abria mais e fechava menos. Cheguei ao auge da obesidade c/ 140 kg e dei o basta. Primeiro, fiz um pequeno controle que me ajudou a emagrecer quase 5 kg. Depois, entrei para o Vigilantes do Peso, onde emagreci 53kg c/equil?brio, seguran?a e muita alegria. Aprendi muito, o caminho foi t?o importante quanto os resultados. Eliminei 53 kg com o método do Vigilantes do Peso e atividade física. Aumentei depois alguns kg e agora prossigo, para reconquistar a minha meta e mantê-la para sempre.

Cr?ditos Imagens: Google
Comunidade no Orkut!


Comunidade Orkut: Eu sou f? da Beth - A Conquista! criado com carinho pela amiga Lili (obrigada, lindinha!)
http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=2052374


 
Clique AQUI e veja
o que eu como!




HIST?RICO
 01/01/2011 a 15/01/2011
 16/12/2010 a 31/12/2010
 01/12/2010 a 15/12/2010
 16/11/2010 a 30/11/2010
 01/11/2010 a 15/11/2010
 16/10/2010 a 31/10/2010
 01/10/2010 a 15/10/2010
 16/09/2010 a 30/09/2010
 01/09/2010 a 15/09/2010
 16/08/2010 a 31/08/2010
 01/08/2010 a 15/08/2010
 16/07/2010 a 31/07/2010
 01/07/2010 a 15/07/2010
 16/06/2010 a 30/06/2010
 01/06/2010 a 15/06/2010
 16/05/2010 a 31/05/2010
 01/05/2010 a 15/05/2010
 16/04/2010 a 30/04/2010
 01/04/2010 a 15/04/2010
 16/03/2010 a 31/03/2010
 01/03/2010 a 15/03/2010
 16/02/2010 a 28/02/2010
 01/02/2010 a 15/02/2010
 16/01/2010 a 31/01/2010
 01/01/2010 a 15/01/2010
 16/12/2009 a 31/12/2009
 01/12/2009 a 15/12/2009
 16/11/2009 a 30/11/2009
 01/11/2009 a 15/11/2009
 16/10/2009 a 31/10/2009
 01/10/2009 a 15/10/2009
 16/09/2009 a 30/09/2009
 01/09/2009 a 15/09/2009
 16/08/2009 a 31/08/2009
 01/08/2009 a 15/08/2009
 16/07/2009 a 31/07/2009
 01/07/2009 a 15/07/2009
 16/06/2009 a 30/06/2009
 01/06/2009 a 15/06/2009
 16/05/2009 a 31/05/2009
 01/05/2009 a 15/05/2009
 16/04/2009 a 30/04/2009
 01/04/2009 a 15/04/2009
 16/03/2009 a 31/03/2009
 01/03/2009 a 15/03/2009
 16/02/2009 a 28/02/2009
 01/02/2009 a 15/02/2009
 16/01/2009 a 31/01/2009
 01/01/2009 a 15/01/2009
 16/12/2008 a 31/12/2008
 01/12/2008 a 15/12/2008
 16/11/2008 a 30/11/2008
 01/11/2008 a 15/11/2008
 16/10/2008 a 31/10/2008
 01/10/2008 a 15/10/2008
 16/09/2008 a 30/09/2008
 01/09/2008 a 15/09/2008
 16/08/2008 a 31/08/2008
 01/08/2008 a 15/08/2008
 16/07/2008 a 31/07/2008
 01/07/2008 a 15/07/2008
 16/06/2008 a 30/06/2008
 01/06/2008 a 15/06/2008
 16/05/2008 a 31/05/2008
 01/05/2008 a 15/05/2008
 16/04/2008 a 30/04/2008
 01/04/2008 a 15/04/2008
 16/03/2008 a 31/03/2008
 01/03/2008 a 15/03/2008
 16/02/2008 a 29/02/2008
 01/02/2008 a 15/02/2008
 16/01/2008 a 31/01/2008
 01/01/2008 a 15/01/2008
 16/12/2007 a 31/12/2007
 01/12/2007 a 15/12/2007
 16/11/2007 a 30/11/2007
 01/11/2007 a 15/11/2007
 16/10/2007 a 31/10/2007
 01/10/2007 a 15/10/2007
 16/09/2007 a 30/09/2007
 01/09/2007 a 15/09/2007
 16/08/2007 a 31/08/2007
 01/08/2007 a 15/08/2007
 16/07/2007 a 31/07/2007
 01/07/2007 a 15/07/2007
 16/06/2007 a 30/06/2007
 01/06/2007 a 15/06/2007
 16/05/2007 a 31/05/2007
 01/05/2007 a 15/05/2007
 16/04/2007 a 30/04/2007
 01/04/2007 a 15/04/2007
 16/03/2007 a 31/03/2007
 01/03/2007 a 15/03/2007
 16/02/2007 a 28/02/2007
 01/02/2007 a 15/02/2007
 16/01/2007 a 31/01/2007
 01/01/2007 a 15/01/2007
 16/12/2006 a 31/12/2006
 01/12/2006 a 15/12/2006
 16/11/2006 a 30/11/2006
 01/11/2006 a 15/11/2006
 16/10/2006 a 31/10/2006
 01/10/2006 a 15/10/2006
 16/09/2006 a 30/09/2006
 01/09/2006 a 15/09/2006
 16/08/2006 a 31/08/2006
 01/08/2006 a 15/08/2006
 16/07/2006 a 31/07/2006
 01/07/2006 a 15/07/2006
 16/06/2006 a 30/06/2006
 01/06/2006 a 15/06/2006
 16/05/2006 a 31/05/2006
 01/05/2006 a 15/05/2006
 16/04/2006 a 30/04/2006
 01/04/2006 a 15/04/2006
 16/03/2006 a 31/03/2006
 01/03/2006 a 15/03/2006
 16/02/2006 a 28/02/2006
 01/02/2006 a 15/02/2006
 16/01/2006 a 31/01/2006
 01/01/2006 a 15/01/2006
 16/12/2005 a 31/12/2005
 01/12/2005 a 15/12/2005
 16/11/2005 a 30/11/2005
 01/11/2005 a 15/11/2005
 16/10/2005 a 31/10/2005
 01/10/2005 a 15/10/2005
 16/09/2005 a 30/09/2005
 01/09/2005 a 15/09/2005
 16/08/2005 a 31/08/2005
 01/08/2005 a 15/08/2005
 16/07/2005 a 31/07/2005
 01/07/2005 a 15/07/2005
 16/06/2005 a 30/06/2005
 01/06/2005 a 15/06/2005
 16/05/2005 a 31/05/2005
 01/05/2005 a 15/05/2005
 16/04/2005 a 30/04/2005
 01/04/2005 a 15/04/2005
 16/03/2005 a 31/03/2005
 01/03/2005 a 15/03/2005
 16/02/2005 a 28/02/2005
 01/02/2005 a 15/02/2005
 16/01/2005 a 31/01/2005
 01/01/2005 a 15/01/2005
 16/12/2004 a 31/12/2004
 01/12/2004 a 15/12/2004
 16/11/2004 a 30/11/2004
 01/11/2004 a 15/11/2004
 16/10/2004 a 31/10/2004
 01/10/2004 a 15/10/2004
 16/09/2004 a 30/09/2004
 01/09/2004 a 15/09/2004
 16/08/2004 a 31/08/2004
 01/08/2004 a 15/08/2004
 16/07/2004 a 31/07/2004
 01/07/2004 a 15/07/2004
 16/06/2004 a 30/06/2004
 01/06/2004 a 15/06/2004



OUTROS SITES
 Site do Vigilantes do Peso
 Ação pelo semelhante
 Nutrella
 MC DONALDS - Tabela Nutricional
 Site ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL
 Saudável.Info
 Vegê Gourmê - Blog da Chef Michele Maia
 Lu Francesa
 Selma Guerreira
 Meu Emagrecimento (Sara)
 Serei magra (Andreia)
 Renascer (Thuca)
 Valquíria
 Blog da Magui
 Neblina
 O sabor da vitória (Electra)
 Entretanto, eu (Jana)
 Diva esbelta e feliz (Diva)
 Miss Blueberry
 Vida boa é vida saudável (Cristy Costa)
 Diário light (Sylmara)
 Blog da Eloyza
 Veneno urgente (Flavia Rocha)
 Blog da Fafá
 Espelho light (Elaine)
 Blog da Cynthia (Londres)
 Agora eu emagreço (Aline) Brasília
 Never give up (Renata - Tita)
 Blog da Micha - RJ
 Homem também faz dieta (Carlos) RJ
 Jaqueline
 Mulher de Atitude - Cacau RJ
 Serei sereia (Fabi) RS
 A caminho da vitória (Elaine Regiane) SP
 Blog da Rogeria
 Blog da Georgia
 Escrevendo emagrecendo (Lisa)
 Diet Forever (Zá)
 Garotinha ruiva (o outro blog da Lu Russa)
 Dieta urgente (Luciana Alexandrino)
 Space Cris
 Tetê Sereiah
 Andréa Aoki
 Gordinha da Silva
 O sucesso da Lorena
 Renata sem firulas
 Valérie Roberto
 Arianna
 Clara - RJ
 Andréa Cordoniz
 Ana Carolina grávida
 Ana Carolina
 Miss Slim
 Drica (Paraty-RJ)
 Ada Sheila
 Anselmo
 Sueli
 Sol
 Kelly
 Jessica (Elite)
 Nilce
 Leila (Ninguém merece ser 3G)
 Fanta Diet
 Infobeso
 Cris Lopes
 Aline Tomaz (RJ)
 Roberta Alves
 Sue - gravidinha
 Cris fit
 Annie
 Novidades da Cris
 Leila Batista
 Clarita
 Rebecca sapeca
 Lua emagrecendo
 Brian
 Diario da bonita Andrea
 Marilia
 Marilia Vitória
 Aline Virtus
 Paula pra melhor
 Cristiane
 Teresinha
 Ana Cleide
 
 Marcia (Marquinhas)
 Pri 2
 Ludmila
 Lela
 Jana Carmen
 Pri emagrecendo...
 Luzluzinha
 Barbarella (Andrea Glauce)
 Raiane
 Luciana Kotaka
 Vanessa (Campinas)
 Patty emagrecendo de bem...
 Nanda (Idade da Pedra)
 Carlos Medeiros
 Lara
 Dani - Brasília
 Teresa Cristina
 Sisi
 Miriam - RJ
 Kaká
 Gabi e Ana Luiza
 Diário de Macherrie
 Catia
 Amanda Costa
 Rosimeyre
 Alice
 Walkiria
 Crizinha
 Char
 Lu Pinheiro
 Elisandra
 Lahys
 Cotidiano (Zany)
 Karen
 Kika
 Nicky
 O novo blog da Taty Carioca
 Isabela
 Lisandra
 Ju sem pressa
 VIGILANTES DA AUTO ESTIMA
 JT
 Barbarella
 Angelica Fernandes
 Claudia
 Lagarta de borboleta
 Alisson
 Nova Jacque
 Patty Roberta
 Michelle 2
 Elissandra
 Juliene
 Ana Paula
 Annie emagrecendo
 Lili Bolero
 Fernanda Betini
 Karina Torres
 Valqs
 Ana Telma
 Lilian Raquel (Lee)
 Cáritas
 Baxie
 Cacau II
 Renatita
 Nando Neri
 Isabelle
 Nanda
 Edite
 Way to go (Clara )
 Bartira
 BLOG COMER SEM CULPA
 Andreia Cantelli
 Lu Mme Light
 Magali
 Lu
 Aline RJ


VOTA??O
 D? uma nota para meu blog!